Peça Teatral "Assim que os anos passam" |

Peça Teatral "Assim que os anos passam"

Produzir e fazer temporada do espetáculo ASSIM QUE OS ANOS PASSAM no mês de SETEMBRO de 2018 na cidade de São Paulo.

Projeto por: Renan Botelho
R$ 1.150,00
arrecadado
meta R$ 9.000,00

5 benfeitores
apoiaram essa campanha

Não foi dessa vez :/

A meta de arrecadação não foi atingida e todas as colaborações foram estornadas. Obrigado pelo apoio ainda assim!

POR

Renan Botelho

Renan Botelho

R$ 50
Ajuda Nóis! Nunca te pedi nada.
4 benfeitores apoiando
- E-mail de Agradecimento; - 2 ingressos com 50% de desconto cada (do valor inteiro).
R$ 100
7 anos de relacionamento
Seja o primeiro a apoiar!
- E-mail de Agradecimento; - 1 ingresso para qualquer sessão da peça a ser retirado na bilheteria em dia a combinar com a produção.
R$ 200
5 anos de relaciomamento
Seja o primeiro a apoiar!
- E-mail de Agradecimento; - 2 ingressos para qualquer sessão da peça a ser retirado na bilheteria em dia a combinar com a produção; - Nome no programa do espectáculo.
R$ 500
Étude Bom :)
Seja o primeiro a apoiar!
- E-mail de Agradecimento; - 4 ingressos para qualquer sessão da peça a ser retirado na bilheteria em dia a combinar com a produção; - Nome no programa do espetáculo; - Nome no banner que irá dentro do teatro; - Cesta de café da manhã* * Retirar da Padaria Estado Luso. Av. Águas de São Pedro, 298 - Vila Pauliceia, São Paulo - SP, 02302-070.
R$ 1.000
Obrigado Mãe!
Seja o primeiro a apoiar!
- E-mail de Agradecimento; - 6 ingressos para qualquer sessão da peça a ser retirado na bilheteria em dia a combinar com a produção; - Nome no programa do espetáculo; - Nome no banner que irá dentro do teatro; - Caneca personalizada com o logo do espetáculo; - Cesta de café da manhã* * Retirar da Padaria Estado Luso. Av. Águas de São Pedro, 298 - Vila Pauliceia, São Paulo - SP, 02302-070.

“O quê mantém unido o que já não se pode unir?”

Essa é uma das questões levantadas no espetáculo “Assim que os anos passam”, escrito e dirigido por Renan Botelho.

A peça retrata a história de um casal disfuncional, Ele, um homem que tem consciência de que acabou, mas que não tem coragem de seguir em frente.  Ela, uma mulher que busca na fagulha do passado a esperança de um futuro melhor. Eles tomados por uma retumbante angustia, resolvem, nesta noite, confessar aos outros suas inquietudes, seus dissabores e vislumbres de um futuro.

 A linguagem do espetáculo fricciona o tempo real e imaginário, somos assim arrebatados pela incerteza se o que estamos vendo é realidade ou miragem,

Tendo como público-alvo os adultos, o espetáculo utiliza-se da relação entre as personagens para abordar temáticas como a relacionamento abusivos, desgaste emocional, fracassos e desejos frustrados.

O espetáculo preza pela qualidade nos quesitos de produção, técnicas e artísticos, afinal, esse trabalho é também parte de uma dissertação de Mestrado em que o Diretor analisa sua obra sobre a ótica acadêmica, gerando debates e reflexões com toda uma rede de pensamento.

O elenco, formado por profissionais de altíssima qualidade técnica e artista, reelabora e aplica suas técnicas em cima de uma nova ótica, que dialoga com o passado, o presente e o futuro teatral.

A sua colaboração é fundamental e essencial para que este espetáculo seja viabilizado e ganhe o palco para cumprir temporada na cidade de São Paulo.

Nossa meta aqui, é conseguir pagar os salários de ensaio dos atores e da técnica (produção e direção)

Incentive este projeto e seja um colaborador, permitindo que os artistas tenham o tablado para exercer o seu ofício e que o público presencie um espetáculo de qualidade impar.

Esta é uma campanha TUDO OU NADA, portanto a sua participação é fundamental para que consigamos atingir o mínimo de 100% do valor pedido para a viabilização dos ensaios. Se a meta mínima não for atingida, a contribuição será devolvida para as pessoas que tiverem investido neste projeto.

“O quê mantém unido o que já não se pode unir?”

Essa é uma das questões levantadas no espetáculo “Assim que os anos passam”, escrito e dirigido por Renan Botelho.

A peça retrata a história de um casal disfuncional, Ele, um homem que tem consciência de que acabou, mas que não tem coragem de seguir em frente.  Ela, uma mulher que busca na fagulha do passado a esperança de um futuro melhor. Eles tomados por uma retumbante angustia, resolvem, nesta noite, confessar aos outros suas inquietudes, seus dissabores e vislumbres de um futuro.

 A linguagem do espetáculo fricciona o tempo real e imaginário, somos assim arrebatados pela incerteza se o que estamos vendo é realidade ou miragem,

Tendo como público-alvo os adultos, o espetáculo utiliza-se da relação entre as personagens para abordar temáticas como a relacionamento abusivos, desgaste emocional, fracassos e desejos frustrados.

O espetáculo preza pela qualidade nos quesitos de produção, técnicas e artísticos, afinal, esse trabalho é também parte de uma dissertação de Mestrado em que o Diretor analisa sua obra sobre a ótica acadêmica, gerando debates e reflexões com toda uma rede de pensamento.

O elenco, formado por profissionais de altíssima qualidade técnica e artista, reelabora e aplica suas técnicas em cima de uma nova ótica, que dialoga com o passado, o presente e o futuro teatral.

A sua colaboração é fundamental e essencial para que este espetáculo seja viabilizado e ganhe o palco para cumprir temporada na cidade de São Paulo.

Nossa meta aqui, é conseguir pagar os salários de ensaio dos atores e da técnica (produção e direção)

Incentive este projeto e seja um colaborador, permitindo que os artistas tenham o tablado para exercer o seu ofício e que o público presencie um espetáculo de qualidade impar.

Esta é uma campanha TUDO OU NADA, portanto a sua participação é fundamental para que consigamos atingir o mínimo de 100% do valor pedido para a viabilização dos ensaios. Se a meta mínima não for atingida, a contribuição será devolvida para as pessoas que tiverem investido neste projeto.

Renan Botelho ainda não publicou nenhuma notícia.