Antonieta - o Filme |

Antonieta - o Filme

Produção e distribuição gratuita de DVDs do filme sobre a professora, cronista e primeira deputada negra do Brasil, Antonieta de Barros.

Projeto por: Magnolia Produçoes Culturais Ltda ME
R$ 22.440,00
arrecadado
meta R$ 22.000,00

126 benfeitores
apoiaram essa campanha

Conseguimos \o/

Obrigado a todos os Benfeitores por mais um projeto bem sucedido. Agora, acompanhe as novidades e comentários do projeto.

POR

Magnolia Produçoes Culturais Ltda ME

Magnolia Produçoes Culturais Ltda ME

R$ 20
Dando uma força!
37 benfeitores apoiando
R$20,00 ou mais – Dando uma força! Agradecimento nas páginas do Facebook das produtoras Magnolia Produções e Ombu Arte + pdf do cartaz em alta resolução.
R$ 50
Estudos com Antonieta
27 benfeitores apoiando
50,00 ou mais - Agradecimento nas páginas do Facebook das produtoras Magnolia Produções e Ombu Arte + pdf do cartaz em alta resolução + caderninho de anotações + marcador de página.
R$ 100
O Filme
45 benfeitores apoiando
100,00 ou mais - Agradecimento nas páginas do Facebook das produtoras Magnolia Produções e Ombu Arte + pdf do cartaz em alta resolução + caderninho de anotações + marcador de página + DVD do filme.
R$ 500
Estou no filme
5 benfeitores apoiando
500,00 ou mais - Agradecimento nas páginas do Facebook das produtoras Magnolia Produções e Ombu arte + pdf do cartaz em alta resolução + caderninho de anotações + marcador de página + DVD do filme + nome nos créditos de agradecimento do filme.
R$ 1.000
Sessão exclusiva
8 benfeitores apoiando
1.000,00 ou mais - Agradecimento nas páginas do Facebook das produtoras Magnolia Produções e Ombu arte + pdf do cartaz em alta resolução + caderninho de anotações + marcador de página + DVD do filme + nome nos créditos de agradecimento do filme + autorização de exibição + participação da diretora*. * em casos em que a diretora não possa estar presencialmente, haverá participação via videoconferência. As recompensas serão enviadas pelo correio no prazo de sessenta dias após o término da campanha. Os custos de postagem já estão inclusos.

Antonieta se formou no magistério e abriu sua própria escola aos 22 anos. Quando tinha 34, foi eleita deputada. A primeira mulher no parlamento catarinense. A primeira deputada negra do Brasil. E isso em 1935. As mulheres só tiveram direito ao voto no Brasil em 1932, e apenas três anos depois, ela já era deputada.

Escrevia para jornais, era defensora da educação, e da igualdade racial e de gênero. Sua mãe era lavadeira e escrava liberta. É difícil compreender a extensão da vanguarda de Antonieta de Barros. Como ela conseguiu realizar tudo isso, no seu tempo?

Foi deputada mais uma vez, em 1948. Vítima de perseguição política e de doença, morreu logo em seguida, em 1952, aos 50 anos, na pobreza.

Parte da documentação sobre ela foi esquecida ou ficou inacessível. Sua memória ainda resiste em nomes de escolas, ruas e um túnel graças ao trabalho de pessoas que lutam pela igualdade racial. Mas a história de Antonieta de Barros deve ir além. Por isso, fizemos este filme.

O documentário 'Antonieta', dirigido por Flávia Person com a produção de Magnolia Produções Culturais e Ombu arte e cultura, está pronto.

Vamos fazer 1.000 cópias do filme, que terá opções de acessibilidade (libras e audiodescrição) e legendas nos idiomas português, espanhol e inglês, para serem distribuídas a escolas, universidades, centros culturais, pontos de cultura e bibliotecas de várias regiões do país.

E você pode indicar uma instituição para receber! Cadastre-se neste formulário.

Faça parte deste projeto de difusão da memória de uma das personagens femininas mais importantes da história do Brasil!

Alguns pontos importantes:

- O filme foi produzido a partir de pesquisa histórica e imagens de arquivo, tem 14 minutos e foi realizado com recursos do Edital Catarinense de Cinema;

- Agora ele começa a participar de festivais de cinema pelo país, e depois vai estar na internet, pra todo mundo ver;

- Você vai nos ajudar a fazer as 1.000 cópias, distribuídas da seguinte forma:

    150 cópias - em parceria com o NEAB – UDESC (Núcleo de Estudos Afrobrasileiros da Universidade Estadual de SC) serão enviadas para todos os núcleos de estudos afrobrasileiros do país;

    55 cópias – em parceria com a Secretaria Municipal de Educação de Florianópolis serão enviadas, 40 para escolas de ensino fundamental do município, 10 para polos de Educação de Jovens e Adultos e 5 para a biblioteca central;

    250 cópias para todas as bibliotecas públicas de SC;

    70 cópias – em parceria com o Ministério da Cultura Regional Sul para todos os pontos de cultura de SC;

    15 cópias para museus e instituições culturais da Grande Florianópolis;

    45 cópias para colaboradores da produção do filme;

    150 cópias serão enviadas para as instituições que se cadastrarem ao longo desta campanha;

    150 cópias serão enviadas como recompensa aos benfeitores do projeto que contribuirem com cem reais ou mais;

    115 cópias ficarão com a produtora para venda posterior. O valor das vendas será revertido para mais ações de difusão do documentário.

 


Saiba mais sobre o filme:
www.magnoliaproducoes.com.br

www.ombuarte.com

facebook.com/magnoliaproducoesculturais
facebook.com/ombuarte


Algumas notícias:
BBC Brasil

http://goo.gl/D2Sv0n

Global Voices
https://goo.gl/pqwdYs

Portal Geledés
http://goo.gl/aA2Bhi

Band News
http://goo.gl/CmnHH4

Portal G1
http://goo.gl/1Ter6w

SBT e Você
https://goo.gl/K4Hv3P

Jornal Notícias do Dia
http://goo.gl/3u9RdD

Antonieta se formou no magistério e abriu sua própria escola aos 22 anos. Quando tinha 34, foi eleita deputada. A primeira mulher no parlamento catarinense. A primeira deputada negra do Brasil. E isso em 1935. As mulheres só tiveram direito ao voto no Brasil em 1932, e apenas três anos depois, ela já era deputada.

Escrevia para jornais, era defensora da educação, e da igualdade racial e de gênero. Sua mãe era lavadeira e escrava liberta. É difícil compreender a extensão da vanguarda de Antonieta de Barros. Como ela conseguiu realizar tudo isso, no seu tempo?

Foi deputada mais uma vez, em 1948. Vítima de perseguição política e de doença, morreu logo em seguida, em 1952, aos 50 anos, na pobreza.

Parte da documentação sobre ela foi esquecida ou ficou inacessível. Sua memória ainda resiste em nomes de escolas, ruas e um túnel graças ao trabalho de pessoas que lutam pela igualdade racial. Mas a história de Antonieta de Barros deve ir além. Por isso, fizemos este filme.

O documentário 'Antonieta', dirigido por Flávia Person com a produção de Magnolia Produções Culturais e Ombu arte e cultura, está pronto.

Vamos fazer 1.000 cópias do filme, que terá opções de acessibilidade (libras e audiodescrição) e legendas nos idiomas português, espanhol e inglês, para serem distribuídas a escolas, universidades, centros culturais, pontos de cultura e bibliotecas de várias regiões do país.

E você pode indicar uma instituição para receber! Cadastre-se neste formulário.

Faça parte deste projeto de difusão da memória de uma das personagens femininas mais importantes da história do Brasil!

Alguns pontos importantes:

- O filme foi produzido a partir de pesquisa histórica e imagens de arquivo, tem 14 minutos e foi realizado com recursos do Edital Catarinense de Cinema;

- Agora ele começa a participar de festivais de cinema pelo país, e depois vai estar na internet, pra todo mundo ver;

- Você vai nos ajudar a fazer as 1.000 cópias, distribuídas da seguinte forma:

    150 cópias - em parceria com o NEAB – UDESC (Núcleo de Estudos Afrobrasileiros da Universidade Estadual de SC) serão enviadas para todos os núcleos de estudos afrobrasileiros do país;

    55 cópias – em parceria com a Secretaria Municipal de Educação de Florianópolis serão enviadas, 40 para escolas de ensino fundamental do município, 10 para polos de Educação de Jovens e Adultos e 5 para a biblioteca central;

    250 cópias para todas as bibliotecas públicas de SC;

    70 cópias – em parceria com o Ministério da Cultura Regional Sul para todos os pontos de cultura de SC;

    15 cópias para museus e instituições culturais da Grande Florianópolis;

    45 cópias para colaboradores da produção do filme;

    150 cópias serão enviadas para as instituições que se cadastrarem ao longo desta campanha;

    150 cópias serão enviadas como recompensa aos benfeitores do projeto que contribuirem com cem reais ou mais;

    115 cópias ficarão com a produtora para venda posterior. O valor das vendas será revertido para mais ações de difusão do documentário.

 


Saiba mais sobre o filme:
www.magnoliaproducoes.com.br

www.ombuarte.com

facebook.com/magnoliaproducoesculturais
facebook.com/ombuarte


Algumas notícias:
BBC Brasil

http://goo.gl/D2Sv0n

Global Voices
https://goo.gl/pqwdYs

Portal Geledés
http://goo.gl/aA2Bhi

Band News
http://goo.gl/CmnHH4

Portal G1
http://goo.gl/1Ter6w

SBT e Você
https://goo.gl/K4Hv3P

Jornal Notícias do Dia
http://goo.gl/3u9RdD

Projeto Concluído

Em: 17/04/2017 18:09

O projeto "Antonieta" foi concluído com sucesso!

Graças aos benfeitores, os DVDs foram produzidos e distribuídos para mais de 400 instituições de cultura e/ou de educação, grupos e coletivos de defesa da igualdade de raça e gênero, além de pessoas que apoiaram o projeto e lutam por um mundo mais justo.

Os dvds tem legendas nos idiomas português, espanhol, inglês e francês e versões do filme com audiodescrição e libras.

Para adquirir um DVD acesse: https://www.magnoliaproducoes.com.br/produtos

Agradecemos todos os apoiadores e a equipe do Benfeitoria por tornar o projeto possível! Antonieta de Barros chegando cada vez mais longe! Obrigada!


Caderninhos!

Em: 25/07/2016 14:37

Aos benfeitores do nosso projeto, a Magnolia Produções tem o prazer de informar que os caderninhos e os marcadores de página estão prontos!
Em breve, a recompensa chegará até você. E os DVDs estão em produção.
Obrigada mais uma vez em acreditar no nosso projeto!

Obrigada benfeitores!!!

Em: 02/05/2016 14:56


Portal da Band

Em: 12/04/2016 16:44

O Portal da Band também fez uma matéria sobre a gente:

http://noticias.band.uol.com.br/brasil/noticia/100000801538/trajetoria-da-primeira-parlamentar-negra-e-resgatada-.html


Que tal notícias em russo e em inglês??

Em: 12/04/2016 14:57

A matéria do Global Voices Lusofonia sobre o filme foi traduzida para outras línguas, olha só:

https://ru.globalvoices.org/2016/04/05/47985/

e

https://globalvoices.org/2016/04/01/documentary-film-about-brazils-first-female-black-deputy-seeks-crowdfunding/


No Brasil de Fato!

Em: 12/04/2016 14:52

Fomos tema de uma matéria no Brasil de Fato de hoje: https://www.brasildefato.com.br/2016/04/12/documentario-conta-a-historia-da-primeira-deputada-negra-do-brasil-eleita-em-sc/


Já contribuí!

Em: 12/04/2016 14:49

Já contribuiu? Muito obrigada! E quer divulgar a campanha e trazer mais um? Compartilhe o flyer:


Educação Cidadania News

Em: 08/04/2016 09:30

O programa Educação e Cidadania News, da RIC TV Record de Santa Catarina, também fez uma matéria com a gente, assista!

https://www.youtube.com/watch?v=MBQuN6D806s


Revista Fórum!

Em: 08/04/2016 09:17

Fomos pauta da Revista Fórum: Campanha quer levar documentário sobre primeira deputada negra do Brasil para escolas


Flyer da campanha

Em: 01/04/2016 09:25

Olha o flyer da reta final da campanha. Quer nos ajudar a espalhar por aí?


Leci Brandão!

Em: 01/04/2016 09:21

Leci Brandão, em sua página como deputada, falou quinta, 31, da campanha! Ela disse o seguinte

"?#‎AntonietaDeBarros? ?#‎MulheresNegras?
Contribua com a campanha de financiamento coletivo para produção e distribuição de DVDs do documentário 'Antonieta', sobre a vida de Antonieta de Barros, educadora e primeira deputada negra do Brasil. Os filmes serão distribuídos gratuitamente para escolas e instituições de todo o país.

A campanha já está na etapa final, faltam apenas 12 dias.

Colabore! Acesse: www.benfeitoria.com/antonieta" o/


Estamos na página do Gilberto Gil!

Em: 17/03/2016 12:58

Hoje a fan page do Gilberto Gil divulgou a campanha :D :D

Olha aqui: https://goo.gl/CxOV0F

Obrigada a todo mundo que já apoiou!


De novo no Global Voices!

Em: 16/03/2016 15:11

O site Global Voices Lusofonia deu espaço ao nosso filme mais uma vez e falou sobre a campanha nesta matéria, leia! Documentário sobre primeira deputada negra do Brasil busca apoio para distribuição


Participação no painel Mulheres no Cinema

Em: 11/03/2016 15:05

Ontem, 10 de março, a diretora Flávia Person participou como convidada de um encontro na Assembleia Legislativa de Santa Catarina com outras quatro cineastas e 'Antonieta' foi exibido na abertura.

Leia a matéria na Alesc:

http://goo.gl/jYYzZ6


Na GloboNews!

Em: 11/03/2016 14:58

A diretora de Antonieta, Flávia Person, participou do programa Estúdio i da GloboNews no dia 8 de março.

Assista!

http://goo.gl/X7G6Fl


Exibições de Antonieta

Em: 11/03/2016 14:54

Olá pessoal, estão acontecendo pelo país diversas exibições abertas e gratuitas do filme agora em março, mês da mulher.

Próximas exibições:

<< Dia 15 - 15h, na Fundação Cultural Palmares - Brasília

<< Dia 16 - 19h, na Associação de Moradores da Queimada (R. Prof. Anibal Nunes Pires, 26, José Mendes, Florianópolis)

<< Dias 17 e 19 - 20 horas, no Cinema do CIC - Florianópolis

<< Dia 21 - 19h, na Fundação Cultural Badesc - Florianópolis

As sessões são em parceria com:
Coppir Florianópolis e São Gonçalo
Bancada Feminina da Assembleia Legislativa de Santa Catarina
Secretarias Municipais de Educação de Florianópolis e São José-SC