Instituto Piano Brasileiro |

Instituto Piano Brasileiro

O Instituto Piano Brasileiro tem como objetivo resgatar e preservar as tradições pianísticas brasileiras.


Meta 1: R$ 600

Entrega: Com este valor mensal, conseguiremos: 1) cobrir os custos básicos de manutenção do site; 2) garantir uma publicação diária em nossa página no facebook (www.facebook.com/InstitutoPianoBrasile

Celebração: Além das metas propostas, que trarão benefícios à comunidade de músicos, pesquisadores, profissionais da mídia e interessados em geral, todos os assinantes receberão por e-mail um álbum de partituras em pdf, com uma coletânea mensal de obras raras para piano. Os nomes dos contribuintes serão registrados na seção de créditos do site, com um agradecimento especial,e será divulgada uma mensagem de celebração no newsletter e mídias sociais.

Meta 2: R$ 1.200

Entrega: Com este valor mensal, conseguiremos: 1) atingir as metas anteriores, e também 2) garantir um aumento do banco de dados do site. Serão atualizados: o catálogo de partituras brasileiras (pelo

Celebração: Além das metas propostas, que trarão benefícios à comunidade de músicos, pesquisadores, profissionais da mídia e interessados em geral, todos os assinantes receberão por e-mail um álbum de partituras em pdf, com uma coletânea mensal de obras raras para piano. Os nomes dos contribuintes serão registrados na seção de créditos do site, com um agradecimento especial,e será divulgada uma mensagem de celebração no newsletter e mídias sociais.

Meta 3: R$ 20.000

Entrega: Com este valor mensal, conseguiremos: 1) atingir as metas anteriores e também, 2) Contratar uma equipe para aumentar substancialmente a produção de conteúdo disponibilizado em nossos canais

Celebração: Além das metas propostas, que trarão benefícios à comunidade de músicos, pesquisadores, profissionais da mídia e interessados em geral, todos os assinantes receberão por e-mail um álbum de partituras em pdf, com uma coletânea mensal de obras raras para piano. Os nomes dos contribuintes serão registrados na seção de créditos do site, com um agradecimento especial,e será divulgada uma mensagem de celebração no newsletter e mídias sociais.

Torne-se um assinante do Instituto Piano Brasileiro (IPB) e receba mensalmente um álbum com dez partituras raras brasileiras.


O que é
O Instituto Piano Brasileiro (IPB) é um centro de pesquisas comprometido com o resgate e divulgação das ricas tradições pianísticas brasileiras. Foi criado em 2015 pelo pesquisador e pianista Alexandre Dias, e tem se destacado como uma referência para profissionais como pianistas, estudantes, professores e pesquisadores. Em 2017, ganhou o Prêmio APCA na categoria “Projeto musical”, e tem recebido grande destaque na imprensa.


O que fazemos
O IPB tem se especializado na digitalização de grandes acervos, trazendo à tona documentos raros como partituras manuscritas, fotos, gravações, programas de concerto, e informações detalhadas sobre as carreiras de pianistas e compositores brasileiros. No site www.institutopianobrasileiro.com.br , estão disponíveis grandes bancos de dados com fontes primárias para pesquisa, e, em nosso canal no youtube, é possível acessar raras gravações que destacam o rico legado pianístico do Brasil. Nas redes sociais, fazemos um trabalho contínuo de divulgação de itens raros e curiosidades.


O que os assinantes recebem
Tornando-se assinante do IPB, você receberá a cada mês um álbum digital (em pdf) com 10 partituras raras, cuidadosamente escolhidas de nosso acervo, que revelam preciosidades do repertório brasileiro. Além disso, você estará contribuindo para que ampliemos nossos trabalhos, preservando e divulgando cada vez mais materiais inéditos relativos à cultura pianística brasileira. 

--

 

tQCAUam.jpg  

keHtQYl.jpg

Trechos de matérias sobre o IPB na Revista Concerto (janeiro de 2018) e Estadão (agosto de 2018).

O Instituto Piano Brasileiro (IPB) foi fundado em agosto de 2015 pelo pianista e pesquisador Alexandre Dias, com o objetivo de atuar no resgate e divulgação das ricas tradições pianísticas brasileiras, em toda sua complexidade. O portal www.institutopianobrasileiro.com.br é onde disponibilizamos nossas bases de dados, que englobam diversas facetas do piano brasileiro, incluindo uma enciclopédia, discografias, catálogos de partituras, linha do tempo, imagens, biblioteca e um blog. O IPB também existe na forma de uma página no facebook, um canal no youtube, um acervo físico, uma editora, e uma sala comercial, que será inaugurada em 2018.

Realizamos um trabalho intenso que consiste na digitalização de acervos e disponibilização online de fontes primárias de pesquisa, editoração e revisão de partituras brasileiras, disponibilização de gravações raras, geração de vídeos com partituras brasileiras sincronizadas com o audio, divulgação de notícias relacionadas ao mundo do piano, entrevista com pianistas, e geração de conteúdo online, disponível em nossos bancos de dados para consulta pública. Também temos como objetivo produzir pesquisas inéditas a partir de todo este material, contribuindo para o avanço do conhecimento sobre o piano no Brasil.

Buscamos enxergar o Piano Brasileiro de maneira completa, desde suas primeiras manifestações no início do século XIX até a música que é composta hoje, passando pelas diversas nuances do piano erudito e do piano popular. Nossa atenção é voltada tanto para compositores como para pianistas, buscando trazer à tona suas carreiras e sua produção. 

Nós percebemos que há dois polos importantes que se comunicam pouco no Brasil: de um lado há um rico manancial de obras brasileiras compostas para piano, muitas das quais ainda inéditas em gravação, publicação, ou mesmo que ainda não foram estreadas. De outro lado, temos vários dos maiores pianistas do mundo, sendo a atual geração uma das mais impressionantes. Porém observa-se que nossos cursos de música ainda possuem uma matriz essencialmente europeia, sendo mais comum ouvir nossos pianistas interpretando obras de Chopin, Beethoven, e Schumann, do que de Camargo Guarnieri, Francisco Mignone e Radamés Gnattali. O IPB tem como objetivo construir uma ponte entre estes dois polos, trazendo ao conhecimento de nossos pianistas este rico manancial que é o piano brasileiro, seguindo uma proposta multi-facetada, mostrando nosso passado glorioso, e a produção pujante que existe hoje. 

Nosso trabalho também é voltado para pesquisadores, profissionais da mídia e o público geral interessado, além de funcionar como um estímulo para aqueles que ainda não tiveram contato com o universo do piano brasileiro, e tenham curiosidade em conhecer mais a respeito.

Em 2017, o IPB recebeu o Prêmio APCA na categoria "Projeto musical", destacando o tabalho do instituto em nível nacional.

XD9gRyD.jpg
Uma das fotos históricas que disponibilizamos, evidenciando de grandes pianistas brasileiros
Sentadas, da esquerda para a direita: Felicja Blumental, Guiomar Novaes, Yara Bernette e a pintora Tarsila do Amaral. Em pé, da esquerda para a direita: Anna Stella Schic, Souza Lima (atrás de Guiomar Novaes), o professor José Kliass (atrás de Yara Bernette), Gilberto Tinetti, Annete Celine (filha de Felicja), José da Silva Martins (com o rosto parcialmente encoberto, pai de João Carlos Martins), Markus Mizne (esposo de Felicja), João Carlos Martins e Odette Faria. 

Outra missão do IPB é a digitalização de grandes acervos de partituras e documentos históricos ligados a pianistas brasileiros. Mantemos um vasto acervo físico formado por doações e aquisições próprias, contendo manuscritos, edições raras de partituras, LPs, CDs, fitas-rolo, programas de concerto, livros e revistas, recortes de jornal, fotos originais, e documentos diversos. Nossa meta é digitalizar todo nosso acervo físico e divulgar os arquivos em nosso site, observando-se os direitos autorais. 

n5hgvvt.jpg 92UbY5l.jpg
Manuscritos originais (autógrafos) de Villa-Lobos e Francisco Mignone presentes no acervo do IPB

Com isto pretendemos consolidar e manter a memória musical brasileira, com enfoque no piano, oferecendo uma base de pesquisas robusta para músicos, pesquisadores, profissionais da mídia, pianófilos em geral, além de funcionar como um estímulo para aqueles que ainda não tiveram contato com esse rico universo, e que tenham curiosidade em conhecer mais a respeito.

O site foi inaugurado em agosto de 2015, e vem se mantendo de maneira independente. Dado o enorme volume de materiais e informações a serem acrescentadas, faz-se necessária a busca por financiamento para custear a manutenção e atualização da base de dados. Na medida em que conseguirmos financiamento, será possível atualizar cada uma das seções do portal, acrescentando dados aos catálogos de discos, partituras, linha do tempo, enciclopédia, imagens, biblioteca e blog. Além disso, poderemos produzir pesquisas inéditas, e gerar novas edições de partituras de compositores cuja obra estiver em domínio público.

A contribuição pode ser feita com qualquer quantia - o valor escolhido será cobrado automaticamente a cada mês, por cartão de crédito ou paypal.

Aguarde, carregando...



Novidades IPB 20.02.2019

Em 20/02/2019 11:44

 
 
 
Nelson Freire interpreta a Mazurca Op.33 No.4 em si menor, de Chopin, no recital que o IPB realizou em Brasília no dia 17.01.2019!
 
Entrevistas
Entrevista com o pianista e professor Douglas Passoni de Oliveira, diretor do Conservatório Maestro Paulino, em Ponta Grossa (PR). Douglas conversou com Alexandre Dias sobre seu trabalho no conservatório, sobre sua vocação para editorar partituras, e sobre o trabalho que realiza para o Instituto Piano Brasileiro, no processamento de milhares de documentos que são digitalizados mensalmente, vindos de diversos acervos. Também se discutiu a importância de se trazer à tona obras raras do repertório brasileiro.
Entrevista com a pianista e professora Elza Gushikem, que foi professora na Universidade de Brasília desde o início dos anos 1970. Elza conversou com Alexandre Dias sobre seu início em São Paulo, suas aulas com Menininha Lobo, seus estudos no Conservatório de Varsóvia com Jan Ekier, e seu importante trabalho na UnB como professora e camerista.
 
Discos raros
Está online o raro LP em que Caio Pagano interpreta as Variações Diabelli, de Beethoven. Foi lançado em 1980, e contém uma das maiores obras de Beethoven, por vezes equiparada às Variações Goldberg, de Bach, por seu nível de criatividade, utilizando inúmeras técnicas. O tema utilizado é uma pequena valsa que o editor Anton Diabelli enviou a alguns compositores solicitando que compusessem variações, incluindo Schubert, Czerny e Hummel. Beethoven acabou compondo 33 variações que duram cerca de 50 minutos, sendo uma de suas últimas peças para piano, opus 120 (reparem que foi composta após a última sonata, cujo opus é 111). Até onde sabemos, Caio Pagano é o único pianista brasileiro a ter registrado comercialmente este monumento, realizando uma gravação com imensa bravura, com um tipo de som de ouro que lhe é característico, lembrando muito a sonoridade que Fritz Jank tinha. Boa audição!
 
Cartas de Guiomar Novaes
O IPB tem o privilégio de ter recebido de Nelson Freire as cópias de 75 cartas que Guiomar Novaes enviou a seu professor Luigi Chiaffarelli entre 1910 e 1921, das mais diversas cidades nos EUA, Canadá, Barbados, Brasil, Cuba, Itália, França, Áustria, Suíça, Inglaterra, e até a bordo de navios. Estes preciosos documentos contam o início da carreira de nossa grande pianista, e foram copiados pela pesquisadora Maria Francisca Paez Junqueira, que defendeu seu doutorado em 1982 intitulado "Escola de Música de Luigi Chiaffarelli". Não se sabe onde estão os originais hoje.
O IPB está trabalhando na transcrição deste material, e daremos mais notícias em breve. Na imagem, Guiomar, aos 16 anos, escreve de Paris a seu mestre, contando sobre seus estudos com Isidor Philipp, menciona que é protegida por Santa Cecília, fala de seu encontro com o grande pianista Harold Bauer, e faz uma indagação filosófica ao final, de uma sinceridade e singeleza tocantes. Como o próprio Nelson falou em entrevista ao IPB recentemente, Guiomar era extremamente intuitiva, as ideias musicais vinham fácil para ela, sem que precisasse racionalizar.
"[Bauer] disse-me também para não estudar muitas horas por dia, 4 ou 5 não, que devo estudar 3 e pensar muito o que devo fazer; não vale fazer muito exercício. Desejaria muito que o Sr. me explicasse tudo isso, Sr. Chiaffarelli, sim? Falam tanto em pensar muito, o que é?".
 
No rico acervo de Neusa França, digitalizado pelo IPB, há inúmeras gravações raras, realizadas ao vivo. Uma delas é o concerto que ocorreu em 23/05/1981 na Sala Villa-Lobos, em Brasília, com o grande pianista Roberto Szidon interpretando o Concerto No.1 de Claudio Santoro, sob regência de ninguém menos que o próprio compositor. Este é o ano do centenário de Santoro, e nada melhor do que conhecer gravações raras deste grande mestre. No acervo de Neusa França, há mais de 30 concertos regidos por Santoro, em gravações que estamos trazendo à tona pela primeira vez.
 
Por dentro das partituras
A série "Por dentro das partituras" no canal do IPB no youtube já conta com quase 700 vídeos, trazendo uma grande amostra do repertório pianístico brasileiro desde o século XIX até a música feita hoje. É o caso dos 4 Prelúdios miniatura, de Nestor de Hollanda Cavalcanti, em sua primeira gravação mundial, feita gentilmente pelo pianista André Pédico a nosso pedido. 
Inscrevam-se no canal para acompanhar as novidades - os vídeos são publicados diariamente!
 
Destaque da seção "Imagens"
Dulcemar Lafaille. Foto presente na capa do LP "J. S. Bach - Variações Goldberg", interpretadas pela pianista (Todamérica / sem número), lançado em 1970. Acesse mais fotos raras como esta na seção de imagens do IPB.
 
Torne-se um assinante do IPB!
Ao apoiar nossos trabalhos, você estará contribuindo para a divulgação da cultura do piano brasileiro através de diversas ações.

Além disso, receberá a cada mês um álbum digital (em pdf) com 10 partituras raras cuidadosamente escolhidas de nosso acervo.
Basta acessar nossa campanha no site Benfeitoria e clicar em "assinar": https://benfeitoria.com/InstitutoPianoBrasileiro

(No momento alcançamos 25% da meta mensal, com 157 assinantes.
Somos os 7º projeto mais financiado do site Benfeitoria Recorrente, e o 4º com maior número de assinantes!)

Novidades IPB 10.02.2019

Em 11/02/2019 11:37

View this email in your browser
 
 
 
Divulgamos mais um vídeo do recital de Nelson Freire em Brasília, realizado pelo IPB! Assistam à Mazurca Op.17 No.4 em lá menor, de Chopin.
 
Entrevista
Entrevista com Rosana Martins, que foi pianista prodígio tendo ganhado diversos concursos, e que depois passou a atuar como produtora musical ao lado de grandes pianistas como Nelson Freire, Antonio Guedes Barbosa e Arthur Moreira Lima. Rosana conversou com Alexandre Dias sobre seu brilhante início como concertista, sua atuação junto à Connoisseur Society, os grandes pianistas que conheceu, como Rubinstein, Horowitz e Richter, e alguns trabalhos que produziu, incluindo a importante coleção de 41 CDs de Arthur Moreira Lima em 1999.
 
Discos raros
Hoje disponibilizamos o raro LP "Valsas e serestas" (na versão fita k7), de 1981, do pianista cearense Gerardo Parente, aluno dileto de Aloysio de Alencar Pinto, e que depois se aperfeiçoou com nomes como Walter Gieseking e Magda Tagliaferro. Aqui Gerardo apresenta um repertório delicioso, que passa por Pixinguinha (em arranjo de Radamés Gnattali), Ernesto Nazareth, Henrique Vogeler, Branca Bilhar, Waldemar Henrique, e duas músicas do próprio prof. Aloysio. Também constam compositores mais obscuros, como Mozart de Araújo (o grande pesquisador da música brasileira, em sua rara faceta de compositor), Florzinha Emidyo Távora, Francisco Donizetti Gondim, Pedro de Sá Pereira e Waldemar de Oliveira. Esse é um repertório muito similar ao do pianista amazonense Arnaldo Rebello, que também é contemplado com duas peças como compositor. 
As minutagens estão na descrição do vídeo. Agradecemos a Douglas Passoni por ceder esta preciosidade para digitalização. Boa audição!
 
Novo verbete na Enciclopédia do IPB!
Acabamos de publicar um texto sobre o mítico técnico de som Frank Justo Acker, que gravou os maiores músicos brasileiros, com forte enfoque na música instrumental brasileira. Frank tinha um ouvido artístico, produzindo resultados sonoros impressionantes. Entre as décadas de 1960 e 1990, gravou centenas de concertos na Sala Cecilia Meireles e Theatro Municipal do Rio de Janeiro, e também diversos discos para a Funarte e Museu Villa-Lobos. O texto foi encomendado ao pesquisador Danilo Ávila, e é uma homenagem que fazemos a Clara Acker, filha de Frank, com quem o IPB iniciou uma parceria que trará muitos frutos. Em breve divulgaremos esta surpresa!

http://www.institutopianobrasileiro.com.br/enciclopledia/Frank-Justo-Acker
 
Disponibilizamos também uma grande raridade vinda do acervo do prof. Aloysio de Alencar Pinto, doada ao IPB por seu filho Georges Mirault. Trata-se de uma entrevista que o grande pianista Arthur Moreira Lima concedeu à Rádio Canadá (em português) em 1965, aos 24 anos, logo após sua participação no Concurso Internacional Chopin, no qual ficou em 2º lugar, logo atrás da argentina Martha Argerich. Nenhum pianista brasileiro chegou tão longe neste que hoje é o maior concurso de piano do mundo. A entrevista dura quase 12 minutos, e Arthur conversa sobre diversos assuntos, incluindo o início de seus estudos no Rio, sua vivência no Conservatório de Moscou, e suas preferências musicais.
 
INTEGRAL BRASILEIRA DAS 32 SONATAS DE BEETHOVEN!
Agora está online na íntegra a gravação de todas as 32 Sonatas de Beethoven pelo grande pianista teuto-brasileiro Fritz Jank, realizada em 1968. Nesta playlist é possível acessar todas as sonatas.
 
Por dentro das partituras
Conheçam a Toada No.6, de Fructuoso Vianna, uma de suas obras mais expressivas, em uma rara gravação do próprio autor ao piano.
 
Destaque da seção "Imagens"
Arthur Moreira Lima. Data desconhecida. Acervo de Ronaldo Miranda, gentilmente cedido ao IPB para digitalização.
Acesse mais fotos raras como esta na seção de imagens do IPB.
 
Torne-se um assinante do IPB!
Ao apoiar nossos trabalhos, você estará contribuindo para a divulgação da cultura do piano brasileiro através de diversas ações.

Além disso, receberá a cada mês um álbum digital (em pdf) com 10 partituras raras cuidadosamente escolhidas de nosso acervo.
Basta acessar nossa campanha no site Benfeitoria e clicar em "assinar": https://benfeitoria.com/InstitutoPianoBrasileiro

(No momento alcançamos 26% da meta mensal - Somos os 6º projeto mais financiado do site Benfeitoria Recorrente, e o 4º com maior número de assinantes!)
 
Copyright © *|CURRENT_YEAR|* *|LIST:COMPANY|*, Todos os direitos reservados.

Nosso endereço para correspondência é:
*|HTML:LIST_ADDRESS_HTML|* 

Quer alterar o recebimento destes e-mails?
Você pode atualizar suas preferências ou cancelar sua inscrição.

*|IF:REWARDS|* *|HTML:REWARDS|* *|END:IF|*

Novidades IPB 4/2/2019

Em 04/02/2019 10:32

 

Está no ar o primeiro vídeo do concerto de Nelson Freire em Brasília! 
Ouçam a Sonata No.11 (K.331) de Mozart, cujo 3º movimento é a famosa Marcha turca, na excelente interpretação de Nelson Freire ao vivo em Brasília no dia 17.01.2019, em recital realizado pelo IPB no Auditório FHE.
 

Ficha técnica
Nelson Freire - Pianista convidado
Alexandre Dias - Curadoria
Moisez Vasconcellos - Desenho de luz
Estúdio Marujo - Design gráfico 
Diana Leiko - Assessoria de imprensa
Paula Carrubba - Fotografia registro
Lautaro Wlasenkov - Gravação, mixagem e masterização
Daniel Pitanga - Assistente de gravação 
Ricardo Nakamura - Consultoria de gravação

ABR Filmes
Adelson Barreto - Fotografia e câmera
Lucas Ribeiro - Assistência de câmera

Fernanda Lima - Assistente de produção
Naná Maris Produções - Produção executiva

APOIO: 
Fundacao Habitacional do Exercito - Fhe
Associação de Poupança e Empréstimo - POUPEX

REALIZAÇÃO: 
Instituto Piano Brasileiro - IPB
http://www.institutopianobrasileiro.com.br/

 
 
Nelson Freire interpreta a Sonata No.11 de Mozart, em Brasília.
 
Entrevista
Entrevista com o pianista, compositor e professor Ricardo Nakamura (Boy), que dirige a escola de música Epifonia. Ricardo conversou com Alexandre Dias sobre sua proposta pedagógica, sua trajetória desde São Paulo até Brasília, passando pela música de concerto e o jazz, seu mestrado nos EUA, a arte do improviso, seus pianistas favoritos, e sua expertise como técnico de som. Ao final, Ricardo presenteou-nos com um improviso criado na hora.
 
Discos raros
LP Chopin - Sonata No.2, Sonata No.3 (Antonio Guedes Barbosa, piano) (1970)
Hoje publicamos em nosso canal no youtube o incrível disco de Antonio Guedes Barbosa interpretando as Sonatas No.2 e No.3 de Chopin. Trata-se de um pianismo do mais alto nível, comparável aos maiores pianistas do mundo como Arthur Rubinstein, Nelson Freire e Martha Argerich. Foi lançado pela Connoisseur Society em 1970 e nunca foi relançado em CD. Em breve publicaremos a entrevista que fizemos com Rosana Martins, que supervisionou a produção deste LP na época. 
Boa audição!
 
INTEGRAL BRASILEIRA DAS 32 SONATAS DE BEETHOVEN!
Já estão online as Sonatas No.1 a No.29 deste fantástico ciclo gravado pelo pianista teuto-brasileiro Fritz Jank em 1968. Confiram a imponente Sonata Hammerklavier, que até hoje só foi gravada por um outro pianista brasileiro (Isis Moreira).
Nesta playlist é possível acessar todas as sonatas disponibilizadas até o momento.
 
Por dentro das partituras
Conheçam a Schumanniana, de Alexandre Levy, uma das grandes obras do romantismo brasileiro, em sua única gravação realizada até o momento, pela pianista Valdilice de Carvalho.
 
Destaque da seção "Imagens"
Jacques Klein. Fotógrafo: Clive Barda. Data desconhecida. Acervo de Ronaldo Miranda, gentilmente cedido ao IPB para digitalização..
Acesse mais fotos raras como esta na seção de imagens do IPB.
 
Torne-se um assinante do IPB!
Ao apoiar nossos trabalhos, você estará contribuindo para a divulgação da cultura do piano brasileiro através de diversas ações.

Além disso, receberá a cada mês um álbum digital (em pdf) com 10 partituras raras cuidadosamente escolhidas de nosso acervo.
Basta acessar nossa campanha no site Benfeitoria e clicar em "assinar": https://benfeitoria.com/InstitutoPianoBrasileiro

(Até o momento, alcançamos 25% da meta!)
 

7º e 8º Relatórios IPB

Em 13/07/2016 12:58

Saudações pianísticas a todos!

Apresentamos aqui o 7º e 8º relatórios do IPB, referentes aos meses de maio e junho.

O IPB conta agora com 56 assinantes, que contribuem mensalmente através do site Benfeitoria:http://recorrente.benfeitoria.com/InstitutoPianoBrasileiro .

Cada um dos assinantes recebe mensalmente um álbum com 10 partituras raras brasileiras para piano, em pdf, além de contribuir para a divulgação da cultura do piano brasileiro. Torne-se um assinante do IPB! O valor de contribuição é livre (por cartão de crédito ou paypal), a partir de 10 reais, e é possível cancelar a qualquer momento. A listagem dos álbuns de partituras dos dois últimos meses segue abaixo:

Mês de junho:

01. Costa Junior (1868-1917) - Samba
02. Leopoldo Miguez (1850-1902) – A avozinha (No.4 das 12 peças características para piano)
03. Chiquinha Gonzaga (1847-1935) – Não insistas, rapariga !, polca
04. Barrozo Netto (1881-1941) – Estudo de agilidade No.3
05. Ernesto Nazareth (1863-1934) – Alerta, polca
06. Sinhô (1888-1930) – Jura !, samba-canção
07. Luciano Gallet (1893-1931) – Puladinho (No.2 dos 12 exercícios brasileiros, para piano a 4 mãos)
08. Alberto Nepomuceno (1864-1920) – Manobra militar (No.2 das 4 peças infantis)
09. Arthur Napoleão (1843-1925) – Estudo No.6 “Duo d’amour”
(da série 18 estudos para virtuoses)
10. Henrique Oswald (1852-1931) – Pierrot se meurt Op.36 No.2

Mês de maio:

01. Chiquinha Gonzaga (1847-1935) – Gaúcho, tango brasileiro (O corta-jaca)
02. Leopoldo Miguez (1850-1902) –  Travessura (No.3 das 12 peças características para piano)
03. Ernesto Nazareth (1863-1934) – A bela Melusina, polca
04. Barrozo Netto (1881-1941) – Estudo de agilidade No.2
05. Zequinha de Abreu (1880-1935) – Tico-tico no fubá..., choro
sapeca
06. Arthur Napoleão (1843-1925) – Estudo No.5 “Danse des fantoches” 
(da série 18 estudos para virtuoses)
07. Luciano Gallet (1893-1931) – Valsa sestrosa (No.1 dos 12 exercícios brasileiros, para piano a 4 mãos)
08. Alberto Nepomuceno (1864-1920) – Canção (No.1 das 4 peças infantis)
09. Henrique Oswald (1852-1931) – Bébé s’endort Op.36 No.1
10. Fábio Neves (1985) – Miniatura No.2


Nosso programa de rádio Piano Brasileiro chegou à 34ª semana!  Os programas mais recentes foram dedicados a Antonietta RudgeGilson PeranzzettaArthur Moreira LimaAntonio Adolfo,Amaral Vieira, e Luiz Eça.

O programa é veiculado todos os domingos às 13h na Rádio MEC FM (99,3 MHz, Rio de Janeiro), com reprise nas quintas às 18h30, e é retransmitido pela Rádio Batuta, que oferece todos os programas para audição a qualquer momento neste link.

Para ler o restante deste relatório, acesse:  http://www.institutopianobrasileiro.com.br/post/visualizar/7o_e_8o_Relatorios_do_Instituto_Piano_Brasileiro_maio_e_junho_de_2016


6º Relatório IPB

Em 13/07/2016 12:56

Saudações pianísticas!

Apresentamos aqui o 6º relatório do IPB.

O IPB conta com 40 assinantes, que contribuem mensalmente através do site Benfeitoria:http://recorrente.benfeitoria.com/InstitutoPianoBrasileiro .

Cada um dos assinantes recebe mensalmente um álbum com 10 partituras raras brasileiras para piano, em pdf, além de contribuir para a divulgação da cultura do piano brasileiro. Torne-se um assinante do IPB! O valor de contribuição é livre (por cartão de crédito ou paypal), a partir de 10 reais, e é possível cancelar a qualquer momento. A listagem do álbum de partituras deste mês segue abaixo:

01. Carlos Gomes (1836-1896) e F. L. Bittencourt Sampaio (1834-1895)– Quem sabe ?!..., modinha
02. Leopoldo Miguez (1850-1902) – Historieta (No.2 das 12 peças características para piano)
03. Aurélio Cavalcanti (1874-1915) – Coió sem sorte!!!..., tango
04. Barrozo Netto (1881-1941) – Estudo de agilidade No.1
05. José Carvalho de Bulhões (1881-1941) – Política, polca
06. Arthur Napoleão (1843-1925) – Estudo No.4 “Au foyer” (da série 18 estudos para virtuoses)
07. Eduardo Souto (1882-1942) – No mundo da lua, fox-trot
08. Luiz Levy (1861-1935) – Valsa lenta Op.22
09. Carlos Pagliuchi (1885-1963) – Sertanejo, batuque- dança brasileira
10. Fábio Neves (1985) – Miniatura No.1


Nosso programa de rádio Piano Brasileiro chegou à 28ª semana!  Os programas mais recentes foram dedicados a Henrique VogelerYara BernetteEgberto GismontiJacques Klein, e Arthur Camillo.

O programa é veiculado todos os domingos às 13h na Rádio MEC FM (99,3 MHz, Rio de Janeiro), com reprise nas quintas às 18h30, e é retransmitido pela Rádio Batuta, que oferece os programas para audição a qualquer momento neste link.

Para ler o restante deste relatório, acesse:  http://www.institutopianobrasileiro.com.br/post/visualizar/6o_Relatorio_do_Instituto_Piano_Brasileiro_Abril_de_2016


5º RELATÓRIO IPB

Em 13/03/2016 23:00

Saudações pianísticas!

Apresentamos aqui o 5º relatório do IPB.

O IPB conta com 28 assinantes, que contribuem mensalmente através do site Benfeitoriahttp://recorrente.benfeitoria.com/InstitutoPianoBrasileiro .

Cada um dos assinantes recebe mensalmente um álbum com 10 partituras raras brasileiras para piano, em pdf, além de contribuir para a divulgação da cultura do piano brasileiro. Torne-se um assinante do IPB! O valor de contribuição é livre (por cartão de crédito ou paypal), a partir de 10 reais, e é possível cancelar a qualquer momento. A listagem do álbum de partituras deste mês segue abaixo.

 

01. Eduardo Souto (1882-1942) – Do sorriso da mulher nasceram as flores, tango de salão
02. Carlos Gomes (1836-1896) – Quilombo, quadrilha brasileira
03. Luciano Gallet (1893-1931) – Mazurka demi-gracieuse
04. Misael Domingues (1857-1932) – Mimo do céu, valsa
05. Luiz Levy (1861-1935) – 2ª Rapsódia brasileira
06. Carlos de Abreu ( ? - ?) – Pisando em ovos, tangaica dança característica
07. Leopoldo Miguez (1850-1902) –  Carrilhão (No.1 das 12 peças características para piano)
08. Frederico Mallio (1863-1926) – Quem desmancha a diferença?, polca
09. Arthur Napoleão (1843-1925) – Estudo No.3 “Ronde des elfes” (da série 18 estudos para virtuoses)
10. Hercules Gomes (1980) – Nação primeira 


Nosso programa de rádio Piano Brasileiro chegou à 23ª semana!  Os programas mais recentes foram dedicados a Hercules GomesBernardo SegallAndré Mehmari, e Homero de Magalhães.

O programa é veiculado todos os domingos às 20h na Rádio MEC FM (99,3 MHz, Rio de Janeiro), com reprise nas quintas às 18h30, e retransmitido pela Rádio Batuta, que oferece os programas para audição a qualquer momento! (neste link)

 

Para ler o restante das novidades, acesse este link: http://www.institutopianobrasileiro.com.br/post/visualizar/5o_Relatorio_do_Instituto_Piano_Brasileiro_Marco_de_2016


4º Relatório IPB

Em 15/02/2016 20:14

Saudações pianísticas!

Apresentaremos hoje o 4º relatório do IPB.

O IPB conta com 20 assinantes, que contribuem mensalmente através do site Benfeitoria https://recorrente.benfeitoria.com/InstitutoPianoBrasileiro . 

Cada um dos assinantes recebe mensalmente um álbum com 10 partituras raras brasileiras para piano, em pdf, além de contribuir para a divulgação da cultura do piano brasileiro. Torne-se um assinante do IPB! O valor de contribuição é livre (por cartão de crédito ou paypal), a partir de 10 reais, e é possível cancelar a qualquer momento. A listagem do álbum de partituras deste mês segue abaixo.

1. Chiquinha Gonzaga (1847-1935) – Lua branca, canção (arranjada para piano solo por João Octaviano Gonçalves)
2. Arthur Napoleão (1843-1925) – Estudo No.2 “Course au clocher” (da série 18 estudos para virtuoses)
3. Ernesto Nazareth (1863-1934) – Ameno Resedá, polca
4. Manuel Porto Alegre Faulhaber (1867-1922) – Nocturne Op.6
5. Alberto Nepomuceno (1864-1920) – Brasileira
6. Julio Reis (1863-1933) – Cenas orientais No.1 Serenata
7. Luiz Levy (1861-1935) – 1ª Rapsódia Brasileira
8. Henrique Oswald (1852-1931) – Étude
9. Glauco Velasquez (1884-1914) – Suíte No.1 para piano (I. Gavotta, II. Menuetto, III. Valse mignone)
10. Hercules Gomes (1980) – Helena


Nosso programa de rádio Piano Brasileiro chegou à 19ª semana!  Os programas mais recentes foram dedicados a Belkiss Carneiro de MendonçaErnesto NazarethNelson FreireAry Barroso, e Isabel Mourão.

O programa é veiculado todos os domingos às 20h na Rádio MEC FM (99,3 MHz, Rio de Janeiro), com reprise nas quintas às 18h30, e retransmitido pela Rádio Batuta, que oferece os programas para audição a qualquer momento! (neste link)


Para ler o restante do relatório, acesse este link: http://www.institutopianobrasileiro.com.br/post/visualizar/4o_Relatorio_do_Instituto_Piano_Brasileiro_Fevereiro_de_2016


3º Relatório IPB

Em 15/02/2016 20:11

08.01.2016

O IPB deseja a todos um excelente 2016!

Para este ano temos como metas continuar as postagens diárias em nossa página no facebook (em que mantemos três séries, ver abaixo), os programas semanais na Rádio MEC/Rádio Batuta, aumentar o banco de dados do site, especialmente disponibilizando partituras em domínio público, e realizar melhorias na interface do site. Diversas pessoas têm feito doações ou empréstimos de partituras raras brasileiras ao IPB, que serão aos poucos serão catalogadas e disponibilizadas.

Apresentamos aqui nosso 3º relatório.

O IPB agora conta com 19 assinantes, que contribuem mensalmente através do site Benfeitoria https://recorrente.benfeitoria.com/InstitutoPianoBrasileiro . 

Cada um dos assinantes recebe mensalmente um álbum com 10 partituras raras brasileiras para piano, em pdf, além de contribuir para a divulgação da cultura do piano brasileiro. Torne-se um assinante do IPB! O valor de contribuição é livre (por cartão de crédito ou paypal), a partir de 10 reais, e é possível cancelar a qualquer momento. A listagem do álbum deste mês segue abaixo.

  1.  Eduardo Souto (1882-1942) – Um baile em Catumbi, legítimo choro carioca
  2.  Arthur Napoleão (1843-1925) – Estudo No.1 (da série 18 estudos para virtuoses)
  3.  Erothides de Campos (1896-1945) – Ave Maria, valsa serenata
  4.  Luciano Gallet (1893-1931) – Hieroglifo, prelúdio
  5.  Honorino Lopes (1884-1909) – Língua de preto, polca
  6.  Luiz Levy (1861-1935) – 4ª Valsa lenta, Op.32
  7.  Leopoldo Miguez (1850-1902) – Noturno Op.10
  8.  Alberto Nepomuceno (1864-1920) – Prece (transcrita para piano solo por Barrozo Netto)
  9.  Brasílio Itiberê (1846-1913) – A sertaneja, fantasia característica sobre temas brasileiros
  10.  Hercules Gomes (1980) – Platônica

Estamos no 14º Programa Piano Brasileiro, que é veiculado todos os domingos às 20h na Rádio MEC FM (99,3 MHz, Rio de Janeiro), com reprise nas quintas às 18h30, e retransmitido pela Rádio Batuta, que oferece os programas para audição a qualquer momento! Os programas mais recentes foram dedicados a Laércio de FreitasAntonio Guedes BarbosaChiquinha Gonzaga,Roberto Szidon e Leandro Braga. Acesse-os neste link.

Leia o restante do relatório neste link: http://www.institutopianobrasileiro.com.br/post/visualizar/3o_Relatorio_do_Instituto_Piano_Brasileiro_Janeiro_de_2016

 


2º Relatório IPB

Em 07/12/2015 16:41

http://www.institutopianobrasileiro.com.br/post/visualizar/2o_Relatorio_do_Instituto_Piano_Brasileiro_Dezembro_de_2015

Continuando as atividades realizadas pelo Instituto Piano Brasileiro, apresentamos aqui nosso 2º relatório.

O IPB agora conta com 18 assinantes, que contribuem mensalmente através do site Benfeitoria https://recorrente.benfeitoria.com/InstitutoPianoBrasileiro . Atingimos nossa primeira meta neste mês, o que garante uma atualização mínima mensal no site, publicações diárias em nossa página no facebook, e um programa semanal na Rádio MEC e Rádio Batuta dedicado ao piano brasileiro. Ao atingirmos a próxima meta, poderemos realizar atualizações muito mais substanciais na base de dados do site. Cada um dos assinantes recebe mensalmente um álbum com 10 partituras raras brasileiras para piano, em pdf, além de contribuir para a divulgação da cultura do piano brasileiro. Torne-se um assinante do IPB! O valor de contribuição é livre (por cartão de crédito ou paypal) e é possível cancelar a qualquer momento. A listagem do álbum deste mês segue abaixo.

  1.  Henrique Alves de Mesquita (1830-1906) - Batuque, tango característico
  2.  Arthur Napoleão (1843-1925) – Esfinge No.2, sonatina
  3.  Romualdo Peixoto “Nonô” (1901-1954) – Uma farra em campo grande
  4.  Luciano Gallet (1893-1931) – Nhô Chico (Tá andando, tá cismando; Tá sonhando; Tá sambando...)
  5.  Júlio Reis (1863-1933) – Esmeralda, gavota
  6.  Henrique Oswald (1852-1931) – Chauve-sourris Op.36 No.3
  7.  Ernesto Nazareth (1863-1934) – Ipanema, marcha brasileira
  8.  Branca Bilhar (1886-1928) – Bailado indígena, peça característica
  9.  Francisco Braga (1868-1945) – Corrupio, valsa-capricho
  10.  Fábio Neves (1985) – Um pouco de Nazareth Op.16 No.2

Ajustes de manutenção no site realizados no mês passado:

1) Foram incluídas as logos de nossos parceiros Rádio MEC FM e Brasil Piano Masters.

2) A ordem de exibição das seções de Discos e Imagens agora mostra os últimos acréscimos primeiro, para ficar fácil acompanhar as atualizações nestas seções.

3) Correções de diversos bugs e melhorias no layout do site.


Estamos no 9º Programa Piano Brasileiro, que é veiculado todos os domingos às 20h na Rádio MEC FM (99,3 MHz, Rio de Janeiro), com reprise nas quintas às 18h30, e retransmitido pela Rádio Batuta, que oferece os programas para audição a qualquer momento! Os programas mais recentes foram dedicados a Guiomar Novaes, Maestro Gaó, Magda Tagliaferro, Tia Amélia e Arnaldo Estrella. Acesse-os neste link.


Em nossa página no facebook, continuamos os posts diários, trazendo novidades e informações interessantes sobre o piano brasileiro. Além disso prosseguimos com as séries "Quiz IPB", em que postamos trechos de partituras para serem identificados, e "Capas de Partituras IPB", com capas coloridas de partituras brasileiras publicadas no início do século. Baixe aqui o pdf completo com todos os posts publicados no mês passado.

Destacamos no final deste link alguns dos posts publicados no mês passado:

http://www.institutopianobrasileiro.com.br/post/visualizar/2o_Relatorio_do_Instituto_Piano_Brasileiro_Dezembro_de_2015

 

 


1º relatório IPB

Em 11/11/2015 12:47

O IPB foi inaugurado em agosto de 2015, e no início de outubro iniciamos uma campanha de financiamento coletivo através do site Benfeitoria.com para mantermos e atualizarmos o site.

Já estamos com 17 assinantes que contribuem mensalmente para a divulgação da cultura do piano brasileiro, e como contrapartida já receberam o primeiro álbum de partituras do IPB, contendo uma compilação de 10 partituras brasileiras para piano, como por exemplo o tango Júlia, de Chiquinha Gonzaga, que estava desaparecido, e foi encontrado no ano passado pelo colecionador Sandor Buys, as primeiras variações escritas por um brasileiro (Alexandre Levy), a famosa Il Neige de Henrique Oswald, a Serenata Diabólica de Barrozo Netto, além de outras peças deliciosas de Luiz Levy, Ernesto Nazareth, Zequinha de Abreu, Eduardo Souto, Henrique Alves de Mesquita e Anacleto de Medeiros.

Para se tornar um assinante, acesse https://recorrente.benfeitoria.com/InstitutoPianoBrasileiro (é possível contribuir com qualquer valor; o pagamento é feito por cartão de crédito ou paypal, e o valor estipulado será cobrado mensalmente - é possível cancelar a qualquer momento).

Com o valor angariado, tem sido possível realizar postagens diárias em nossa página no facebook: www.facebook.com/InstitutoPianoBrasileiro/ .   

Todos os 180 posts publicados entre 5 de julho (a página no facebook foi inaugurada antes da página na web) e 4 de novembro estão disponíveis neste pdf. A partir de agora iremos disponibilizar relatórios mensalmente, explicitando as novidades.

Neste período publicamos diversos textos sobre pianistas e compositores brasileiros, incluindo fotos raras, divulgamos gravações, realizamos um sorteio (do CD "Diversidade", do Estúdio Legato, com participação de 11 pianistas brasileiros), fizemos uma homenagem especial ao dia das crianças com postagens de diversos pianistas quando crianças, e iniciamos duas séries: Quiz IPB, em que apresentamos diariamente trechos de partituras brasileiras para serem identificadas, e que tem contado com ampla participação do público; e Capas de partituras IPB, em que apresentamos capas históricas, de partituras do início do século, que em geral são verdadeiras obras de arte, e testemunhos do design gráfico de sua época. 

Além disso, iniciamos um programa semanal em parceria com a Rádio MEC e a Rádio Batuta chamado "Piano Brasileiro", em que apresentamos a cada programa um pianista e uma gravação histórica.  O programa vai ao ar todos os domingos às 20h na Rádio MEC FM (99,3 MHz, Rio de Janeiro), com reprise nas quintas às 18h30. O link para ouvir a rádio ao vivo é: http://radios.ebc.com.br/mecfmrio

A Rádio Batuta também está transmitindo estes programas, e oferece um índice para ouvir todos eles, a qualquer momento: http://www.radiobatuta.com.br/RadioPrograms/view/46

Até agora foram homenageados Camargo Guarnieri, Nonô, Anna Stella Schic, Carolina Cardoso de Menezes, Guiomar Novaes e Maestro Gaó.

 

Saiba mais em:

http://www.institutopianobrasileiro.com.br/post/visualizar/1o_Relatorio_Instituto_Piano_Brasileiro_04_11_2015


R$ 3.570,00
arrecadado por mês
meta R$ 20.000
117
assinantes
18%
arrecadado





Financiamento Recorrente

Faça parte desse projeto!
Vire um assinante mensal.



assinar com este valor
R$20 por mês

72 assinantes mensais

assinar com este valor
R$40 por mês

15 assinantes mensais

assinar com este valor
R$60 por mês

4 assinantes mensais

assinar com este valor
R$100 por mês

8 assinantes mensais

É uma forma de viabilizar projetos de impacto positivo. Essa não é uma compra. É um ato de confiança.

A Benfeitoria não pode assegurar a execução do projeto nem a entrega das recompensas. Essa é uma responsabilidade direta dos realizadores. Estamos empenhados em fazer uma nova economia acontecer. Vamos juntos?

Saiba mais sobre as responsabilidades

  • Alexandre Ferreira de Souza Dias
  • Categoria: Cultura e Arte, Educação

Alexandre Ferreira de Souza Dias

ADAN ALEM HENRIQUES REBELO
Luiz Antonio Fontes Novoa
Vera Astrachan Grinfeld
Alisson Siqueira de Sá Alves
Francis Vilela
Wandrei Braga
Eduardo Lameirao Roncolatto
Juliana Galdino Vita
Cecilia Fonseca da Silva
Letícia Venancio
Edra Pietra
Vera Lucia Pastana
Erika Ribeiro
LUCIANA LOUREIRO OLIVEIRA
Boghos Boyadjian
Andrea Huguenin Botelho