Aninha Martins - Esquartejada |

Aninha Martins - Esquartejada

Realização do álbum de estreia da cantora Aninha Martins, intitulado "Esquartejada".

Projeto por: iezu kaeru
R$ 18.000,00
arrecadado
meta R$ 15.000,00

131 benfeitores
apoiaram essa campanha

Conseguimos \o/

Obrigado a todos os Benfeitores por mais um projeto bem sucedido. Agora, acompanhe as novidades e comentários do projeto.

POR

iezu kaeru

iezu kaeru

Vivo e trabalho em Recife/PE, sou graduado em Comunicação Social (UFPE) e atuo como educador social desde 2008; desenvolvo um trabalho híbrido que dialoga com: fotografia, cinema, arte contemporânea, intervenção urbana, música e artes plásticas. Também atuo como produtor cultural.

R$ 15
Link antecipado de download do disco
11 benfeitores apoiando
Você receberá o link de download do disco antes da estreia - pra ouvir no radinho, no pc, no fone de ouvido, como mais te guste :)
R$ 20
Cartaz "Esquartejada"
11 benfeitores apoiando
Você receberá um maravilhoso cartaz (formato A4) com a arte do disco "Esquartejada".
R$ 25
CD "Esquartejada"
38 benfeitores apoiando
Você receberá no aconchego do seu lar o CD de Aninha Martins.
R$ 40
Camisa Aninha Martins - "Esquartejada"
7 benfeitores apoiando
Você receberá uma linda camisa exclusiva com a arte do disco. Para passear bonitx e charmosx por onde queira.
R$ 40
Kit 1
15 benfeitores apoiando
Kit com cartaz e CD, um carinho pros olhos e pros ouvidos ;)
R$ 50
Kit 2
38 benfeitores apoiando
Kit com camisa e CD
R$ 70
Kit 3
18 benfeitores apoiando
Kit com CD, Camisa e Cartaz. Um brilho pros olhos, pro ouvido e pro look.
R$ 300
Kit 4
9 benfeitores apoiando
Você receberá uma gravura com tiragem limitada numerada pensada para o disco pelo artista Moacyr Campêlo, que também assina a arte gráfica do álbum.

9 disponíveis.
R$ 1.500
Pocket Show de Aninha Martins
Seja o primeiro a apoiar!
Um pocket show de Aninha Martins com formação reduzida. obs: não inclui despesas de logística, transporte, hospedagem e equipamento de som.
R$ 3.000
Show Aninha Martins
1 benfeitor apoiando
Show de Aninha Martins com banda completa!! obs: não inclui despesas de logística, transporte, hospedagem e equipamento de som.

Sobre Aninha

Em 2017 Aninha completa dez anos de formação e carreira musical. Aluna de canto popular e música brasileira no Conservatório Pernambucano de Música, conquistou espaço em diversas bandas do Recife com sua voz marcante e interpretação visceral, tais como a Sabiá Sensível (projeto que reúne muitos nomes atuantes da nova cena cultural da cidade), D'Mingus e a Fantástica Kazoo Orquestra, Malvados Azuis e Matheus Mota e Grupo Varal. Em 2016 Aninha foi convidada a participar de um show da cantora Céu, em São Paulo. Essas experiências conduziram, naturalmente, à maturação e impulso pela construção de sua própria trajetória como autora e intérprete.

Importante frisar também o elemento cênico nas apresentações da artista. Aninha estreou no teatro como atriz no musical “Caxuxa”, de João Falcão, pelo grupo Duas Companhias e faz parte do Núcleo Criativo Casa Torta desde 2015. Tem vivenciado e investido solidamente em processos de formação voltados a questão do corpo, da performance e da voz em cena (com referências claras a, por exemplo, Carlos Simeone, do Lume). Sua inspiração criativa para a música nasce profundamente associada ao fenômeno espetacular, aos shows em si, para só ai se consolidarem como registro fonográfico, discos: “eu quero ir pro palco, eu quero formar espetáculos, na verdade”.

 

Sobre o Disco

No final de 2013, Aninha lançou o show solo “Esquartejada”, dentro da programação do festival A Noite do Desbunde Elétrico. Com um repertório permeado por referências ao rock setentista, ao metal e a MPB, o show alcança momentos românticos e cômicos da mesma forma que chega a tragédia e a insurgência: assistir Aninha Martins ao vivo é se defrontar com uma situação de impossível isenção, não apenas pelo conteúdo de suas letras e melodias, mas também pela forte presença cênica da cantora, da mulher, da mulher negra.

O show “Esquartejada” alcança, em 2017, esse climax: com grande repercussão de crítica e público, já passou por todos os principais festivais e eventos do estado – RecBeat, Abril pro Rock, Festival de Inverno de Garanhuns, Macuca, Ouvindo e Fazendo Musica (MEPE), A Noite do Desbunde Elétrico, Cena Cumplicidades – e se tornará, finalmente, um disco. Esta campanha de crowdfunding é destinada para a pós-produção e prensagem da obra, que será lançada em Setembro de 2017. Sua banda é composta por: Rodrigo Padrão (guitarra), Victor Giovanni (baixo), Aline Borba (flauta), Hugo Coutinho (teclado) e Iezu Kaeru (bateria). 

 

Sobre a Campanha

Essa campanha contemplará os custos de gravação, mixagem, masterização e prensagem de 1.000 cópias do álbum debut de Aninha Martins - Esquartejada.

 

 

 

As recompensas

álbum

camisas

 

 

Ficha Técnica do Disco

Aninha Martins – Voz

Hugo Coutinho – Teclado e Voz

Victor Giovanni – Baixo

Iezu Kaeru– Bateria

Aline Borba – Flauta

Rodrigo Padrão – Guitarra

Vinicius Paes – Coro

Isadora Lubambo – Coro

Natália Meira Lins – Coro

Jonathas Onofre - Coro

Produção Musical - Aninha Martis e Banda

 

Ficha Técnica da Campanha

Produção – Bruna Leite, Ioanna Pappou, Mauro Fernandes, Aninha Martins e Banda

Design – Moacyr Campêlo

Texto – Marco Bonachela

Fotos – Beto Eiras

Maquiagem das Fotos – Cris Malta

Figurino das Fotos – Andrea Monteiro

Assistentes de Foto – Hugo Coutinho e Victor Giovanni

Sobre Aninha

Em 2017 Aninha completa dez anos de formação e carreira musical. Aluna de canto popular e música brasileira no Conservatório Pernambucano de Música, conquistou espaço em diversas bandas do Recife com sua voz marcante e interpretação visceral, tais como a Sabiá Sensível (projeto que reúne muitos nomes atuantes da nova cena cultural da cidade), D'Mingus e a Fantástica Kazoo Orquestra, Malvados Azuis e Matheus Mota e Grupo Varal. Em 2016 Aninha foi convidada a participar de um show da cantora Céu, em São Paulo. Essas experiências conduziram, naturalmente, à maturação e impulso pela construção de sua própria trajetória como autora e intérprete.

Importante frisar também o elemento cênico nas apresentações da artista. Aninha estreou no teatro como atriz no musical “Caxuxa”, de João Falcão, pelo grupo Duas Companhias e faz parte do Núcleo Criativo Casa Torta desde 2015. Tem vivenciado e investido solidamente em processos de formação voltados a questão do corpo, da performance e da voz em cena (com referências claras a, por exemplo, Carlos Simeone, do Lume). Sua inspiração criativa para a música nasce profundamente associada ao fenômeno espetacular, aos shows em si, para só ai se consolidarem como registro fonográfico, discos: “eu quero ir pro palco, eu quero formar espetáculos, na verdade”.

 

Sobre o Disco

No final de 2013, Aninha lançou o show solo “Esquartejada”, dentro da programação do festival A Noite do Desbunde Elétrico. Com um repertório permeado por referências ao rock setentista, ao metal e a MPB, o show alcança momentos românticos e cômicos da mesma forma que chega a tragédia e a insurgência: assistir Aninha Martins ao vivo é se defrontar com uma situação de impossível isenção, não apenas pelo conteúdo de suas letras e melodias, mas também pela forte presença cênica da cantora, da mulher, da mulher negra.

O show “Esquartejada” alcança, em 2017, esse climax: com grande repercussão de crítica e público, já passou por todos os principais festivais e eventos do estado – RecBeat, Abril pro Rock, Festival de Inverno de Garanhuns, Macuca, Ouvindo e Fazendo Musica (MEPE), A Noite do Desbunde Elétrico, Cena Cumplicidades – e se tornará, finalmente, um disco. Esta campanha de crowdfunding é destinada para a pós-produção e prensagem da obra, que será lançada em Setembro de 2017. Sua banda é composta por: Rodrigo Padrão (guitarra), Victor Giovanni (baixo), Aline Borba (flauta), Hugo Coutinho (teclado) e Iezu Kaeru (bateria). 

 

Sobre a Campanha

Essa campanha contemplará os custos de gravação, mixagem, masterização e prensagem de 1.000 cópias do álbum debut de Aninha Martins - Esquartejada.

 

 

 

As recompensas

álbum

camisas

 

 

Ficha Técnica do Disco

Aninha Martins – Voz

Hugo Coutinho – Teclado e Voz

Victor Giovanni – Baixo

Iezu Kaeru– Bateria

Aline Borba – Flauta

Rodrigo Padrão – Guitarra

Vinicius Paes – Coro

Isadora Lubambo – Coro

Natália Meira Lins – Coro

Jonathas Onofre - Coro

Produção Musical - Aninha Martis e Banda

 

Ficha Técnica da Campanha

Produção – Bruna Leite, Ioanna Pappou, Mauro Fernandes, Aninha Martins e Banda

Design – Moacyr Campêlo

Texto – Marco Bonachela

Fotos – Beto Eiras

Maquiagem das Fotos – Cris Malta

Figurino das Fotos – Andrea Monteiro

Assistentes de Foto – Hugo Coutinho e Victor Giovanni

Em: 24/08/2017 07:12

Lambe lambes


Em: 24/08/2017 06:45

Show completo - NO TEXAS #1

 


Em: 24/08/2017 06:44

Poket show relâmpago