Capoeiristas Juntos Somos Mais Fortes |

Capoeiristas Juntos Somos Mais Fortes

Campanha de arrecadação de recursos para os Grupos de Capoeira do Rio de Janeiro realizem distribuição de alimentos e mascaras de proteção em suas comunid

Projeto por: ACA - Casa de Bambas
R$ 60,00
arrecadado
meta R$ 100.000,00

2 benfeitores
apoiaram essa campanha

Conseguimos \o/

Obrigado a todos os Benfeitores por mais um projeto bem sucedido. Agora, acompanhe as novidades e comentários do projeto.

POR

ACA - Casa de Bambas

ACA - Casa de Bambas

Hoje existem diversos movimentos de solidariedade mas ainda há muitas famílias que não estão sendo assistidas e que necessitam de ajuda.

Pensando em somar forças nessa corrente, criamos o movimento Capoeiristas - Juntos Somos Mais Fortes com a finalidade de arrecadar doações financeiras ou de alimentos para que os grupos de capoeira existentes nestas comunidades possam juntos amenizar a fome daqueles que precisam de nossa ajuda nesse momento. Reunimos grupos de capoeira de localidades diferentes do Rio de Janeiro e cada um realizará doações em sua comunidade. Público Alvo - Famílias que estejam em situação de vulnerabilidade social e econômica e residente em comunidades.

Atenderemos:

Grupo de Capoeira Nagô ( Mestre Jagunço): Comunidades da Cidade Alta ( Estação - Divinéia - 5 Rios - Bom Jardim - 5 Bocas - Pica Pau) 

Grupo de Capoeira Nagô (Mestre Calado): Centenario e Lixão

Associação de Capoeira Canto do Berimbau (Mestre Euclides): comunidades Belem Belem e Adjacências

Grupo UBC (Mestre Fantasma): Comunidade do Tuiuti

Centro Cultural Unircapoeira (Mestre Mucama): Comunidades de Rocha Miranda e Turiaçu (Faz quem quer, Jorge Turco, Cafuá)

Casa de Cultura Raízes da Liberdade (Mestre Teia): Comunidades da Vila Kennedy (Progresso, Metral, Congo, Morrinho e Barrão)

Grupo de Capoeira Besouro (Mestre Naja) - Jardim América e Vigario Geral

Grupo Alforria Brasil de Capoeira (Mestre Arraia): Comunidade do Village da Pavuna

Grupo Balança Brasil (Mestre Kipo): Irajá e Vila da Penha

ACCADI (Mestre Reginaldo): Pilar e Olavo Bilac

A Voz do Lins : Comunidades dos bairros do Lins e Meier 

 

Além da distribuição de alimentos, compraremos com costureiras destas comunidades, um total de 5000 mascaras para serem distribuídas junto com as cestas básicas, ajudando assim na sustentabilidade local

ACA - Casa de Bambas ainda não publicou nenhuma notícia.

Hoje existem diversos movimentos de solidariedade mas ainda há muitas famílias que não estão sendo assistidas e que necessitam de ajuda.

Pensando em somar forças nessa corrente, criamos o movimento Capoeiristas - Juntos Somos Mais Fortes com a finalidade de arrecadar doações financeiras ou de alimentos para que os grupos de capoeira existentes nestas comunidades possam juntos amenizar a fome daqueles que precisam de nossa ajuda nesse momento. Reunimos grupos de capoeira de localidades diferentes do Rio de Janeiro e cada um realizará doações em sua comunidade. Público Alvo - Famílias que estejam em situação de vulnerabilidade social e econômica e residente em comunidades.

Atenderemos:

Grupo de Capoeira Nagô ( Mestre Jagunço): Comunidades da Cidade Alta ( Estação - Divinéia - 5 Rios - Bom Jardim - 5 Bocas - Pica Pau) 

Grupo de Capoeira Nagô (Mestre Calado): Centenario e Lixão

Associação de Capoeira Canto do Berimbau (Mestre Euclides): comunidades Belem Belem e Adjacências

Grupo UBC (Mestre Fantasma): Comunidade do Tuiuti

Centro Cultural Unircapoeira (Mestre Mucama): Comunidades de Rocha Miranda e Turiaçu (Faz quem quer, Jorge Turco, Cafuá)

Casa de Cultura Raízes da Liberdade (Mestre Teia): Comunidades da Vila Kennedy (Progresso, Metral, Congo, Morrinho e Barrão)

Grupo de Capoeira Besouro (Mestre Naja) - Jardim América e Vigario Geral

Grupo Alforria Brasil de Capoeira (Mestre Arraia): Comunidade do Village da Pavuna

Grupo Balança Brasil (Mestre Kipo): Irajá e Vila da Penha

ACCADI (Mestre Reginaldo): Pilar e Olavo Bilac

A Voz do Lins : Comunidades dos bairros do Lins e Meier 

 

Além da distribuição de alimentos, compraremos com costureiras destas comunidades, um total de 5000 mascaras para serem distribuídas junto com as cestas básicas, ajudando assim na sustentabilidade local

ACA - Casa de Bambas ainda não publicou nenhuma notícia.