[SP] Alimentando o futuro |

[SP] Alimentando o futuro

Colabore para a distribuição de 120 cestas básicas para famílias da comunidade do Jardim Olinda, zona sul de São Paulo.

Projeto por: Nilton Clecio
R$ 14.070,00
arrecadado
meta R$ 21.170,00

17
benfeitores

66%
arrecadado

13
dias restantes

PARCELE SEU PAGAMENTO EM ATÉ 6 VEZES

Ajude-nos a bater nossa meta até 10/06/2020 - 23:59


POR

Nilton Clecio

Nilton Clecio
R$ 20
Apoiar essa campanha com R$ 20
1 benfeitor apoiando
Obrigada pela sua colaboração!
R$ 50
Apoiar essa campanha com R$ 50
2 benfeitores apoiando
Obrigada pela sua colaboração!
R$ 80
Apoiar essa campanha com R$ 80
1 benfeitor apoiando
Obrigada pela sua colaboração!
R$ 100
Apoiar essa campanha com R$ 100
2 benfeitores apoiando
Obrigada pela sua colaboração!
R$ 200
Apoiar essa campanha com R$ 200
1 benfeitor apoiando
Obrigada pela sua colaboração!
R$ 300
Apoiar essa campanha com R$ 300
Seja o primeiro a apoiar!
Obrigada pela sua colaboração!
R$ 500
Apoiar essa campanha com R$ 500
Seja o primeiro a apoiar!
Obrigada pela sua colaboração!
R$ 1.000
Apoiar essa campanha com R$ 1000
Seja o primeiro a apoiar!
Obrigada pela sua colaboração!
R$ 3.000
Apoiar essa campanha com R$ 3000
Seja o primeiro a apoiar!
Obrigada pela sua colaboração!

Não encontrou o que queria?

Outro valor

Percebemos que um grande número de pessoas perderam sua renda em virtude da quarentena. Muitos moradores são autônomos, alguns atuam como diaristas e outros ambulantes. Já é notória uma demanda no que tange a alimentação. O objetivo é dar esse suporte inicial com cestas básicas, uma para cada família.

Juntamente com a entrega será elaborada uma pesquisa para estudos dos impactos e medidas adotadas por tais famílias em prol de minimizar os desafios. A pesquisa será de caráter público e contribuirá no entendimento da dinâmica das comunidades periféricas.

Sou morador do Jardim Olinda, cresci nessa comunidade. Quando criança a comunidade não possuía condições mínimas de saneamento básico. Há 10 anos atrás a comunidade passou por um processo de urbanização, porém, as pessoas não receberam orientações necessárias para se adaptarem a nova realidade e hoje carecem de estratégias para gestão do espaço.

A comunidade foco do acompanhamento é o Jardim Olinda, localizada na zona sul de São Paulo. O bairro é conhecido por uma grande divisão social e um contexto de urbanização é considerado de alta vulnerabilidade social. Quero beneficiar a comunidade onde moro, sendo um total de 120 famílias e ao mesmo tempo realizar um levantamento censitário estudando os impactos e comportamentos das famílias frente a pandemia.

A comunidade manifesta uma variedade de vulnerabilidades, mas no momento nosso foco é apoiar famílias que passam dificuldades frente a pandemia, uma vez que muitos tiveram redução de renda ou corte total.

Match-funding é como uma vaquinha turbinada: uma nova modalidade de fomento, que mistura o financiamento coletivo (ou crowd-funding) com aporte de parceiros, que multiplicam a arrecadação. Para cada R$ 1 arrecadado pelos projetos selecionados por intermédio da plataforma da Benfeitoria, o Fundo Colaborativo Enfrente contribui com mais R$ 2, até que o valor de R$30.000 seja alcançado

O Fundo Colaborativo Enfrente, composto pela Fundação Tide Setubal e demais parceiros (vide aba “Parceiros” em benfeitoria.com/enfrente) poderá aportar o total de mais R$ 4.000.000,00 (quatro milhões de reais) para triplicar a arrecadação de campanhas de financiamento coletivo de iniciativas que enfrentem os efeitos do Coronavírus nas periferias urbanas brasileiras. Por se tratar de um Fundo Colaborativo e aberto a novos parceiros, o montante destinado a triplicação dos projetos pode ainda aumentar, possibilitando um número maior de iniciativas contempladas.

Nilton Clecio ainda não publicou nenhuma notícia.

Percebemos que um grande número de pessoas perderam sua renda em virtude da quarentena. Muitos moradores são autônomos, alguns atuam como diaristas e outros ambulantes. Já é notória uma demanda no que tange a alimentação. O objetivo é dar esse suporte inicial com cestas básicas, uma para cada família.

Juntamente com a entrega será elaborada uma pesquisa para estudos dos impactos e medidas adotadas por tais famílias em prol de minimizar os desafios. A pesquisa será de caráter público e contribuirá no entendimento da dinâmica das comunidades periféricas.

Sou morador do Jardim Olinda, cresci nessa comunidade. Quando criança a comunidade não possuía condições mínimas de saneamento básico. Há 10 anos atrás a comunidade passou por um processo de urbanização, porém, as pessoas não receberam orientações necessárias para se adaptarem a nova realidade e hoje carecem de estratégias para gestão do espaço.

A comunidade foco do acompanhamento é o Jardim Olinda, localizada na zona sul de São Paulo. O bairro é conhecido por uma grande divisão social e um contexto de urbanização é considerado de alta vulnerabilidade social. Quero beneficiar a comunidade onde moro, sendo um total de 120 famílias e ao mesmo tempo realizar um levantamento censitário estudando os impactos e comportamentos das famílias frente a pandemia.

A comunidade manifesta uma variedade de vulnerabilidades, mas no momento nosso foco é apoiar famílias que passam dificuldades frente a pandemia, uma vez que muitos tiveram redução de renda ou corte total.

Match-funding é como uma vaquinha turbinada: uma nova modalidade de fomento, que mistura o financiamento coletivo (ou crowd-funding) com aporte de parceiros, que multiplicam a arrecadação. Para cada R$ 1 arrecadado pelos projetos selecionados por intermédio da plataforma da Benfeitoria, o Fundo Colaborativo Enfrente contribui com mais R$ 2, até que o valor de R$30.000 seja alcançado

O Fundo Colaborativo Enfrente, composto pela Fundação Tide Setubal e demais parceiros (vide aba “Parceiros” em benfeitoria.com/enfrente) poderá aportar o total de mais R$ 4.000.000,00 (quatro milhões de reais) para triplicar a arrecadação de campanhas de financiamento coletivo de iniciativas que enfrentem os efeitos do Coronavírus nas periferias urbanas brasileiras. Por se tratar de um Fundo Colaborativo e aberto a novos parceiros, o montante destinado a triplicação dos projetos pode ainda aumentar, possibilitando um número maior de iniciativas contempladas.

Nilton Clecio ainda não publicou nenhuma notícia.