zíper A FESTA |

zíper A FESTA

É uma peça. Mas também é uma festa. Um acontecimento onde real e ficção se misturam para falar de intimidades e você é nosso convidado.

Projeto por: Lola Claure
R$ 8.145,00
arrecadado
meta R$ 8.085,00

83 benfeitores
apoiaram essa campanha

Conseguimos \o/

Obrigado a todos os Benfeitores por mais um projeto bem sucedido. Agora, acompanhe as novidades e comentários do projeto.

POR

Lola Claure

Lola Claure

R$ 15
Pequenas intimidades
6 benfeitores apoiando
Você é lindo, fofo, querido. Nosso muito obrigado com um post de agradecimento com seu nome na nossa página do Coletivo Mastruço no Facebook.
R$ 30
Cota íntima
16 benfeitores apoiando
Vem ver a gente! Recompensa acima + 1 ingresso da 1ª temporada da peça. Data, local e horário da apresentação ainda serão anunciados nas nossas redes sociais.
R$ 60
Muito íntimo
31 benfeitores apoiando
Recompensas acima (sendo 2 ingressos) + 1 poster
R$ 100
Super íntimo
12 benfeitores apoiando
Recompensas acima + o seu nome escrito na instalação “#TodoMundoConta”+ 1 copo souvenir exclusivo da peça Como é que abre aqui? + 1 adesivo exclusivo da peça Como é que abre aqui?
R$ 200
Um poço de intimidade
8 benfeitores apoiando
Recompensas acima + 3 convites para a peça e festa de estreia + 1 vídeo de agradecimento postado na página do Facebook do Coletivo com o ator da sua escolha + 1 foto sua publicada no nosso Instagram do Coletivo (@coletivomastruco) com agradecimento exclusivo + seu nome na sessão agradecimentos do programa da peça.
R$ 500
Mais íntimo impossível
3 benfeitores apoiando
Recompensas acima (sendo cinco ingressos da peça e cinco convites para a festa de estreia) + o elenco irá citar o seu nome em algum momento da peça no dia que o apoiador for nos assistir.
R$ 1.500
Intimidade a mil
Seja o primeiro a apoiar!
Recompensas acima (sendo cinco ingressos da peça e cinco convites para a festa de estreia) + uma sessão exclusiva da peça para você na sua casa.
R$ 3.000
Intimidade Oficial
Seja o primeiro a apoiar!
Recompensas acima (sendo 10 convites para o espetáculo e 10 convites para a festa de lançamento) + sessão exclusiva da peça para você na sua casa + bate papo sobre intimidade com os atores e equipe + seu nome em todo material promocional da peça

/zíper A FESTA

Para quem quer festa zíper A FESTA.

Para quem quer peça zíper A FESTA

Uma festa que é uma peça. Um convite para um universo particular, adaptável e vivo, que só se completa com a presença do público.


/O que é?

Campanha de captação de recursos para a pré-produção da temporada do “zíper A FESTA”, um espetáculo inédito do Coletivo Mastruço com direção de Juliana Terra, que terá estreia no TEMPO_FESTIVAL das Artes nos dias 10 e 11 de Outubro de 2015.

A campanha é no esquema tudo ou nada. Só recebemos o dinheiro se atingirmos 100% da nossa meta. Caso contrário, o apoiador recebe seu dinheiro de volta.

Para cada cota de investimento, existe uma contrapartida, que vai desde agradecimentos até uma apresentação da peça na casa do apoiador. Dá uma olhada na coluna ao lado e veja tudo o que você pode ganhar apoiando esse projeto.

/Sinopse

É uma festa. A festa é uma peça. Um sistema aberto onde cada ator cumpre sua trajetória revelando aos poucos intimidades na fissura entre o público e o privado. Íntimo significa ‘o que há de mais profundo numa coisa, em nós mesmos’. Cheiros, memórias, resíduos, vontades. zíper A FESTA é o pornográfico, o escatológico, o quarto escuro que há em nós. Um espetáculo em movimento. Um jogo entre entrega e controle, palavra e imagem, dentro e fora.

 

/Como surgiu zíper A FESTA?

zíper A FESTA dá continuidade ao trabalho de pesquisa do Coletivo Mastruço sobre a intimidade, que teve início em 2014 no Festival de Curitiba com o espetáculo Ensaio Sobre o Íntimo.

Se pudéssemos nos despir de qualquer máscara, o que apareceria por trás dessa superfície? Se de fato enxergássemos o outro, o que veríamos? Segredos, sonhos, histórias, compulsões e o lugar da intimidade  compõem o sistema aberto do espetáculo.

A peça usa do ambiente festivo para penetrar na intimidade através da virtualização do real. A vida programada. Ficção e realidade se misturam e resultam numa obra que invoca ora estranhamento, ora riso. Um momento em que propomos a nos esquecer dos limites de nossa existência.

zíper A FESTA evidencia as relações superficiais e profundas na sua mania e na forma,se expandindo a partir de emoções íntimas para outros universos. Tudo é possível nesse espaço surreal, que coloca o público como testemunha de um processo de libertação de memórias e traumas.

/Onde usaremos o dinheiro arrecadado?

Toda a verba será destinada para o pagamento dos cachês da equipe técnica, custos de produção, cenário, arte, divulgação, sala de ensaio e alimentação da equipe.

Se você gostou do projeto e quer fazer parte disso, torne-se um apoiador. É fácil, rápido, não dói nada e você ainda ganha um presente de contrapartida do Coletivo.

 

/Coletivo Mastruço?

Mastruço tanto é uma erva nativa das Américas, cultivada por suas propriedades terapêuticas, como tem suas origens do latim nasturtium, das palavras nasus, nariz, e torquere, torcer, em referência ao cheiro desagradável que exalam, fazendo "torcer o nariz". Formado por artistas do Rio de Janeiro, Minas Gerais, Santa Catarina e São Paulo, o Coletivo pesquisa a intimidade e busca locais não convencionais para apresentar seus trabalhos. Estreou com a peça Ensaio Sobre o Íntimo, realizada dentro de um banheiro feminino, na programação do Festival de Curitiba, em 2014. Desde então tem realizado intervenções e performances como #TodoMundoConta e #TodoMundoDança em Berlim, Londres e Rio de Janeiro e já contou com a colaboração de profissionais como Dani Lima, Cláudia Mele, Cristina Flores e outros.

 

/Ficha Técnica

Realização: Coletivo Mastruço

Direção: Juliana Terra

Assistentes de Direção: Bruce de Araújo e Babi Fontana

Elenco: Felippe Vaz, Laura Mollica, Lola Claure, Gabriela Vasselai

Produção: Jéssica Leite

Assistente de Produção: Juliana Davanso

Trilha Sonora: Grasiela Müller

Dramaturgia: Coletiva

Artes Visuais: Lvcas Fiat

Edição de vídeo: Laura Mollica

Fotografia: Gustavo Corsi

Tratamento de Imagem: Sissiane Perini

 

 

/REDES SOCIAIS E CONTATO

Facebook: www.facebook.com/coletivomastruco

Contato: coletivomastruco@gmail.com

Canal Youtube Coletivo Mastruço: http://migre.me/qHa8S

Quem Somos Nós - Coletivo Mastruço: www.youtube.com/watch?v=qAAGvK-TR_k

Instagram: @coletivomastruco

/zíper A FESTA

Para quem quer festa zíper A FESTA.

Para quem quer peça zíper A FESTA

Uma festa que é uma peça. Um convite para um universo particular, adaptável e vivo, que só se completa com a presença do público.


/O que é?

Campanha de captação de recursos para a pré-produção da temporada do “zíper A FESTA”, um espetáculo inédito do Coletivo Mastruço com direção de Juliana Terra, que terá estreia no TEMPO_FESTIVAL das Artes nos dias 10 e 11 de Outubro de 2015.

A campanha é no esquema tudo ou nada. Só recebemos o dinheiro se atingirmos 100% da nossa meta. Caso contrário, o apoiador recebe seu dinheiro de volta.

Para cada cota de investimento, existe uma contrapartida, que vai desde agradecimentos até uma apresentação da peça na casa do apoiador. Dá uma olhada na coluna ao lado e veja tudo o que você pode ganhar apoiando esse projeto.

/Sinopse

É uma festa. A festa é uma peça. Um sistema aberto onde cada ator cumpre sua trajetória revelando aos poucos intimidades na fissura entre o público e o privado. Íntimo significa ‘o que há de mais profundo numa coisa, em nós mesmos’. Cheiros, memórias, resíduos, vontades. zíper A FESTA é o pornográfico, o escatológico, o quarto escuro que há em nós. Um espetáculo em movimento. Um jogo entre entrega e controle, palavra e imagem, dentro e fora.

 

/Como surgiu zíper A FESTA?

zíper A FESTA dá continuidade ao trabalho de pesquisa do Coletivo Mastruço sobre a intimidade, que teve início em 2014 no Festival de Curitiba com o espetáculo Ensaio Sobre o Íntimo.

Se pudéssemos nos despir de qualquer máscara, o que apareceria por trás dessa superfície? Se de fato enxergássemos o outro, o que veríamos? Segredos, sonhos, histórias, compulsões e o lugar da intimidade  compõem o sistema aberto do espetáculo.

A peça usa do ambiente festivo para penetrar na intimidade através da virtualização do real. A vida programada. Ficção e realidade se misturam e resultam numa obra que invoca ora estranhamento, ora riso. Um momento em que propomos a nos esquecer dos limites de nossa existência.

zíper A FESTA evidencia as relações superficiais e profundas na sua mania e na forma,se expandindo a partir de emoções íntimas para outros universos. Tudo é possível nesse espaço surreal, que coloca o público como testemunha de um processo de libertação de memórias e traumas.

/Onde usaremos o dinheiro arrecadado?

Toda a verba será destinada para o pagamento dos cachês da equipe técnica, custos de produção, cenário, arte, divulgação, sala de ensaio e alimentação da equipe.

Se você gostou do projeto e quer fazer parte disso, torne-se um apoiador. É fácil, rápido, não dói nada e você ainda ganha um presente de contrapartida do Coletivo.

 

/Coletivo Mastruço?

Mastruço tanto é uma erva nativa das Américas, cultivada por suas propriedades terapêuticas, como tem suas origens do latim nasturtium, das palavras nasus, nariz, e torquere, torcer, em referência ao cheiro desagradável que exalam, fazendo "torcer o nariz". Formado por artistas do Rio de Janeiro, Minas Gerais, Santa Catarina e São Paulo, o Coletivo pesquisa a intimidade e busca locais não convencionais para apresentar seus trabalhos. Estreou com a peça Ensaio Sobre o Íntimo, realizada dentro de um banheiro feminino, na programação do Festival de Curitiba, em 2014. Desde então tem realizado intervenções e performances como #TodoMundoConta e #TodoMundoDança em Berlim, Londres e Rio de Janeiro e já contou com a colaboração de profissionais como Dani Lima, Cláudia Mele, Cristina Flores e outros.

 

/Ficha Técnica

Realização: Coletivo Mastruço

Direção: Juliana Terra

Assistentes de Direção: Bruce de Araújo e Babi Fontana

Elenco: Felippe Vaz, Laura Mollica, Lola Claure, Gabriela Vasselai

Produção: Jéssica Leite

Assistente de Produção: Juliana Davanso

Trilha Sonora: Grasiela Müller

Dramaturgia: Coletiva

Artes Visuais: Lvcas Fiat

Edição de vídeo: Laura Mollica

Fotografia: Gustavo Corsi

Tratamento de Imagem: Sissiane Perini

 

 

/REDES SOCIAIS E CONTATO

Facebook: www.facebook.com/coletivomastruco

Contato: coletivomastruco@gmail.com

Canal Youtube Coletivo Mastruço: http://migre.me/qHa8S

Quem Somos Nós - Coletivo Mastruço: www.youtube.com/watch?v=qAAGvK-TR_k

Instagram: @coletivomastruco

Lola Claure ainda não publicou nenhuma notícia.