A Selva do Futebol |

A Selva do Futebol

O primeiro livro da editora No Barbante, dedicado a um futebol com mais cores, profundidade e coração

Projeto por: João Gabriel Andreucci de Lima
R$ 13.095,00
arrecadado
meta R$ 10.000,00

117 benfeitores
apoiaram essa campanha

Conseguimos \o/

Obrigado a todos os Benfeitores por mais um projeto bem sucedido. Agora, acompanhe as novidades e comentários do projeto.

POR

João Gabriel Andreucci de Lima

João Gabriel Andreucci de Lima

R$ 15
A Se...
10 benfeitores apoiando
Uma contribuição simbólica que, em agradecimento, merece o símbolo principal da Editora No Barbante: o nosso logo em formato de adesivo!

88 disponíveis.
R$ 35
A Selva do...
9 benfeitores apoiando
Além do adesivo com o logo da Editora No Barbante, agradecemos os colaboradores dessa segunda faixa de recompensa com a nossa primeira zine, o "Dicionário Ludopédico 1", que dá uma primeira amostra das artes do ilustrador e capista André Bonani.

41 disponíveis.
R$ 60
A Selva do Futebol
67 benfeitores apoiando
Essa é a nossa segunda principal faixa de colaboração, afinal, mais do que apoio, emotivo ou financeiro, gostaríamos do maior número de pessoas com o livro em mãos para ler, curtir, compartilhar e debater as ideias e conteúdos. Aqui você fatura, além do livro, adesivo e zine, o primeiro livro da Editora No Barbante: A Selva do Futebol! Escrito por Raul Andreucci e Tulio Kruse, com ilustrações e capa do André Bonani.

131 disponíveis.
R$ 75
+ um livro pra você: uma amostra do 2º
4 benfeitores apoiando
Esta é uma recompensa que só foi aberta graças à primeira meta atingida! Uhu! Podem comemorar! Ou melhor, para comemorar com a gente, por essa faixa de valor, além de adesivo, zine e o livro A SELVA DO FUTEBOL, o primeiro da editora No Barbante, você leva uma amostra da nossa segunda obra! Trata-se de PLUMAS, ARQUIBANCADAS E PAETÊS — UMA HISTÓRIA DA COLIGAY. É a adaptação do Doutorado da Luiza Aguiar sobre a primeira torcida organizada LGBTQ+ do Brasil — do Grêmio! Você será um dos primeiros a ler! Só que corre, porque temos apenas 20 unidades separadas!

16 disponíveis.
R$ 100
Mais do que A Selva: arte
21 benfeitores apoiando
Com adesivo, zine e o livro A Selva do Futebol garantidos, essa faixa um pouco mais generosa recompensa os colaboradores com um pôster. As ilustrações fazem parte do estudo do André Bonani para variações do logo. A escolha entre as três opções será feita no combinado também da entrega. E, claro, varia de acordo com a disponibilidade. Os primeiros a contribuírem e entrarem em contato têm a preferência. Bom avisar que o custo do envio para cidades fora de São Paulo fica com o colaborador, mas sempre podemos pensar juntos a melhor forma de fazer isso.

27 disponíveis.
R$ 400
Mais do que A Selva: original em partes
2 benfeitores apoiando
Mais uma vez, adesivo, zine e o livro A Selva do Futebol entram no pacote. A diferença é que, em vez de um pôster, você leva a arte do André Bonani! Mais do que isso: o privilégio de admirar uma das três ilustrações ORIGINAIS que dividem a obra inaugural da Editora No Barbante. Os primeiros a contribuírem e entrarem em contato têm a preferência na escolha. Vale repetir que o encargo de envio para cidades fora de São Paulo fica com o colaborador, mas sempre podemos pensar juntos a melhor forma de fazer isso.

01 disponível.
R$ 600
Mais do que A Selva: original de cara
1 benfeitor apoiando
O pacote básico segue firme e forte. Adesivo, zine e o livro A Selva do Futebol estão nesse valor. Aqui, porém, você colabora para se tornar também EXCLUSIVO. Afinal, ganha a ilustração ORIGINAL DA CAPA da obra inaugural da Editora No Barbante. Vai saber quanto a arte do André Bonani pode valer em alguns anos. Sem falar nesse carinho pelos traços, disponível na parede de casa. O combinado não sai caro, então, reforçando que o custo de envio para cidades fora de São Paulo fica com o colaborador, tá bom?

indisponível.
R$ 800
Mais do que A Selva: originais sempre
1 benfeitor apoiando
Bom, você já deve saber que vai levar adesivo, zine e o livro A Selva do Futebol. Os originais de ilustrações internas e da capa da obra inaugural da Editora No Barbante ficaram para trás. E, sim, teremos mais publicações, mais ilustrações. Uma coisa, porém, nunca vai mudar – ou vai demorar um bocado – as ilustrações do André Bonani que acompanham o nosso logo. Aquelas mesmas dos pôsteres dos craques. Essa oferta é ÚNICA e EXCLUSIVA. E, mesmo aqui, fica o registro de que o custo de envio para cidades fora de São Paulo fica com o colaborador, viu?

2 disponíveis.
R$ 1.000
Mais do que a selva: um mecenas
3 benfeitores apoiando
Os colaboradores dessa faixa mereceriam até mais! Este valor, para a gente, é sinal de que você ACREDITA no projeto, não só do livro, mas de literatura do futebol, em um outro jeito de pensar e publicar em impresso obras com essa temática. E mais do que um imenso obrigado, abraço e beijos especiais na festa de lançamento, adesivo e zine, óbvio, vamos explicar melhor como vamos te recompensar. As EXCLUSIVIDADES que só um mecenas mesmo tem direito. O livro A Selva do Futebol recebe uma dedicatória para lá de especial dos autores, o Raul Andreucci e o Tulio Kruse. E vem cinco cópias a mais para distribuir a quem quiser. Demais, né? E na descrição curta mal coube a explicação. Mas você recebe não um, e sim as três opções de pôster! E também com dedicatórias, estas do André Bonani. Como você deve ter lido antes, o custo de envio para cidades fora de São Paulo fica com o colaborador, tá? E, por último, como em breve teremos o site da Editora No Barbante, colocaremos um agradecimento especial, destacando seu nome, até o nosso próximo livro autoral, no primeiro semestre de 2020.

2 disponíveis.

O qué essa campanha, afinal?

Muito prazer! Somos a editora No Barbante, uma casa de livros e outras publicações dedicada ao futebol. E não qualquer futebol. Aquele para além do clube de coração, do sucesso das taças ou da fama das estrelas. Somos uma editora para quem quer futebol com mais cores, profundidade e coração. Dos que vibram com todas as histórias em torno da bola no barbante.

Dizer que tá lá no barbante, aliás, é uma expressão antiga, utilizada por radialistas e cronistas. Quando não existia tv ou sequer se imaginava o mundo conectado com tanta tecnologia. O nome da editora remete às qualidades dessa época: romântica e poética. Conversa com as brincadeiras da pelada, do fazer arte com o corpo e no espaço. Das coisas com esse quê afetivo, lúdico e genuíno.

Nosso primeiro livro é A Selva do Futebol, de Raul Andreucci (também idealizador e editor do selo) e Tulio Kruse. E este crowdfunding é justamente para viabilizar nossa obra inaugural.

Nós entramos nessa acreditando na força do boca a boca. E, claro, na potência do livro, do projeto editorial que, aos poucos, vocês vão conhecer. Participar da campanha de A Selva do Futebol é mais do que levar para casa um conteúdo original e artes gráficas lindas (dá uma olhada nas recompensas!). Trata-se de apoio a uma causa. À produção independente de livros. Ao fomento da literatura de futebol. À criação de um espaço único para curtir, discutir e pensar o futebol.

 


 

 

E o livro, é do que, hem?

A Selva do Futebol é a extensão de uma reportagem de fôlego escrita por Raul Andreucci e Tulio Kruse sobre a realidade do futebol amazonense às vésperas da inauguração da Arena da Amazônia e a extração ilegal de madeira que sustenta as estruturas desse mesmo estádio, utilizado durante a Copa do Mundo no Brasil, em 2014. 

Como descreve André Ribeiro, autor das biografias de Telê Santana e Leônidas da Silva, em um dos prefácios do livro: 

"Juntando esforços e talentos, a dupla conseguiu, na prática, uma história parecida à maneira com que um dos maiores escritores do país, Nelson Rodrigues, enxergava a cobertura de um evento como o futebol: ‘Houve um tempo, no passado do homem, em que o fato tinha, sempre, um Camões, um Homero, um Dante à mão. Por outras palavras: o poeta era o repórter que dava ao fato o seu encanto específico. Hoje, nós temos tudo: jornal, rádio e tevê. O que nos falta é, justamente, a capacidade de admirar, de cobrir o acontecimento com o nosso espanto’. É isso, leitor, o que você tem em mãos. O espanto de dois jovens talentosos sobre A Selva do Futebol.”

Se contar mais, perde a graça, mas separamos trechos bacanas para quem quiser conferir no nosso site: medium.com/no-barbante ;)

 


 

 

Quem tá com a gente?

Com muito suor, fizemos praticamente tudo. Adaptamos, editamos e revisamos. O João Andreucci teve papel crucial como editor ao lado de um dos autores, o Raul Andreucci, também idealizador e editor da No Barbante. O André Bonani fez dos seus traços a cara do selo. É o nosso ilustrador e capista. Assina todas as imagens de A Selva do Futebol. Contamos ainda com parcerias fundamentais. A principal, do coletivo oitentaedois, responsável pela criação da identidade visual, incluindo o logo, o projeto gráfico e adiagramação. Do Atelier Compacto, que contribuiu na produção gráfica. E a consultoria editorial de Macaio Poetônio, editor da Primata.

A sua contribuição aqui no Benfeitoria, não importa em qual faixa de valor, é, sim, decisiva, para colocar esse projeto de pé! Assim como o compartilhamento com conhecidos, amigos e família. Acreditamos nesse formato, na força das ideias e, principalmente, nas possibilidades de construir por outros caminhos e ferramentas, fora do tradicional, botando fé um no outro! ;)

 


 

 

As famigeradas recompensas

Para ajudar a entender o que você leva ao contribuir com o projeto da editora No Barbante em prol do nosso A Selva do Futebol, apresentamos um por um logo abaixo. E vale já registrar aqui que os custos de envio para quem é de fora de São Paulo ficam com o participante da campanha, tá? O combinado não sai caro, né ;) Na capital paulista, é por nossa conta. Podemos entregar tudo na festa de celebração da vitória ou marcar algo bom para todo mundo no meio do caminho.

Adesivos

O adesivo é exatamente o logo da editora No Barbante. Teremos em cinco cores, confere aí.

 

Zine

O zine é uma primeira amostra das artes do ilustrador e capista André Bonani, chamado de Dicionário Ludopédico 1. Um experimento e ao mesmo tempo uma brincadeira com verbetes de futebol. Você aprende, pira, abre tudo e... tchans! Vira também um pôster em preto e branco.

Livro

Só para não restar dúvidas, sempre que falarmos em livro nas recompensas, trata-se do nosso A Selva do Futebol: olha que capricho! Escolhemos a costura aparente para brincar com a ideia do no barbante, do artesanal mesmo. E todas as páginas são coloridas, com um detalhe para a paginação em formato de placar. Sem falar no destaque das ilustrações do André Bonani, da capa e da introdução de cada uma das três partes. A diagramação supimpa é do pessoal do coletivo oitentaedois.

 

 

Pôster &

ORIGINAIS do logo

Cartazes e originais das ilustrações que fazem parte das variações do logo da editora No Barbante. Apesar de muitos acharem que o goleiro voando se parece com um são-paulino, trata-se de Gorgon Banks. O soco no ar, do Rei, de quem não venceu o goleiro inglês. E o punho erguido, do Doutor, claro. 

A diferença nas recompensas é que o Pôster é uma cópia do original. E os ORIGINAIS do logo, bem, os originais de fato dessa arte.

 

 

ORIGINAL de ilustração interna do livro

As três ilustrações ORIGINAIS feitas pelo André Bonani que dividem o livro A Selva do Futebol e dão um charme todo especial à publicação.

 

ORIGINAL de ilustração DA CAPA do livro

A ilustração ORIGINAL do André Bonani para a frenteira do livro A Selva do Futebol: não dá vontade de pegar um? 

 

Pra onde vai a sua contribuição

E para ajudar a entender o destino da grana de quem colabora com o projeto de A Selva do Futebol, fizemos um gráfico simples, porque a coisa realmente não tem muito segredo. 

 

 

 

João Gabriel Andreucci de Lima ainda não publicou nenhuma notícia.

O qué essa campanha, afinal?

Muito prazer! Somos a editora No Barbante, uma casa de livros e outras publicações dedicada ao futebol. E não qualquer futebol. Aquele para além do clube de coração, do sucesso das taças ou da fama das estrelas. Somos uma editora para quem quer futebol com mais cores, profundidade e coração. Dos que vibram com todas as histórias em torno da bola no barbante.

Dizer que tá lá no barbante, aliás, é uma expressão antiga, utilizada por radialistas e cronistas. Quando não existia tv ou sequer se imaginava o mundo conectado com tanta tecnologia. O nome da editora remete às qualidades dessa época: romântica e poética. Conversa com as brincadeiras da pelada, do fazer arte com o corpo e no espaço. Das coisas com esse quê afetivo, lúdico e genuíno.

Nosso primeiro livro é A Selva do Futebol, de Raul Andreucci (também idealizador e editor do selo) e Tulio Kruse. E este crowdfunding é justamente para viabilizar nossa obra inaugural.

Nós entramos nessa acreditando na força do boca a boca. E, claro, na potência do livro, do projeto editorial que, aos poucos, vocês vão conhecer. Participar da campanha de A Selva do Futebol é mais do que levar para casa um conteúdo original e artes gráficas lindas (dá uma olhada nas recompensas!). Trata-se de apoio a uma causa. À produção independente de livros. Ao fomento da literatura de futebol. À criação de um espaço único para curtir, discutir e pensar o futebol.

 


 

 

E o livro, é do que, hem?

A Selva do Futebol é a extensão de uma reportagem de fôlego escrita por Raul Andreucci e Tulio Kruse sobre a realidade do futebol amazonense às vésperas da inauguração da Arena da Amazônia e a extração ilegal de madeira que sustenta as estruturas desse mesmo estádio, utilizado durante a Copa do Mundo no Brasil, em 2014. 

Como descreve André Ribeiro, autor das biografias de Telê Santana e Leônidas da Silva, em um dos prefácios do livro: 

"Juntando esforços e talentos, a dupla conseguiu, na prática, uma história parecida à maneira com que um dos maiores escritores do país, Nelson Rodrigues, enxergava a cobertura de um evento como o futebol: ‘Houve um tempo, no passado do homem, em que o fato tinha, sempre, um Camões, um Homero, um Dante à mão. Por outras palavras: o poeta era o repórter que dava ao fato o seu encanto específico. Hoje, nós temos tudo: jornal, rádio e tevê. O que nos falta é, justamente, a capacidade de admirar, de cobrir o acontecimento com o nosso espanto’. É isso, leitor, o que você tem em mãos. O espanto de dois jovens talentosos sobre A Selva do Futebol.”

Se contar mais, perde a graça, mas separamos trechos bacanas para quem quiser conferir no nosso site: medium.com/no-barbante ;)

 


 

 

Quem tá com a gente?

Com muito suor, fizemos praticamente tudo. Adaptamos, editamos e revisamos. O João Andreucci teve papel crucial como editor ao lado de um dos autores, o Raul Andreucci, também idealizador e editor da No Barbante. O André Bonani fez dos seus traços a cara do selo. É o nosso ilustrador e capista. Assina todas as imagens de A Selva do Futebol. Contamos ainda com parcerias fundamentais. A principal, do coletivo oitentaedois, responsável pela criação da identidade visual, incluindo o logo, o projeto gráfico e adiagramação. Do Atelier Compacto, que contribuiu na produção gráfica. E a consultoria editorial de Macaio Poetônio, editor da Primata.

A sua contribuição aqui no Benfeitoria, não importa em qual faixa de valor, é, sim, decisiva, para colocar esse projeto de pé! Assim como o compartilhamento com conhecidos, amigos e família. Acreditamos nesse formato, na força das ideias e, principalmente, nas possibilidades de construir por outros caminhos e ferramentas, fora do tradicional, botando fé um no outro! ;)

 


 

 

As famigeradas recompensas

Para ajudar a entender o que você leva ao contribuir com o projeto da editora No Barbante em prol do nosso A Selva do Futebol, apresentamos um por um logo abaixo. E vale já registrar aqui que os custos de envio para quem é de fora de São Paulo ficam com o participante da campanha, tá? O combinado não sai caro, né ;) Na capital paulista, é por nossa conta. Podemos entregar tudo na festa de celebração da vitória ou marcar algo bom para todo mundo no meio do caminho.

Adesivos

O adesivo é exatamente o logo da editora No Barbante. Teremos em cinco cores, confere aí.

 

Zine

O zine é uma primeira amostra das artes do ilustrador e capista André Bonani, chamado de Dicionário Ludopédico 1. Um experimento e ao mesmo tempo uma brincadeira com verbetes de futebol. Você aprende, pira, abre tudo e... tchans! Vira também um pôster em preto e branco.

Livro

Só para não restar dúvidas, sempre que falarmos em livro nas recompensas, trata-se do nosso A Selva do Futebol: olha que capricho! Escolhemos a costura aparente para brincar com a ideia do no barbante, do artesanal mesmo. E todas as páginas são coloridas, com um detalhe para a paginação em formato de placar. Sem falar no destaque das ilustrações do André Bonani, da capa e da introdução de cada uma das três partes. A diagramação supimpa é do pessoal do coletivo oitentaedois.

 

 

Pôster &

ORIGINAIS do logo

Cartazes e originais das ilustrações que fazem parte das variações do logo da editora No Barbante. Apesar de muitos acharem que o goleiro voando se parece com um são-paulino, trata-se de Gorgon Banks. O soco no ar, do Rei, de quem não venceu o goleiro inglês. E o punho erguido, do Doutor, claro. 

A diferença nas recompensas é que o Pôster é uma cópia do original. E os ORIGINAIS do logo, bem, os originais de fato dessa arte.

 

 

ORIGINAL de ilustração interna do livro

As três ilustrações ORIGINAIS feitas pelo André Bonani que dividem o livro A Selva do Futebol e dão um charme todo especial à publicação.

 

ORIGINAL de ilustração DA CAPA do livro

A ilustração ORIGINAL do André Bonani para a frenteira do livro A Selva do Futebol: não dá vontade de pegar um? 

 

Pra onde vai a sua contribuição

E para ajudar a entender o destino da grana de quem colabora com o projeto de A Selva do Futebol, fizemos um gráfico simples, porque a coisa realmente não tem muito segredo. 

 

 

 

João Gabriel Andreucci de Lima ainda não publicou nenhuma notícia.