Ciclotela do Coque |

Ciclotela do Coque

Ciclotela do Coque: Triciclo que recolhe, espalha e ativa a história oral do bairro do Coque.


Ciclotela do Coque

Ciclotela do Coque: Triciclo que recolhe, espalha e ativa a história oral do bairro do Coque.


Meta 1: R$ 7.500

Ciclotela do Coque

O Museu da Beira da Linha do Coque foi criado pelos membros da comunidade para o acolhimento e ativação da história oral do bairro do Coque, em Recife (PE). O coração do acervo é o cadastro dos Contadores e Contadoras de Histórias do Coque e a coleção de seus depoimentos em vídeo. Nosso museu é, desde sua concepção, itinerante. Ele quer estar vivo, na rua. Para dar suporte a sua mobilidade dentro e fora do bairro, sonhamos começar com uma estrutura de fácil condução que acoplasse um sistema de projeção de imagem e som. Assim surgiu a Ciclotela do Coque, um triciclo adaptado que exibirá a história da nossa comunidade. Os 16 primeiros Contadores e Contadoras de Histórias do Coque entrevistados por Rildo Fernandes e a equipe do Museu.

Os 16 primeiros Contadores e Contadoras de Histórias do Coque entrevistados por Rildo Fernandes e a equipe do Museu.

 

Como será construída a Ciclotela do Coque?

Já temos o quadro do triciclo que foi cedido por Carlos Bike, membro do Museu e inventor de veículos ciclísticos do Coque. Precisamos agora dos equipamentos ciclísticos para a Ciclotela poder rodar e dos audiovisuais para que possa se tranformar num ponto de projeção para nossas histórias, além da bateria para que tenha total autonomia. Contamos com as Benfeitorias para adquirir os equipamentos e com Carlos Bike e Matuto do Coque, que também é integrante do Museu, para juntar tudo na oficina e entregá-la pronta, projetando.

Quem está envolvido com isso?

O Ponto de Cultura Espaço Livre do Coque é uma associação de moradores independente (não é um Ponto de Cultura do Minc) que surgiu em 2001 e foi quem idealizou e conduz o projeto do Museu, que vai andar através da Ciclotela. Com a pretensão de defender os interesses da comunidade, o Ponto de Cultura atua no Orçamento Participativo, no PREZEIS (Programa de Regularização de Zonas Especiais de Interesse Social), e se envolve com cultura, esporte e educação. É agente político ativo nas lutas pelo direito a moradia e terras. É o idealizador deste projeto e conseguiu aglutinar desde 2009 vários colaboradores e amigos, entre pessoas e instituições, para a implementação do Museu. Vem realizando as entrevistas e outras produções audiovisuais, recolhendo e organizando acervo documental, lançou o Museu em 4 de agosto de 2013 no evento colaborativo Coque RExiste e articulou junto à Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj), a sua primeira mostra.

Ciclotela na exposição do Museu da Beira da Linha do Coque na Fundaj

A sede do Museu, itinerante que é, foi tranferida do Coque para a Sala Vicente do Rego Monteiro, no edifício da Fundação Joaquim Nabuco no bairro do Derby, e lá está funcionando no período de visitação da exposição – de 16 de abril a 25 de maio de 2014, de terça a domingo das 15 às 20 horas. Um dos principais motes da exposição é a campanha para o financiamento coletivo da Ciclotela. Temos lá um protótipo dela para dar o gostinho e já estamos recebendo contribuições diretamente do público da exposição que vão somar-se às dos colaboradores online para tirar a Ciclotela do papel. Abertura da exposição do Museu da Beira da Linha na Fundaj

Abertura da exposição do Museu da Beira da Linha na Fundaj

E o Coque?

O Coque fica no centro do Recife, entre a linha do metrô e o Rio Capibaribe. Era uma área alagada que foi sendo ocupada pela população desde o final do século XX e hoje é uma comunidade complexa e intensa. É uma Zona Especial de Interesse Social onde o direito à moradia é protegido por lei, mas constantemente ameaçado pelas obras governamentais e interesses do setor imobiliário. A comunidade tem tradição forte de luta, conseguiu expulsar um shopping da área nos anos 70, com ditadura e tudo, e recentemente evitou que parte do território fosse ocupada pela OAB e que obras viárias expulsassem 58 famílias. Além das lutas diárias pelos direitos sociais a comunidade enfrenta a estigmatização. O Museu é uma antes de tudo uma atitude: tomar para si a narrativa da própria história.

Por que achamos isso tão importante?

O Museu da Beira da Linha do Coque preserva a nossa maior riqueza: a memória do nosso povo. O formato itinerante pretende que esta memória esteja em diálogo com quem lhe pertence e em constante reconfiguração diante de cada ponto levantado sobre o presente e passado dos que vivem ou viveram no Coque, bombeando vida e história, distribuindo esta memória nas artérias de nossa comunidade.

Como o Benfeitoria pode ajudar na concretização dessa idéia?

Já somos muitos apostando nessa ideia, neste sonho. Não dependemos de recursos públicos ou temos qualquer vinculo institucional que nos dê suporte para construir a Ciclotela. Logo, contamos única e exclusivamente com os integrantes do Ponto de Cultura do Coque, seus moradore(a)s e amigo(a)s do Museu. A nossa maior fonte de realização está na colaboração de nossos amigos e parceiros. Acreditamos que ao contar nossa história, iremos aproximar mais investidores dessa idéia.

Aguarde, carregando...



Ponto de Cultura Espaço Livre do Coque ainda não publicou nenhuma notícia.

R$ 0,00
arrecadado
meta R$ 7.500
0 benfeitores apoiaram essa campanha.




Não foi dessa vez :/

A meta de arrecadação não foi atingida e todas as colaborações foram estornadas. Obrigado pelo apoio ainda assim!

Recompensa indisponível no momento
R$10
Apoiando com R$ 10,00 ou mais
Seja o primeiro a apoiar!

Nome gravado em uma placa no Museu da Beira da Linha do Coque:

Ficamos muito gratos por sua colaboração! Seu nome ficará gravado em uma placa na sede do Museu da Beira da Linha do Coque

como registro permanente de sua colaboração. Agradeceremos também todos os apoiadores da Ciclotela nas redes sociais de que

participamos.


Recompensa indisponível no momento
R$30
Apoiando com R$ 30,00 ou mais
Seja o primeiro a apoiar!

Foto da Beira da Linha do Coque + todo o resto:

Estamos cada vez mais perto! Obrigado! Por sua contribuição você receberá uma foto 20x15cm da Beira da Linha onde o Coque

começou, além da recompensa anterior.


Recompensa indisponível no momento
R$50
Apoiando com R$ 50,00 ou mais
Seja o primeiro a apoiar!

Dvd com um dos vídeos do acervo + todo o resto:

Muitíssimo obrigado! Por sua contribuição você receberá um dvd com um dos filmes do acervo que vamos poder projetar pela

cidade quando a Ciclotela ficar pronta, mais as recompensas anteriores.


Recompensa indisponível no momento
R$75
Apoiando com R$ 75,00 ou mais
Seja o primeiro a apoiar!

Mapa de fatos urbanos do Coque + todo o resto:

O Coque festeja a cada contribuição! Muito obrigado! Você receberá por sua contribuição o Mapa dos Fatos Urbanos do Coque,

uma réplica em formato A3 da foto aérea gigante que foi produzida para a exposição “Museu da Beira da Linha do Coque” na

Fundação Joaquim Nabuco, além de todas as recompensas anteriores.


Recompensa indisponível no momento
R$100
Apoiando com R$ 100,00 ou mais
Seja o primeiro a apoiar!

Camiseta Museu da Beira da Linha do Coque + todo o resto:

Ficamos muito gratos por sua colaboração! Por conta dela lhe enviaremos uma camiseta do Museu da Beira da Linha do Coque

para você também poder mostrar um pouco da nossa história por onde andar, além das recompensas anteriores.


Recompensa indisponível no momento
R$250
Apoiando com R$ 250,00 ou mais
Seja o primeiro a apoiar!

Passeio de bike personalizada pelo Coque + todo o resto:

Agradecemos demais sua contribuição! Você fica convidado a nos fazer uma visita com um acompanhante e cada um de vocês

poderá dar um passeio de duas horas pela comunidade conosco, pedalando uma das super bikes transformadas por Carlos na

Criarte Bike, o mesmo laboratório de invenções de onde vai sair nossa Ciclotela, além das recompensas anteriores.


Recompensa indisponível no momento
R$500
Apoiando com R$ 500,00 ou mais
Seja o primeiro a apoiar!

Passeio de barco pelo Capibaribe + todo o resto:

Ficamos muito gratos por sua colaboração! O Coque é margeado pelo Rio Capibaribe. A beira da linha e o Rio são pontos

importantes de nossa história. Para agradecer a contribuição, vamos oferecer um passeio de barco no rio Capibaribe: você

encontra conosco no Marco Zero do Recife, nós te levamos de barco até a nossa comunidade e te trazemos de volta ao Marco ao

Zero.


Recompensa indisponível no momento
R$1000
Apoiando com R$ 1.000,00 ou mais
Seja o primeiro a apoiar!

A Ciclotela vai projetar pra você + todo o resto:

Agradecemos com muita alegria sua colaboração! Por conta dela, o Museu da Beira da Linha do Coque vai disponibilizar a Ciclotela

para projeção do acervo do Museu ou do seu, durante três horas no evento que você escolher em Recife. Teremos muito prazer em

projetar a sua história. Você receberá essa recompensa, além das outras anteriores.

É uma forma de viabilizar projetos de impacto positivo. Essa não é uma compra. É um ato de confiança.

A Benfeitoria não pode assegurar a execução do projeto nem a entrega das recompensas. Essa é uma responsabilidade direta dos realizadores. Estamos empenhados em fazer uma nova economia acontecer. Vamos juntos?

Saiba mais sobre as responsabilidades

  • Ponto de Cultura Espaço Livre do Coque
  • Categoria: Inclusão Social

Ponto de Cultura Espaço Livre do Coque