Cursinho Livre da Lapa |

Cursinho Livre da Lapa

Cursinho comunitário voltado para educação popular e formação crítica com objetivo de acesso e democratização das Universidades Públicas

Projeto por: Camila Oliveira Ribeiro Bueno de Azevedo
R$ 20.895,00
arrecadado
meta R$ 20.000,00

241 benfeitores
apoiaram essa campanha

Conseguimos \o/

Obrigado a todos os Benfeitores por mais um projeto bem sucedido. Agora, acompanhe as novidades e comentários do projeto.

POR

Camila Oliveira Ribeiro Bueno de Azevedo

Camila Oliveira Ribeiro Bueno de Azevedo

?

R$ 10
RECOMPENSA BÁSICA
7 benfeitores apoiando
Todo nosso reconhecimento! Muito obrigado/obrigada! Você está ajudando a construir esse lindo projeto e, se vier nos visitar, vai ganhar um abraço e um botton ou adesivo da Casa Mafalda ou do Cursinho Livre da Lapa. Vamos enviar, por e-mail, um relatório semestral das nossas atividades pra você acompanhar de perto nosso percurso.
R$ 20
Fortalecendo o projeto!
32 benfeitores apoiando
Fortalecendo o projeto! Valeu! Além da recompensa básica, vamos enviar por correio um botton + um adesivo (Cursinho ou Casa Mafalda)
R$ 30
Juntando forças!
31 benfeitores apoiando
Juntando forças! Muito gratos/gratas! Além da recompensa básica, você receberá dois bottons (Casa Mafalda + Cursinho) e dois adesivos (Casa Mafalda + Cursinho).
R$ 50
Somando muito!
59 benfeitores apoiando
Somando muito! Estamos muito contentes com a tua colaboração. Além da recompensa básica, você receberá um lambe-lambe "As melhores coisas da vida não são coisas"
R$ 80
É nóis!
19 benfeitores apoiando
É nóis!! Muito agradecidas/agradecidos! Além da recompensa básica, você receberá uma bolsa do Cursinho Livre da Lapa.

01 disponível.
R$ 100
Vestindo a camisa!
43 benfeitores apoiando
Vestindo a camisa! Muitíssimo obrigado/obrigada! Além da recompensa básica, você receberá uma camiseta do Cursinho Livre da Lapa.
R$ 200
Tamo junto!
14 benfeitores apoiando
Tamo junto! Incrível colaboração, valeu mesmo! Além da recompensa básica, você receberá um pôster ( lambe-lambe emoldurado) “ As melhores coisas da vida não são coisas”.
R$ 300
Todos juntos somos fortes!
3 benfeitores apoiando
Todos juntos somos fortes! Uau! Estamos mais do que agradecidos/agradecidas com tua colaboração. Além da recompensa básica, você vai ganhar uma caricatura tua feita por Daniel Aguiar (estudante do cursinho) emoldurada.

indisponível.
R$ 500
O Cursinho é nosso! (1)
Seja o primeiro a apoiar!
O Cursinho é nosso! Tua colaboração é um viabilizador incrível do nosso projeto! Nosso muito obrigado/obrigada! Além da recompensa básica, você vai ganhar uma contação de história por Cami Oliveira e Kadu Braga - educadores do cursinho (em São Paulo com datas a combinar. Para contações fora de São Paulo as despesas de transporte e alimentação ficam por conta da colaboradora ou colaborador)

3 disponíveis.
R$ 500
O Cursinho é nosso! (2)
1 benfeitor apoiando
O Cursinho é nosso! Tua colaboração é um viabilizador incrível do nosso projeto! Nosso muito obrigado/obrigada! Além da recompensa básica, você vai ganhar uma tatuagem de até 8 cm feita pela Gi - estudante do cursinho (se quiser saber mais escreve pra a gente - lapalivre@gmail.com).

2 disponíveis.
R$ 500
O Cursinho é nosso! (3)
4 benfeitores apoiando
O Cursinho é nosso! Tua colaboração é um viabilizador incrível do nosso projeto! Nosso muito obrigado/obrigada! Além da recompensa básica, você vai ganhar uma camiseta do Cursinho + pôster (lambe-lambe emoldurado) "As melhores coisas da vida não são coisas" + bolsa do Cursinho + 3 livros do Museu da Pessoa.
R$ 1.000
Todo amor que houver nessa vida! (1)
Seja o primeiro a apoiar!
Todo amor que houver nessa vida! Estamos comovidos, tua colaboração é fundamental para o nosso projeto. Além da recompensa básica, se tiver uma banda e for de São Paulo, ganhará o video clipe da tua banda: filmagem e edição por conta de uma produtora de cinema de São Paulo (escreva pra gente se quiser saber mais - lapalivre@gmail.com)

01 disponível.
R$ 1.000
Todo amor que houver nessa vida! (2)
Seja o primeiro a apoiar!
Todo amor que houver nessa vida! Estamos comovidos, tua colaboração é fundamental para o nosso projeto. Além da recompensa básica, você vai ganhar bottons + adesivos + 3 livros Museu da Pessoa + pôster “As melhores coisas do mundo não são coisas” + camiseta Casa Mafalda + camiseta Cursinho + bolsa cursinho + Caricatura emoldurada do/a colaborador/a feita por Daniel Aguiar - estudante do Cursinho + uma tatuagem de até 8 cm feita pela Gi - estudante do cursinho (se quiser saber mais pergunta para a gente - lapalivre@gmail.com).
R$ 20.000
RECOMPENSA COLETIVA
Seja o primeiro a apoiar!
Se atingirmos a meta, vamos promover um show gratuito no Tendal da Lapa (cenário de tantos festivais punks) com bandas de punk rock. Nossos parceiros de luta que tocarão para somar ao projeto. Logo daremos mais informações, mas já podemos adiantar que FLICTS é uma das bandas!

Cursinho Livre da Lapa 

QUERIDAS PARCEIRAS E PARCEIROS

COM A AJUDA DE VOCÊS CONSEGUIMOS ALCANÇAR NOSSA META MÍNIMA E ESTAMOS EXTREMAMENTE AGRADECIDOS E AGRADECIDAS.

CASO VOCÊ AINDA NÃO TENHA CONTRIBUÍDO E QUEIRA FAZÊ-LO, FIQUE À VONTADE!

R$ 20000,00 ERA O VALOR MÍNIMO DO MÍNIMO QUE PRECÍSAVAMOS, QUALQUER CONTRIUIÇÃO PARA ALÉM DISSO SERÁ MUITO IMPORTANTE TAMBÉM!

UM GRANDE ABRAÇO!

O Cursinho Livre da Lapa é um projeto que surgiu dentro da Casa Mafalda, e passou a ser composto por muitos outros parceiros e parceiras com o desejo de construir uma vivência de educação libertária inspirada em práticas como a da Escola Moderna e dos bachilleratos populares na Argentina.

 

A ideia principal é que essa experiência seja pré-universitária e não apenas pré-vestibular, que as e os estudantes ingressem na universidade de modo profundamente crítico e não somente tenham bons resultados numa prova eliminatória e elitista como o vestibular. É também direcionado para quem deseja voltar a estudar, prestar vestibulinho ou busca reforço paralelo à escola.

Além das matérias diretamente exigidas pelo vestibular, temos também na nossa grade linguagens e política, o que permite garantir um olhar mais cuidadoso para a sociedade, as linguagens artísticas, o corpo e o indivíduo, que são aspectos normalmente negligenciados ao longo da trajetória escolar.

De maneira geral buscamos aulas fora do formato tradicional para tentar diminuir o máximo possível a hierarquia entre educadores/as e estudantes. Nesse sentido, tentamos sempre garantir uma disposição das mesas na sala em formato de assembléia, com o objetivo de propiciar discussões e debates, nas quais a construção do conhecimento não fica centralizada na figura do professor ou da professora. Costumamos também propor saídas de campo que possibilitam aprendizagens significativas e uma progressiva ocupação dos espaços da cidade, assim como estabelecer relações entre os conteúdos discutidos em aula e estas vivências.

Toda a gestão do projeto fica a cargo tanto de estudantes quanto de educadores, e é feita de forma horizontal, antirracista, não-homofóbica, feminista, não-lesbofóbica e anti-transfobica. Das reuniões de gestão e pedagógicas à manutenção do espaço usado, a maior parte das tomadas de decisão é feita em conjunto e por consenso.

O projeto foi iniciado sem qualquer contribuição financeira externa; no entanto, nos deparamos com o fato de que alguns alunos/as muito envolvidos com o Cursinho deixaram de assistir as aulas devido ao alto custo do transporte. Para tentar resolver esta demanda organizamos um sarau e festas, com as quais conseguimos garantir o transporte para uma parte das alunas e alunos, por uma semana, e garantimos parte dos materiais que precisamos no dia-a-dia. Desta forma, muitos dos gastos foram pagos diretamente pelos membros do cursinho.

Porém, não temos grana suficiente para dar conta de todos os nossos custos: aluguel do espaço, materiais escolares, produtos de limpeza, xerox e principalmente o transporte dos alunos e alunas. Por isso, precisamos de doações para manter nosso projeto. Se você acredita que a educação pode ser construída de uma outra maneira, a partir de princípios libertários e visando uma formação crítica, colabore com o Cursinho Livre da Lapa!

 

 

RECOMPENSA COLETIVA!

 

Além das maravilhosas recompensas individuais, se o projeto atingir a meta ofereceremos uma recompensa coletiva! Vamos promover um show gratuito no Tendal da Lapa (cenário de tantos festivais punks) com bandas de punk rock, nossos parceiros de luta que tocarão para somar ao projeto. Logo daremos mais informações, mas já podemos adiantar que FLICTS é uma das bandas!

 

 

 

IMPORTANTE: Caso não alcancemos o valor pedido todos os valores serão devolvidos aos colaboradores e colaboradoras.

Para assistir a versão completa do vídeo acesse esse link:

 

https://www.youtube.com/watch?v=WWjZwCnrUrc

 

 

 

Cursinho Livre da Lapa 

QUERIDAS PARCEIRAS E PARCEIROS

COM A AJUDA DE VOCÊS CONSEGUIMOS ALCANÇAR NOSSA META MÍNIMA E ESTAMOS EXTREMAMENTE AGRADECIDOS E AGRADECIDAS.

CASO VOCÊ AINDA NÃO TENHA CONTRIBUÍDO E QUEIRA FAZÊ-LO, FIQUE À VONTADE!

R$ 20000,00 ERA O VALOR MÍNIMO DO MÍNIMO QUE PRECÍSAVAMOS, QUALQUER CONTRIUIÇÃO PARA ALÉM DISSO SERÁ MUITO IMPORTANTE TAMBÉM!

UM GRANDE ABRAÇO!

O Cursinho Livre da Lapa é um projeto que surgiu dentro da Casa Mafalda, e passou a ser composto por muitos outros parceiros e parceiras com o desejo de construir uma vivência de educação libertária inspirada em práticas como a da Escola Moderna e dos bachilleratos populares na Argentina.

 

A ideia principal é que essa experiência seja pré-universitária e não apenas pré-vestibular, que as e os estudantes ingressem na universidade de modo profundamente crítico e não somente tenham bons resultados numa prova eliminatória e elitista como o vestibular. É também direcionado para quem deseja voltar a estudar, prestar vestibulinho ou busca reforço paralelo à escola.

Além das matérias diretamente exigidas pelo vestibular, temos também na nossa grade linguagens e política, o que permite garantir um olhar mais cuidadoso para a sociedade, as linguagens artísticas, o corpo e o indivíduo, que são aspectos normalmente negligenciados ao longo da trajetória escolar.

De maneira geral buscamos aulas fora do formato tradicional para tentar diminuir o máximo possível a hierarquia entre educadores/as e estudantes. Nesse sentido, tentamos sempre garantir uma disposição das mesas na sala em formato de assembléia, com o objetivo de propiciar discussões e debates, nas quais a construção do conhecimento não fica centralizada na figura do professor ou da professora. Costumamos também propor saídas de campo que possibilitam aprendizagens significativas e uma progressiva ocupação dos espaços da cidade, assim como estabelecer relações entre os conteúdos discutidos em aula e estas vivências.

Toda a gestão do projeto fica a cargo tanto de estudantes quanto de educadores, e é feita de forma horizontal, antirracista, não-homofóbica, feminista, não-lesbofóbica e anti-transfobica. Das reuniões de gestão e pedagógicas à manutenção do espaço usado, a maior parte das tomadas de decisão é feita em conjunto e por consenso.

O projeto foi iniciado sem qualquer contribuição financeira externa; no entanto, nos deparamos com o fato de que alguns alunos/as muito envolvidos com o Cursinho deixaram de assistir as aulas devido ao alto custo do transporte. Para tentar resolver esta demanda organizamos um sarau e festas, com as quais conseguimos garantir o transporte para uma parte das alunas e alunos, por uma semana, e garantimos parte dos materiais que precisamos no dia-a-dia. Desta forma, muitos dos gastos foram pagos diretamente pelos membros do cursinho.

Porém, não temos grana suficiente para dar conta de todos os nossos custos: aluguel do espaço, materiais escolares, produtos de limpeza, xerox e principalmente o transporte dos alunos e alunas. Por isso, precisamos de doações para manter nosso projeto. Se você acredita que a educação pode ser construída de uma outra maneira, a partir de princípios libertários e visando uma formação crítica, colabore com o Cursinho Livre da Lapa!

 

 

RECOMPENSA COLETIVA!

 

Além das maravilhosas recompensas individuais, se o projeto atingir a meta ofereceremos uma recompensa coletiva! Vamos promover um show gratuito no Tendal da Lapa (cenário de tantos festivais punks) com bandas de punk rock, nossos parceiros de luta que tocarão para somar ao projeto. Logo daremos mais informações, mas já podemos adiantar que FLICTS é uma das bandas!

 

 

 

IMPORTANTE: Caso não alcancemos o valor pedido todos os valores serão devolvidos aos colaboradores e colaboradoras.

Para assistir a versão completa do vídeo acesse esse link:

 

https://www.youtube.com/watch?v=WWjZwCnrUrc

 

 

 

Camila Oliveira Ribeiro Bueno de Azevedo ainda não publicou nenhuma notícia.