BeesCats - O Filme |

BeesCats - O Filme

Filme sobre inclusão e representatividade LGBT que mostra a primeira participação de um time gay de futebol do Brasil (BeesCats) no World Gay Games, em Paris

Projeto por: Rodolfo Almeida
R$ 500,00
arrecadado
meta R$ 50.000,00

1 benfeitor
apoiou essa campanha

Não foi dessa vez :/

A meta de arrecadação não foi atingida e todas as colaborações foram estornadas. Obrigado pelo apoio ainda assim!

POR

Rodolfo Almeida

Rodolfo Almeida

Um jovem cineasta nascido e criado no interior de Minas Gerais, fui ao cinema pela primeira vez aos 15 anos de idade e a partir daí decide que a minha missão no mundo é fazer as pessoas refletirem através da minha arte.

R$ 15
Parceiro
Seja o primeiro a apoiar!
A maneira mais acessível de fazer parte dessa experiência! Você terá seu nome incluído nos créditos rotativos que serão exibidos no fim do filme, lembrando que, com a veiculação massiva em diferentes mídias, seu nome estará para sempre marcado nessa obra junto com o de quem ajudou a tornar esse sonho possível!
R$ 50
Por dentro da iniciativa
Seja o primeiro a apoiar!
Além de ver seu nome nos créditos, você será nosso convidado especial para uma palestra sobre futebol LGBT e empreendedorismo com a participação do idealizador do BeesCats e da LiGay Nacional de Futebol (entidade responsável pela realização de competições entre times gays no Brasil), André Machado, e Flávio Amaral, artilheiro da equipe e jornalista responsável por muitas das peças de comunicação sobre a equipe. Esse encontro abordará o movimento nacional pela estruturação do futebol gay e contará nuances de empreendedorismo, como a busca por patrocinadores, o envolvimento e engajamento estabelecido desde os primeiros encontros e o planejamento para as ações e competições da equipe.
R$ 100
Poster do filme
Seja o primeiro a apoiar!
Além do nome no créditos e da vaga garantida na palestra, agora você poderá ter o autografo do BeesCats na sua casa! Seu nome será incluído em um sorteio por uma camisa oficial autografada pelos atletas! Sortearemos cinco camisas de modelos que constam da lista de uniformes da equipe. Será a sensação de fazer parte desse time vencedor!
R$ 200
Videoteca
Seja o primeiro a apoiar!
Além do nome nos créditos, da vaga garantida na palestra e do poster do filme autografado, você terá em sua casa o registro de cada momento da jornada do BeesCats em Paris! Após a finalização do filme, faremos um DVD com as imagens da etapa francesa do filme, para você se sentir competindo junto com nossa seleção!

100 disponíveis.
R$ 500
Dono da Festa
Seja o primeiro a apoiar!
Além de tudo isso que você conferiu nas recompensas anteriores, você ganhará dois convites para a festa de encerramento apenas com a equipe do filme e os integrantes do BeesCats! Serão 25 convites para o momento que marcará o desfecho dessa jornada vitoriosa, e você poderá comemorar com a gente!

25 disponíveis.
R$ 1.000
Manto Sagrado
Seja o primeiro a apoiar!
Além de todas as recompensas anteriores, você receberá uma camisa autografada pelo Beescats.

10 disponíveis.

 

A PROPOSTA

"BeesCats - O Filme" é um documentário a ser exibido em cinemas e festivais, além de ser veiculado em mídias como televisão e Youtube que mostrará a trajetória da equipe carioca BeesCats - primeiro time de futebol no Rio de Janeiro formado apenas por homens gays - nos World Gay Games, espécie de Olimpíadas LGBT+ a serem realizados em Paris (França) em agosto de 2018.

OS VALORES

Muito mais que a busca por resultados, a proposta se baseia em mostrar a luta por inclusão, por representatividade e por mostrar que futebol, esporte reconhecidamente machista e homofóbico, é para todos. Os encontros do time, iniciados como um grupo de amigos gays que gostariam de jogar bola, tornaram-se programa social no Rio de Janeiro logo no primeiro mês, e a formação da equipe de competições impulsionou o surgimento de equipes gays por todo o Brasil, configurando um movimento nacional pelo futebol LGBT.

Muitos dos envolvidos chegaram a abandonar a prática esportiva por terem sofrido preconceito ou bullying. A experiência de competir pelo time ou mesmo participar dos encontros semanais traz para essas pessoas um novo contato com o futebol, de forma muito mais leve e harmoniosa, promovendo verdadeiras curas de questões muitas vezes traumáticas do passado.

A ideia passa por mostrar a dimensão da representatividade assumida pelo time, que será a base da delegação brasileira de futebol nos World Gay Games. O time mostrará ao Brasil a cultura LGBT+ de diferentes países, sobretudo da França, levando também a nossa cultura para compor essa miscelânea mundial a ser firmada na capital francesa.

A MISSÃO DE CONTAR HITÓRIAS

Para você que está apostando nessa ideia conosco, é importantíssimo saber o quão difícil é fazer cinema no Brasil, principalmente no cenário de crise vivenciado pelo nosso país. A etapa francesa do filme - que também conta com cenas no Brasil, previamente à viagem da delegação - é uma co-produção de jovens brasileiros e franceses que tentam a vida nessa área por amor pela arte e por histórias como esta, que merecem um olhar atento, sobretudo em tempos de crise também de valores em nossa sociedade.

O esforço de produção vai muito além de câmeras e, no caso desta empreitada, de passagens aéreas e hospedagem. Há muito envolvido no universo cinematográfico, e vamos contar a vocês um pouco do que pretendemos realizar.

A VIABILIZAÇÃO

Tudo isso, porém, não é possível sem o seu apoio. Precisamos de auxílio para os custos com passagens aéreas, hospedagem, alimentação e transporte para a equipe, além de aluguel de equipamentos.

Quer marcar seu nome nessa história vencedora de luta por inclusão e representatividade? É só escolher a opção de contribuição e conferir as recompensas! Com elas, você ficará mais próximo dessa experiência que tem movimentado todo o Brasil!

OS PERSONAGENS

              ANDRÉ MACHADO: O PRESIDENTE – Bem humorado, terá a função de convidar o espectador a conhecer o projeto, no qual uniu pessoas com perfis tão diferentes em torno de um objetivo comum a todos. "Pai" do time, cuida de coração aberto de seus atletas e mostra o verdadeiro significado da amizade.

 

 

             FLÁVIO AMARAL: O JOGADOR – Será o espirito competitivo do time. Tem o futebol como setor fundamental de sua vida. Centrado e determinado, representa no filme os atletas em suas rotinas de trabalho. Será o responsável por mostrar a garra e a vibração do time dentro de campo e provar que, dentro das quatro linhas, há muito em jogo além de ganhar ou perder.

 

 

            JHONATAN MONTEIRO: O ALEGRE – Professor de educação física, será o brilho do time, o personagem que trará alegria com seu humor espontâneo e sarcástico. Abordará questões políticas e sociais com a sua personalidade, trazendo leveza em assuntos delicados e importantes.

 

 

 

            MAYCON BRASIL: O VENCEDOR – Morador do bairro Paciência, zona oeste do Rio de Janeiro, representará no filme a luta contra todo tipo de descriminação. Com seu jeito tímido de se expressar diante das câmeras, mas com atitudes pessoais de empoderamento, será a voz da luta e representatividade LGBT. Mostrará a realidade de um gay nascido e criado no sunurbio carioca.

 

 

           DOUGLAS BRAGA: O AMOR – Mostrará os dois lados da moeda. Tendo sido por anos goleiro do Botafogo, nos contará a semelhança entre os times. Será para o filme o símbolo do amor ao lado de seu namorado Ricardo. Representará o companheirismo, o afeto e a parceria entre dois homens gays fora dos padrões e que se amam. 

 

 

           BARVARAH: O ARCO ÍRIS – A drag musa do time representará todas as minorias, sempre em cima de um salto alto. Com todas as cores da bandeira, será para o filme a força e a resistência LGBT. Apresentará temas relacionados a homofobia e aceitação dentro da própria comunidade gay. Ao lado de Jonathan, será a voz que trará alegria à performance do time.      

 

A PROPOSTA

"BeesCats - O Filme" é um documentário a ser exibido em cinemas e festivais, além de ser veiculado em mídias como televisão e Youtube que mostrará a trajetória da equipe carioca BeesCats - primeiro time de futebol no Rio de Janeiro formado apenas por homens gays - nos World Gay Games, espécie de Olimpíadas LGBT+ a serem realizados em Paris (França) em agosto de 2018.

OS VALORES

Muito mais que a busca por resultados, a proposta se baseia em mostrar a luta por inclusão, por representatividade e por mostrar que futebol, esporte reconhecidamente machista e homofóbico, é para todos. Os encontros do time, iniciados como um grupo de amigos gays que gostariam de jogar bola, tornaram-se programa social no Rio de Janeiro logo no primeiro mês, e a formação da equipe de competições impulsionou o surgimento de equipes gays por todo o Brasil, configurando um movimento nacional pelo futebol LGBT.

Muitos dos envolvidos chegaram a abandonar a prática esportiva por terem sofrido preconceito ou bullying. A experiência de competir pelo time ou mesmo participar dos encontros semanais traz para essas pessoas um novo contato com o futebol, de forma muito mais leve e harmoniosa, promovendo verdadeiras curas de questões muitas vezes traumáticas do passado.

A ideia passa por mostrar a dimensão da representatividade assumida pelo time, que será a base da delegação brasileira de futebol nos World Gay Games. O time mostrará ao Brasil a cultura LGBT+ de diferentes países, sobretudo da França, levando também a nossa cultura para compor essa miscelânea mundial a ser firmada na capital francesa.

A MISSÃO DE CONTAR HITÓRIAS

Para você que está apostando nessa ideia conosco, é importantíssimo saber o quão difícil é fazer cinema no Brasil, principalmente no cenário de crise vivenciado pelo nosso país. A etapa francesa do filme - que também conta com cenas no Brasil, previamente à viagem da delegação - é uma co-produção de jovens brasileiros e franceses que tentam a vida nessa área por amor pela arte e por histórias como esta, que merecem um olhar atento, sobretudo em tempos de crise também de valores em nossa sociedade.

O esforço de produção vai muito além de câmeras e, no caso desta empreitada, de passagens aéreas e hospedagem. Há muito envolvido no universo cinematográfico, e vamos contar a vocês um pouco do que pretendemos realizar.

A VIABILIZAÇÃO

Tudo isso, porém, não é possível sem o seu apoio. Precisamos de auxílio para os custos com passagens aéreas, hospedagem, alimentação e transporte para a equipe, além de aluguel de equipamentos.

Quer marcar seu nome nessa história vencedora de luta por inclusão e representatividade? É só escolher a opção de contribuição e conferir as recompensas! Com elas, você ficará mais próximo dessa experiência que tem movimentado todo o Brasil!

OS PERSONAGENS

              ANDRÉ MACHADO: O PRESIDENTE – Bem humorado, terá a função de convidar o espectador a conhecer o projeto, no qual uniu pessoas com perfis tão diferentes em torno de um objetivo comum a todos. "Pai" do time, cuida de coração aberto de seus atletas e mostra o verdadeiro significado da amizade.

 

 

             FLÁVIO AMARAL: O JOGADOR – Será o espirito competitivo do time. Tem o futebol como setor fundamental de sua vida. Centrado e determinado, representa no filme os atletas em suas rotinas de trabalho. Será o responsável por mostrar a garra e a vibração do time dentro de campo e provar que, dentro das quatro linhas, há muito em jogo além de ganhar ou perder.

 

 

            JHONATAN MONTEIRO: O ALEGRE – Professor de educação física, será o brilho do time, o personagem que trará alegria com seu humor espontâneo e sarcástico. Abordará questões políticas e sociais com a sua personalidade, trazendo leveza em assuntos delicados e importantes.

 

 

 

            MAYCON BRASIL: O VENCEDOR – Morador do bairro Paciência, zona oeste do Rio de Janeiro, representará no filme a luta contra todo tipo de descriminação. Com seu jeito tímido de se expressar diante das câmeras, mas com atitudes pessoais de empoderamento, será a voz da luta e representatividade LGBT. Mostrará a realidade de um gay nascido e criado no sunurbio carioca.

 

 

           DOUGLAS BRAGA: O AMOR – Mostrará os dois lados da moeda. Tendo sido por anos goleiro do Botafogo, nos contará a semelhança entre os times. Será para o filme o símbolo do amor ao lado de seu namorado Ricardo. Representará o companheirismo, o afeto e a parceria entre dois homens gays fora dos padrões e que se amam. 

 

 

           BARVARAH: O ARCO ÍRIS – A drag musa do time representará todas as minorias, sempre em cima de um salto alto. Com todas as cores da bandeira, será para o filme a força e a resistência LGBT. Apresentará temas relacionados a homofobia e aceitação dentro da própria comunidade gay. Ao lado de Jonathan, será a voz que trará alegria à performance do time.      

Rodolfo Almeida ainda não publicou nenhuma notícia.