[PE]De quarentena, mas solidários! |

[PE]De quarentena, mas solidários!

O Centro Comunitário Mário Andrade está arrecadando recursos, para produzir kits visando combater o coronavírus na comunidade do Ibura de Baixo.

Projeto por: Luis Antônio da Silva Soares
R$ 31.435,00
arrecadado
meta R$ 30.000,00

27 benfeitores
apoiaram essa campanha

Conseguimos \o/

Obrigado a todos os Benfeitores por mais um projeto bem sucedido. Agora, acompanhe as novidades e comentários do projeto.


POR

Luis Antônio da Silva Soares

Luis Antônio da Silva Soares
R$ 20
Colabore com R$ 20!
2 benfeitores apoiando
Agradecemos a sua colaboração!
R$ 50
Colabore com R$ 50!
3 benfeitores apoiando
Agradecemos a sua colaboração!
R$ 80
Colabore com R$ 80!
Seja o primeiro a apoiar!
Agradecemos a sua colaboração!
R$ 100
Colabore com R$ 100!
2 benfeitores apoiando
Agradecemos a sua colaboração!
R$ 200
Colabore com R$ 200!
Seja o primeiro a apoiar!
Agradecemos a sua colaboração!
R$ 300
Colabore com R$ 300!
Seja o primeiro a apoiar!
Agradecemos a sua colaboração!
R$ 500
Colabore com R$ 500!
Seja o primeiro a apoiar!
Agradecemos a sua colaboração!
R$ 1.000
Colabore com R$ 1000!
Seja o primeiro a apoiar!
Agradecemos a sua colaboração!
R$ 3.000
Colabore com R$ 3000!
Seja o primeiro a apoiar!
Agradecemos a sua colaboração!

ivanadriele@hotmail.com

O Centro Comunitário Mário Andrade é um espaço autônomo de luta antirracista que faz um trabalho permanente com famílias do Ibura de Baixo. Por conta da pandemia e da necessidade de isolamento social todas as atividades do espaço estão paradas e todos os esforços dos militantes do Centro Comunitário estão direcionados para a prevenção e combate da pandemia.   

Realizamos um cadastro dos moradores da comunidade, para fazer uma seleção das famílias a serem atendidas. Levamos em consideração alguns dados como pessoas desempregadas na casa, quantidade de idosos, quantidade de crianças, pessoas no grupo de risco, entre outros.   

Posteriormente entregamos os kits com orientações sobre prevenção e combate ao coronavírus, máscaras, alimentação e produtos de limpeza. Vale lembrar que esta entrega ocorre com hora marcada, evitando aglomerações. 

O Centro Comunitário Mário Andrade é um espaço autônomo de luta antirracista que faz um trabalho permanente com famílias do Ibura de Baixo. Lutamos contra o genocídio do povo negro no Recife, partindo do núcleo de luta físico que é o Centro Comunitário Mário Andrade, localizado na maior comunidade do Recife.   

O Centro Comunitário Mário de Andrade é um espaço destinado a dar suporte à luta contra o genocídio do povo negro em nosso território, oferecendo apoio a mães e familiares de vítimas do Estado e promovendo cidadania e educação na comunidade do Ibura. Este Centro foi idealizado e criado pelo Coletivo Justiça para Mário Andrade que é liderado por Joelma Andrade, mãe de Mário Andrade, que foi arbitrariamente assassinado por um Policial Militar quando tinha apenas 14 anos, em 25 de Julho 2016, tornando-se assim mais uma das inúmeras vítimas do Terrorismo de Estado que assola o Povo Negro em nosso país.  

Não temos vinculação com partidos ou políticos. Escolhemos traçar o caminho na luta comunitária, construída no dia a dia junto aos moradores do Ibura. Procurando soluções para os nossos problemas na base do “nós por nós”. 

Localizado numa região de morros e ladeiras, bairro do Ibura possuía em 2010, de acordo com o censo do IBGE, 50.617 habitantes e o menor IDH da capital pernambucana. Na parta alta do Ibura fica localizada a COAB que historicamente recebe moradores expulsos das regiões centrais do Recife. Segundo a plataforma Fogo Cruzado da UFPE o Ibura concentrou o maior número de tiroteios de Pernambuco. 

A maior parte da sua população ainda convive com a falta de acesso a direitos básicos, como água limpa na torneira, falta de saneamento básico e a falta de serviços essenciais como saúde e educação.   

Boa parte das pessoas beneficiadas pela ação teve um impacto drástico em suas vidas principalmente devido ao desemprego, que já existia, mas que foi agravado com a pandemia. Além disso, a população encontra sérias dificuldades para atender orientações básicas da OMS no combate ao COVID, como lavar as mãos, já que raramente têm água na torneira.   

Match-funding é como uma vaquinha turbinada: uma nova modalidade de fomento, que mistura o financiamento coletivo (ou crowd-funding) com aporte de parceiros, que multiplicam a arrecadação. Para cada R$ 1 arrecadado pelos projetos selecionados por intermédio da plataforma da Benfeitoria, o Fundo Colaborativo Enfrente contribui com mais R$ 2, até que o valor de R$30.000 seja alcançado.

O Fundo Colaborativo Enfrente, composto pela Fundação Tide Setubal e demais parceiros (vide aba “Parceiros” em benfeitoria.com/enfrente) poderá aportar o total de mais R$ 4.000.000,00 (quatro milhões de reais) para triplicar a arrecadação de campanhas de financiamento coletivo de iniciativas que enfrentem os efeitos do Coronavírus nas periferias urbanas brasileiras. Por se tratar de um Fundo Colaborativo e aberto a novos parceiros, o montante destinado a triplicação dos projetos pode ainda aumentar, possibilitando um número maior de iniciativas contempladas.

Luis Antônio da Silva Soares ainda não publicou nenhuma notícia.

ivanadriele@hotmail.com

O Centro Comunitário Mário Andrade é um espaço autônomo de luta antirracista que faz um trabalho permanente com famílias do Ibura de Baixo. Por conta da pandemia e da necessidade de isolamento social todas as atividades do espaço estão paradas e todos os esforços dos militantes do Centro Comunitário estão direcionados para a prevenção e combate da pandemia.   

Realizamos um cadastro dos moradores da comunidade, para fazer uma seleção das famílias a serem atendidas. Levamos em consideração alguns dados como pessoas desempregadas na casa, quantidade de idosos, quantidade de crianças, pessoas no grupo de risco, entre outros.   

Posteriormente entregamos os kits com orientações sobre prevenção e combate ao coronavírus, máscaras, alimentação e produtos de limpeza. Vale lembrar que esta entrega ocorre com hora marcada, evitando aglomerações. 

O Centro Comunitário Mário Andrade é um espaço autônomo de luta antirracista que faz um trabalho permanente com famílias do Ibura de Baixo. Lutamos contra o genocídio do povo negro no Recife, partindo do núcleo de luta físico que é o Centro Comunitário Mário Andrade, localizado na maior comunidade do Recife.   

O Centro Comunitário Mário de Andrade é um espaço destinado a dar suporte à luta contra o genocídio do povo negro em nosso território, oferecendo apoio a mães e familiares de vítimas do Estado e promovendo cidadania e educação na comunidade do Ibura. Este Centro foi idealizado e criado pelo Coletivo Justiça para Mário Andrade que é liderado por Joelma Andrade, mãe de Mário Andrade, que foi arbitrariamente assassinado por um Policial Militar quando tinha apenas 14 anos, em 25 de Julho 2016, tornando-se assim mais uma das inúmeras vítimas do Terrorismo de Estado que assola o Povo Negro em nosso país.  

Não temos vinculação com partidos ou políticos. Escolhemos traçar o caminho na luta comunitária, construída no dia a dia junto aos moradores do Ibura. Procurando soluções para os nossos problemas na base do “nós por nós”. 

Localizado numa região de morros e ladeiras, bairro do Ibura possuía em 2010, de acordo com o censo do IBGE, 50.617 habitantes e o menor IDH da capital pernambucana. Na parta alta do Ibura fica localizada a COAB que historicamente recebe moradores expulsos das regiões centrais do Recife. Segundo a plataforma Fogo Cruzado da UFPE o Ibura concentrou o maior número de tiroteios de Pernambuco. 

A maior parte da sua população ainda convive com a falta de acesso a direitos básicos, como água limpa na torneira, falta de saneamento básico e a falta de serviços essenciais como saúde e educação.   

Boa parte das pessoas beneficiadas pela ação teve um impacto drástico em suas vidas principalmente devido ao desemprego, que já existia, mas que foi agravado com a pandemia. Além disso, a população encontra sérias dificuldades para atender orientações básicas da OMS no combate ao COVID, como lavar as mãos, já que raramente têm água na torneira.   

Match-funding é como uma vaquinha turbinada: uma nova modalidade de fomento, que mistura o financiamento coletivo (ou crowd-funding) com aporte de parceiros, que multiplicam a arrecadação. Para cada R$ 1 arrecadado pelos projetos selecionados por intermédio da plataforma da Benfeitoria, o Fundo Colaborativo Enfrente contribui com mais R$ 2, até que o valor de R$30.000 seja alcançado.

O Fundo Colaborativo Enfrente, composto pela Fundação Tide Setubal e demais parceiros (vide aba “Parceiros” em benfeitoria.com/enfrente) poderá aportar o total de mais R$ 4.000.000,00 (quatro milhões de reais) para triplicar a arrecadação de campanhas de financiamento coletivo de iniciativas que enfrentem os efeitos do Coronavírus nas periferias urbanas brasileiras. Por se tratar de um Fundo Colaborativo e aberto a novos parceiros, o montante destinado a triplicação dos projetos pode ainda aumentar, possibilitando um número maior de iniciativas contempladas.

Luis Antônio da Silva Soares ainda não publicou nenhuma notícia.