A Vida Ao Lado - Peça de Teatro |

A Vida Ao Lado - Peça de Teatro

A peça acompanha o dia a dia de moradores de um prédio que terão que deixar seus apartamentos para construção de um enorme exótico aquário.

Projeto por: Cristina Fagundes
R$ 3.960,00
arrecadado
meta R$ 10.000,00

18
benfeitores

40%
arrecadado

12
dias restantes

É tudo ou nada! Precisamos bater a meta até 30/07/2018 - 23:59

POR

Cristina Fagundes

Cristina Fagundes

Diretora teatral, roteirista e atriz. Destacou-se na televisão nas telenovelas Mulheres Apaixonadas e Poder Paralelo. Desde 2010 foi diretora artística do Teatro O Tablado, pertencente à Maria Clara Machado, além de diretora geral do Clube da Cena e responsável pelo Ateliê Artístico do Rio.

R$ 10
Parceiro
1 benfeitor apoiando
Agradecimento especial nas nossas Redes Sociais.
R$ 25
Mais do que parceiro, amigo!
2 benfeitores apoiando
Agradecimento em formato especial. Nosso elenco vai gravar um vídeo para você e compartilharemos nas Redes Sociais!
R$ 50
Convidado VIP
6 benfeitores apoiando
Um ingresso para você assistir a peça + agradecimento nas redes sociais.
R$ 100
Convidado Super VIP
6 benfeitores apoiando
Dois ingressos para você assistir a peça com alguém especial + agradecimento nas redes sociais
R$ 200
Família VIP
Seja o primeiro a apoiar!
Quatro ingressos para você curtir a peça com um grupo + agradecimento nas redes sociais.
R$ 250
Colaborador
Seja o primeiro a apoiar!
Dois ingressos + agradecimento nas redes sociais + roteiro autografado pelo elenco.
R$ 350
Super Colaborador
Seja o primeiro a apoiar!
Dois ingressos + agradecimento nas redes sociais + roteiro autografado pelo elenco + foto no palco com todos!
R$ 500
Parte do show!
Seja o primeiro a apoiar!
Nossa renomada diretora vai escrever uma cena exclusiva para você dentro do tema que preferir.
R$ 1.000
Patrocinador
3 benfeitores apoiando
Se você quiser apoiar como empresa ou pessoa física nosso espetáculo, você receberá benefícios mais do que especiais: Além da nossa gratidão, você terá o nome no material de divulgação da peça e no áudio de abertura do espetáculo + ingressos especiais + foto com o elenco + roteiro autografado, claro, com uma dedicatória mais do que especial!

Você acredita no poder da arte e da cultura para mudar a nossa sociedade? 

Se sim, continue lendo o nosso projeto! Após sucesso de crítica e público, queremos realizar mais uma temporada da peça "A Vida Ao Lado". O espetáculo é dirigido por Cristina Fagundes.

Com a sua colaboração, a nova temporada acontecerá do dia 7 até 30 de julho, no Teatro Ipanema, no Rio de Janeiro. Sem patrocínio, o dinheiro está saindo do bolso da equipe envolvida porque acreditamos que a peça está fazendo a diferença na cultura do nosso país. Queremos levar essa reflexão para mais pessoas. Além disso, queremos lançar um novo formato de direção e roteiro, inovador na área teatral. 

A peça acompanha o último mês de moradores de um prédio antes da mudança - quem são, como vivem, e como reagem à notícia de que terão que sair de seus apartamentos.  A mudança serve como um pano de fundo para mostrar com humor como o ser humano reage quando é obrigado a sair de sua zona de conforto.

Um rico painel humano vai se revelando à medida que a trama avança, e aos poucos, o público perceberá em cada apartamento questões universais como o amor, a solidão, o medo, as limitações, os sonhos e projetos de cada um.

Conforme a trama se desenrola, acompanhamos a vida de moradores de perfis bem diversos, como: um casal amoral que está por trás da desapropriação do edifício e que pretende lucrar com a construção do exótico aquário; uma idosa solitária que vive nas redes sociais procurando por um par; um síndico pacato e acomodado que resolve pular a cerca e viver uma tórrida paixão; um trio de namorados composto por dois homens e uma mulher que discutem juntos a questão da maternidade a três; uma senhora conservadora que acaba se consolando com o porteiro após uma decepção com o marido; um grupo apático de moradores que passam o dia deitados no sofá ouvindo Bob Dylan e questionando tudo e não fazem absolutamente nada para mudar a realidade, em uma inércia desconcertante, que reflete os tempos atuais; um militante gay que tenta reagir à desapropriação, mas acaba sofrendo uma violência por parte de outro morador; uma família de refugiados que vivem brigando dentro de uma língua desconhecida; crianças que se reúnem no play e repetem os preconceitos dos pais, e por aí vai...

Essas histórias vão tendo seus fios puxados e se esbarrando aqui e ali, em uma estrutura dramatúrgica de multitrama, onde todos são protagonistas e cujo tema maior é o comportamento humano e suas idiossincrasias e contradições.

Como um interessado voyeur, o público acompanha a vida dessas pessoas em público e na intimidade do lar e até mesmo na solidão de cada morador e vê como cada um se comporta em diferentes situações nas horas mais difíceis de suas vidas.

ELENCO:

Alexandre Barros, Alexandre Varella, Ana Paula Novellino, Bia Guedes, Cristina Fagundes, Flavia Espirito Santo e Marcello Gonçalves.

RECOMPENSA E CUSTOS:

Atenção! Nossa campanha funciona na base do tudo ou nada, isso significa que caso não consigamos atingir a meta mínima, o dinheiro que você investiu será devolvido inteiro. Mas, vai ser muito mais difícil viabilizarmos nossa peça do jeito que gostaríamos e com a qualidade que nosso público merece. Nesse caso, também não conseguiremos viabilizar as recompensas previstar aqui ao lado, além de ficarmos muito tristes.

Caso a campanha ultrapasse a meta mínima temos metas adicionais que tornam esse projeto AINDA MELHOR. 

Veja a repercussão da primeira temporada:

 

Peça - A Vida Ao Lado

 

 

 

 

Cristina Fagundes ainda não publicou nenhuma notícia.

Você acredita no poder da arte e da cultura para mudar a nossa sociedade? 

Se sim, continue lendo o nosso projeto! Após sucesso de crítica e público, queremos realizar mais uma temporada da peça "A Vida Ao Lado". O espetáculo é dirigido por Cristina Fagundes.

Com a sua colaboração, a nova temporada acontecerá do dia 7 até 30 de julho, no Teatro Ipanema, no Rio de Janeiro. Sem patrocínio, o dinheiro está saindo do bolso da equipe envolvida porque acreditamos que a peça está fazendo a diferença na cultura do nosso país. Queremos levar essa reflexão para mais pessoas. Além disso, queremos lançar um novo formato de direção e roteiro, inovador na área teatral. 

A peça acompanha o último mês de moradores de um prédio antes da mudança - quem são, como vivem, e como reagem à notícia de que terão que sair de seus apartamentos.  A mudança serve como um pano de fundo para mostrar com humor como o ser humano reage quando é obrigado a sair de sua zona de conforto.

Um rico painel humano vai se revelando à medida que a trama avança, e aos poucos, o público perceberá em cada apartamento questões universais como o amor, a solidão, o medo, as limitações, os sonhos e projetos de cada um.

Conforme a trama se desenrola, acompanhamos a vida de moradores de perfis bem diversos, como: um casal amoral que está por trás da desapropriação do edifício e que pretende lucrar com a construção do exótico aquário; uma idosa solitária que vive nas redes sociais procurando por um par; um síndico pacato e acomodado que resolve pular a cerca e viver uma tórrida paixão; um trio de namorados composto por dois homens e uma mulher que discutem juntos a questão da maternidade a três; uma senhora conservadora que acaba se consolando com o porteiro após uma decepção com o marido; um grupo apático de moradores que passam o dia deitados no sofá ouvindo Bob Dylan e questionando tudo e não fazem absolutamente nada para mudar a realidade, em uma inércia desconcertante, que reflete os tempos atuais; um militante gay que tenta reagir à desapropriação, mas acaba sofrendo uma violência por parte de outro morador; uma família de refugiados que vivem brigando dentro de uma língua desconhecida; crianças que se reúnem no play e repetem os preconceitos dos pais, e por aí vai...

Essas histórias vão tendo seus fios puxados e se esbarrando aqui e ali, em uma estrutura dramatúrgica de multitrama, onde todos são protagonistas e cujo tema maior é o comportamento humano e suas idiossincrasias e contradições.

Como um interessado voyeur, o público acompanha a vida dessas pessoas em público e na intimidade do lar e até mesmo na solidão de cada morador e vê como cada um se comporta em diferentes situações nas horas mais difíceis de suas vidas.

ELENCO:

Alexandre Barros, Alexandre Varella, Ana Paula Novellino, Bia Guedes, Cristina Fagundes, Flavia Espirito Santo e Marcello Gonçalves.

RECOMPENSA E CUSTOS:

Atenção! Nossa campanha funciona na base do tudo ou nada, isso significa que caso não consigamos atingir a meta mínima, o dinheiro que você investiu será devolvido inteiro. Mas, vai ser muito mais difícil viabilizarmos nossa peça do jeito que gostaríamos e com a qualidade que nosso público merece. Nesse caso, também não conseguiremos viabilizar as recompensas previstar aqui ao lado, além de ficarmos muito tristes.

Caso a campanha ultrapasse a meta mínima temos metas adicionais que tornam esse projeto AINDA MELHOR. 

Veja a repercussão da primeira temporada:

 

Peça - A Vida Ao Lado

 

 

 

 

Cristina Fagundes ainda não publicou nenhuma notícia.