[MG] Balaiada contra o coronavírus |

[MG] Balaiada contra o coronavírus

Colabore para atendermos mais de 300 famílias com alimentos, produtos de higiene e informações de qualidade em Ribeirão das Neves (RMBH)

Projeto por: Bruno Thadeu Rodrigues da Silva
R$ 32.930,00
arrecadado
meta R$ 16.000,00

48 benfeitores
apoiaram essa campanha

Conseguimos \o/

Obrigado a todos os Benfeitores por mais um projeto bem sucedido. Agora, acompanhe as novidades e comentários do projeto.


POR

Bruno Thadeu Rodrigues da Silva

Bruno Thadeu Rodrigues da Silva
R$ 10
Só força!
3 benfeitores apoiando
Aqui, a sua recompensa é social! Apoiando com esse valor, você ajuda nossa campanha a decolar e agradeceremos você em nosso instagram!
R$ 25
Valeu demais!
1 benfeitor apoiando
Aqui, a sua recompensa é social! Apoiando com esse valor, você impacta diretamente a vida de TRÊS pessoas, contribuindo para a superação da crise em meio ao coronavírus! Ah, e agradeceremos você em nosso instagram!
R$ 35
Vamos junt@s!
4 benfeitores apoiando
Aqui, a sua recompensa é social! Apoiando com esse valor, você impacta diretamente a vida de QUATRO pessoas, contribuindo para a superação da crise em meio ao coronavírus! Ah, e agradeceremos você em nosso instagram!
R$ 50
#NósporNós
4 benfeitores apoiando
Aqui, a sua recompensa é social! Apoiando com esse valor, você impacta diretamente a vida de SEIS pessoas, contribuindo para a superação da crise em meio ao coronavírus! Ah, e agradeceremos você em nosso instagram!
R$ 100
Cem palavras!!
2 benfeitores apoiando
Aqui, a sua recompensa é social! Apoiando com esse valor, você impacta diretamente a vida de DOZE pessoas, contribuindo para a superação da crise em meio ao coronavírus! Ah, e agradeceremos você em nosso instagram!
R$ 150
#PeriferiaContraAcovid19
Seja o primeiro a apoiar!
Aqui, a sua recompensa é social! Apoiando com esse valor, você impacta diretamente a vida de DEZOITO pessoas, contribuindo para a superação da crise em meio ao coronavírus! Ah, e agradeceremos você em nosso instagram!
R$ 300
Gratidão! Apoie 36 pessoas!
Seja o primeiro a apoiar!
Aqui, a sua recompensa é social! Apoiando com esse valor, você impacta diretamente a vida de TRINTA E SEIS pessoas, contribuindo para a superação da crise em meio ao coronavírus! Ah, e agradeceremos você em nosso instagram!
R$ 500
Gratidão! Apoie 60 pessoas!
1 benfeitor apoiando
Aqui, a sua recompensa é social! Apoiando com esse valor, você impacta diretamente a vida de SESSENTA pessoas, contribuindo para a superação da crise em meio ao coronavírus! Ah, e agradeceremos você em nosso instagram!
R$ 1.000
Nós somos a revolução!
Seja o primeiro a apoiar!
Aqui, a sua recompensa é social! Apoiando com esse valor, você impacta diretamente a vida de CENTO E VINTE pessoas, contribuindo para a superação da crise em meio ao coronavírus! Ah, e agradeceremos você em nosso instagram!

A iniciativa pretende enfrentar o coronavírus nas periferias de Ribeirão das Neves dando suporte a famílias vulneráveis para que possam permanecer em casa e com dignidade. Serão adquiridas mais de300 cestas de alimentos e mais de 300 kits de higiene (água sanitária, sabão, álcool, etc.), atendendo cerca de 1600 pessoas na cidade. Além disso, será realizada uma campanha online de distribuição de informações confiáveis, assim como parte do material informativo será impresso e entregue diretamente às famílias atendidas. Com isso, queremos garantir um mínimo em alimentação e higiene, e que as famílias possam tomar todos os cuidados necessários, bem como possam nos contactar em casos de necessidades e/ou dúvidas sobre o coronavírus e medidas governamentais nesse período da pandemia.

O Coletivo Balaio está, nesse sentido, criando uma rede de solidariedade e de apoio nas periferias de Ribeirão das Neves, tanto em questão material, mas também em questão de fortalecimento de vínculos no território. Muitas famílias não sabem com quem contar ou mesmo a quem pedir informações.

Para o atendimento às famílias, temos um “Protocolo Di Quebrada” de cuidados para todos os voluntários:

- Uso de luvas + álcool líquido + máscara de proteção para trabalhar com as doações;

- Higienização de TUDO que for comprado e/ou recebido;

- Não ter contato direto nem entre os voluntários nem com as famílias atendidas (mantendo a distância mínima de 1,5m);

- Local fixo para receber e higienizar os produtos;

- A distribuição deve ser feita com máscara + luva de proteção na porta das casas das famílias;

- Alimentos e produtos serão distribuídos em sacolas próprias;

O Coletivo Balaio abarca diversas iniciativas sócio-culturais permanentes em Justinópolis, na cidade de Ribeirão das Neves/MG. Nosso sonho é que todo e toda morador/moradora da periferia tenha a oportunidade de viver, e viver bem, sem violência, com acesso à cultura e ao conhecimento, com comida na mesa e a possibilidade de correr atrás de seus sonhos.

As lideranças que tecem esse Balaio estão à frente de diversas ações permanentes de promoção à cultura, direitos e cidadania aqui no território, como:

- Centro Cultural Di Quebrada, localizado na Favela da Mina, que abriga uma biblioteca comunitária, oferece gratuitamente diversas oficinas sócio-culturais; festas e é um ponto de apoio pra toda a comunidade do entorno;

- Projeto Ocupa Curumim, espaço de ocupação de um aparelho público, que oferece diversas atividades culturais, esportivas e de cidadania e que atende diversas comunidades com maior enfoque na Favela da Braúna;

- Coletivo Justinópolis de Economia Solidária, que atua na geração de renda, trabalho e solidariedade. Todos vivem na cidade desde que nasceram;

- Ribeirão da Resistência, espaço de diálogo e debates itinerante em bares da cidade sobre temas atuais relevantes;

Juntos, juntas, formamos o Coletivo Balaio e, nesse momento da pandemia da Covid19, estamos nos mobilizando em uma rede de solidariedade para fortalecer nossas comunidades e contribuir para que possamos superar VIVOS esse momento.

A iniciativa beneficiará focos de vulnerabilidade em Ribeirão das Neves: Favela da Mina, Maré, Santa Fé, Vila Bispo de Maura, Pedreiras, Braúnas, Landi, Areias, regiões que somam milhares de famílias, grande parte na informalidade, sem emprego, em áreas de risco, com vulnerabilidade de saúde e moradia. Nesse contexto de coronavírus, famílias que já sofriam cotidianamente com a desigualdade social e o descaso das autoridades, estão sem ter como correr atrás do seu sustento, e por isso se encontram em situação ainda mais precária do que antes da pandemia. Os principais desafios nesse momento é superar a fome, a falta de acesso a itens básicos de higiene para impedir a contaminação e a propagação do vírus e, por fim, a falta de informações de qualidade que garantam o acesso a direitos e permitam a conscientização sobre os cuidados necessários a serem tomados.

Match-funding é como uma vaquinha turbinada: uma nova modalidade de fomento, que mistura o financiamento coletivo (ou crowd-funding) com aporte de parceiros, que multiplicam a arrecadação. Para cada R$ 1 arrecadado pelos projetos selecionados por intermédio da plataforma da Benfeitoria, o Fundo Colaborativo Enfrente contribui com mais R$ 2, até que o valor de R$30.000 seja alcançado.

O Fundo Colaborativo Enfrente, composto pela Fundação Tide Setubal e demais parceiros (vide aba “Parceiros” em benfeitoria.com/enfrente) poderá aportar o total de mais R$ 4.000.000,00 (quatro milhões de reais) para triplicar a arrecadação de campanhas de financiamento coletivo de iniciativas que enfrentem os efeitos do Coronavírus nas periferias urbanas brasileiras. Por se tratar de um Fundo Colaborativo e aberto a novos parceiros, o montante destinado a triplicação dos projetos pode ainda aumentar, possibilitando um número maior de iniciativas contempladas.

 

COLABORAÇÕES EXTERNAS

R$1.000,00

colaborador

A campanha [MG] Balaiada contra o coronavírus captou os valores acima através de ações de arrecadação independentes, ou seja, fora da plataforma Benfeitoria. Ficou com dúvidas? Clique aqui

Bruno Thadeu Rodrigues da Silva ainda não publicou nenhuma notícia.

A iniciativa pretende enfrentar o coronavírus nas periferias de Ribeirão das Neves dando suporte a famílias vulneráveis para que possam permanecer em casa e com dignidade. Serão adquiridas mais de300 cestas de alimentos e mais de 300 kits de higiene (água sanitária, sabão, álcool, etc.), atendendo cerca de 1600 pessoas na cidade. Além disso, será realizada uma campanha online de distribuição de informações confiáveis, assim como parte do material informativo será impresso e entregue diretamente às famílias atendidas. Com isso, queremos garantir um mínimo em alimentação e higiene, e que as famílias possam tomar todos os cuidados necessários, bem como possam nos contactar em casos de necessidades e/ou dúvidas sobre o coronavírus e medidas governamentais nesse período da pandemia.

O Coletivo Balaio está, nesse sentido, criando uma rede de solidariedade e de apoio nas periferias de Ribeirão das Neves, tanto em questão material, mas também em questão de fortalecimento de vínculos no território. Muitas famílias não sabem com quem contar ou mesmo a quem pedir informações.

Para o atendimento às famílias, temos um “Protocolo Di Quebrada” de cuidados para todos os voluntários:

- Uso de luvas + álcool líquido + máscara de proteção para trabalhar com as doações;

- Higienização de TUDO que for comprado e/ou recebido;

- Não ter contato direto nem entre os voluntários nem com as famílias atendidas (mantendo a distância mínima de 1,5m);

- Local fixo para receber e higienizar os produtos;

- A distribuição deve ser feita com máscara + luva de proteção na porta das casas das famílias;

- Alimentos e produtos serão distribuídos em sacolas próprias;

O Coletivo Balaio abarca diversas iniciativas sócio-culturais permanentes em Justinópolis, na cidade de Ribeirão das Neves/MG. Nosso sonho é que todo e toda morador/moradora da periferia tenha a oportunidade de viver, e viver bem, sem violência, com acesso à cultura e ao conhecimento, com comida na mesa e a possibilidade de correr atrás de seus sonhos.

As lideranças que tecem esse Balaio estão à frente de diversas ações permanentes de promoção à cultura, direitos e cidadania aqui no território, como:

- Centro Cultural Di Quebrada, localizado na Favela da Mina, que abriga uma biblioteca comunitária, oferece gratuitamente diversas oficinas sócio-culturais; festas e é um ponto de apoio pra toda a comunidade do entorno;

- Projeto Ocupa Curumim, espaço de ocupação de um aparelho público, que oferece diversas atividades culturais, esportivas e de cidadania e que atende diversas comunidades com maior enfoque na Favela da Braúna;

- Coletivo Justinópolis de Economia Solidária, que atua na geração de renda, trabalho e solidariedade. Todos vivem na cidade desde que nasceram;

- Ribeirão da Resistência, espaço de diálogo e debates itinerante em bares da cidade sobre temas atuais relevantes;

Juntos, juntas, formamos o Coletivo Balaio e, nesse momento da pandemia da Covid19, estamos nos mobilizando em uma rede de solidariedade para fortalecer nossas comunidades e contribuir para que possamos superar VIVOS esse momento.

A iniciativa beneficiará focos de vulnerabilidade em Ribeirão das Neves: Favela da Mina, Maré, Santa Fé, Vila Bispo de Maura, Pedreiras, Braúnas, Landi, Areias, regiões que somam milhares de famílias, grande parte na informalidade, sem emprego, em áreas de risco, com vulnerabilidade de saúde e moradia. Nesse contexto de coronavírus, famílias que já sofriam cotidianamente com a desigualdade social e o descaso das autoridades, estão sem ter como correr atrás do seu sustento, e por isso se encontram em situação ainda mais precária do que antes da pandemia. Os principais desafios nesse momento é superar a fome, a falta de acesso a itens básicos de higiene para impedir a contaminação e a propagação do vírus e, por fim, a falta de informações de qualidade que garantam o acesso a direitos e permitam a conscientização sobre os cuidados necessários a serem tomados.

Match-funding é como uma vaquinha turbinada: uma nova modalidade de fomento, que mistura o financiamento coletivo (ou crowd-funding) com aporte de parceiros, que multiplicam a arrecadação. Para cada R$ 1 arrecadado pelos projetos selecionados por intermédio da plataforma da Benfeitoria, o Fundo Colaborativo Enfrente contribui com mais R$ 2, até que o valor de R$30.000 seja alcançado.

O Fundo Colaborativo Enfrente, composto pela Fundação Tide Setubal e demais parceiros (vide aba “Parceiros” em benfeitoria.com/enfrente) poderá aportar o total de mais R$ 4.000.000,00 (quatro milhões de reais) para triplicar a arrecadação de campanhas de financiamento coletivo de iniciativas que enfrentem os efeitos do Coronavírus nas periferias urbanas brasileiras. Por se tratar de um Fundo Colaborativo e aberto a novos parceiros, o montante destinado a triplicação dos projetos pode ainda aumentar, possibilitando um número maior de iniciativas contempladas.

 

Bruno Thadeu Rodrigues da Silva ainda não publicou nenhuma notícia.