[PA] Unidos por Bragança |

[PA] Unidos por Bragança

Colabore para distribuirmos 200 cestas básicas e 500 máscaras para famílias em situação de vulnerabilidade na periferia urbano/rural de Bragança-Amazônia

Projeto por: MAYKO RODRIGO MARTINS DA PAIXÃO
R$ 12.000,00
arrecadado
meta R$ 29.510,00

3 benfeitores
apoiaram essa campanha

Conseguimos \o/

Obrigado a todos os Benfeitores por mais um projeto bem sucedido. Agora, acompanhe as novidades e comentários do projeto.


POR

MAYKO RODRIGO MARTINS DA PAIXÃO

MAYKO RODRIGO MARTINS DA PAIXÃO
R$ 20
Apoiar essa campanha com R$ 20
Seja o primeiro a apoiar!
Obrigada pela sua colaboração!
R$ 50
Apoiar essa campanha com R$ 50
Seja o primeiro a apoiar!
Obrigada pela sua colaboração!
R$ 80
Apoiar essa campanha com R$ 80
Seja o primeiro a apoiar!
Obrigada pela sua colaboração!
R$ 100
Apoiar essa campanha com R$ 100
1 benfeitor apoiando
Obrigada pela sua colaboração!
R$ 200
Apoiar essa campanha com R$ 200
Seja o primeiro a apoiar!
Obrigada pela sua colaboração!
R$ 300
Apoiar essa campanha com R$ 300
Seja o primeiro a apoiar!
Obrigada pela sua colaboração!
R$ 500
Apoiar essa campanha com R$ 500
Seja o primeiro a apoiar!
Obrigada pela sua colaboração!
R$ 1.000
Apoiar essa campanha com R$ 1000
Seja o primeiro a apoiar!
R$ 3.000
Apoiar essa campanha com R$ 3000
Seja o primeiro a apoiar!
Obrigada pela sua colaboração!

Serão doadas as cestas básicas e as máscaras na periferia urbana/rural da Cidade de Bragança. Manteremos total segurança quanto as regras definidas pela OMS. Queremos atingir famílias com maior situação de vulnerabilidade socioeconômica. Os catadores de recicláveis, extrativistas e pescadores, vendedores autônomos e aqueles que não tem condições de trabalhar por conta do isolamento. Nossa cidade já se encontra com quase 500 caso de Covid-19.

Somos da Associação Educar Para o Futuro, fundada em 2016 para o desenvolvimento educacional, social, econômico e ambiental de periferias urbanas e comunidades rurais da Amazônia Paraense. Já participamos de projetos da Unesco, Fundo Vale e Secretarias estaduais e municipais. Neste período de pandemia, estamos na linha de frente para atendermos as necessidades de jovens, idosos e pessoas vulneráveis aos efeitos catastróficos causados pelo Covid-19 na Amazônia.

O público a ser atendido são famílias que residem nos bairros urbano/rural com maior taxa de pobreza e violência da cidade de Bragança. Muitas famílias são que, migraram para que os filhos pudessem estudar e que trabalham na cidade, mas por conta da Pandemia estão em situação difícil. A periferia é do bem e todos merecem esperança.

Match-funding é como uma vaquinha turbinada: uma nova modalidade de fomento, que mistura o financiamento coletivo (ou crowd-funding) com aporte de parceiros, que multiplicam a arrecadação. Para cada R$ 1 arrecadado pelos projetos selecionados por intermédio da plataforma da Benfeitoria, o Fundo Colaborativo Enfrente contribui com mais R$ 2, até que o valor de R$30.000 seja alcançado.

O Fundo Colaborativo Enfrente, composto pela Fundação Tide Setubal e demais parceiros (vide aba “Parceiros” em benfeitoria.com/enfrente) poderá aportar o total de mais R$ 4.000.000,00 (quatro milhões de reais) para triplicar a arrecadação de campanhas de financiamento coletivo de iniciativas que enfrentem os efeitos do Coronavírus nas periferias urbanas brasileiras. Por se tratar de um Fundo Colaborativo e aberto a novos parceiros, o montante destinado a triplicação dos projetos pode ainda aumentar, possibilitando um número maior de iniciativas contempladas.

 

MAYKO RODRIGO MARTINS DA PAIXÃO ainda não publicou nenhuma notícia.

Serão doadas as cestas básicas e as máscaras na periferia urbana/rural da Cidade de Bragança. Manteremos total segurança quanto as regras definidas pela OMS. Queremos atingir famílias com maior situação de vulnerabilidade socioeconômica. Os catadores de recicláveis, extrativistas e pescadores, vendedores autônomos e aqueles que não tem condições de trabalhar por conta do isolamento. Nossa cidade já se encontra com quase 500 caso de Covid-19.

Somos da Associação Educar Para o Futuro, fundada em 2016 para o desenvolvimento educacional, social, econômico e ambiental de periferias urbanas e comunidades rurais da Amazônia Paraense. Já participamos de projetos da Unesco, Fundo Vale e Secretarias estaduais e municipais. Neste período de pandemia, estamos na linha de frente para atendermos as necessidades de jovens, idosos e pessoas vulneráveis aos efeitos catastróficos causados pelo Covid-19 na Amazônia.

O público a ser atendido são famílias que residem nos bairros urbano/rural com maior taxa de pobreza e violência da cidade de Bragança. Muitas famílias são que, migraram para que os filhos pudessem estudar e que trabalham na cidade, mas por conta da Pandemia estão em situação difícil. A periferia é do bem e todos merecem esperança.

Match-funding é como uma vaquinha turbinada: uma nova modalidade de fomento, que mistura o financiamento coletivo (ou crowd-funding) com aporte de parceiros, que multiplicam a arrecadação. Para cada R$ 1 arrecadado pelos projetos selecionados por intermédio da plataforma da Benfeitoria, o Fundo Colaborativo Enfrente contribui com mais R$ 2, até que o valor de R$30.000 seja alcançado.

O Fundo Colaborativo Enfrente, composto pela Fundação Tide Setubal e demais parceiros (vide aba “Parceiros” em benfeitoria.com/enfrente) poderá aportar o total de mais R$ 4.000.000,00 (quatro milhões de reais) para triplicar a arrecadação de campanhas de financiamento coletivo de iniciativas que enfrentem os efeitos do Coronavírus nas periferias urbanas brasileiras. Por se tratar de um Fundo Colaborativo e aberto a novos parceiros, o montante destinado a triplicação dos projetos pode ainda aumentar, possibilitando um número maior de iniciativas contempladas.

 

MAYKO RODRIGO MARTINS DA PAIXÃO ainda não publicou nenhuma notícia.