Turismo Afro Cultural na Fazenda Roseira |

Turismo Afro Cultural na Fazenda Roseira

Venha conosco construir o programa de Turismo Afro-Cultural na Casa de Cultura Fazenda da Roseira e apoie a nossa busca por autonomia e sustentabilidade.

Projeto por: Associação Comunidade Jongo Dito Ribeiro
R$ 36.900,00
arrecadado
meta R$ 50.500,00

113
benfeitores

73%
arrecadado

21
dias restantes

É tudo ou nada! Precisamos bater a meta até 13/12/2019 - 23:59


POR

Associação Comunidade Jongo Dito Ribeiro

Associação Comunidade Jongo Dito Ribeiro

R$ 20
Cachuera
30 benfeitores apoiando
Muito obrigado pela contribuição. Seu nome irá aparecer na sessão de agradecimento do nosso site e em um post nas nossas redes sociais
R$ 35
Sankofa
21 benfeitores apoiando
Ficamos muito felizes com a sua colaboração. Além dos agradecimentos do site vamos enviar um cartão postal exclusivo para você.

75 disponíveis.
R$ 70
Tambú
17 benfeitores apoiando
Agradecemos o apoio. Nessa faixa você recebe além do agredecimento digital um CD de Jongo com encarte exclusivo com dedicatória.

79 disponíveis.
R$ 100
Mamoeiro
26 benfeitores apoiando
A Comunidade Jongo Dito Ribeiro agradece sua contribuição. Vamos fazer o agradecimento nas nossas redes sociais e te enviar uma ecobag da campanha.

71 disponíveis.
R$ 160
Samambaia
5 benfeitores apoiando
Sua colaboração é muito importante. Você ira receber uma camiseta exclusiva da campanha como forma de agradecimento.

93 disponíveis.
R$ 250
Tatu
15 benfeitores apoiando
É muito bom contar com você! Além do agradecimento nas redes vamos produzir um video personalizada de agredecimento, um estandarte de São Benedito ou dos mitos africanos e colocaremos seu nome num mural na Casa de Cultura Fazenda Roseira.

8 disponíveis.
R$ 500
Candongueiro
1 benfeitor apoiando
Muitissimo obrigado por nos ajudar nessa construção. Além do agradecimento digital, do video personalizado, do cartão postal, do estandarte e do nome no mural você receberá dois convites para um Roteiro Afro.

7 disponíveis.
R$ 1.000
Galinha D'angola
1 benfeitor apoiando
Agradecemos a parceria. Você terá um convite especial para todos os eventos da comunidade no ano de 2020 de graça. Além das recompensas anteriores de agradecimento no site e redes sociais, cartão postal, CD do Jongo e camiseta, video de agradecimento personalizado, estantandarte e nome no mural da campanha.

4 disponíveis.
R$ 2.000
Cumba
Seja o primeiro a apoiar!
Estamos muito felizes com seu apoio. Vamos fazer um agradecimento especial em nosso site e redes sociais, colocaremos sua marca nos materiais de divulgação do projeto, enviaremos um estandarte personalizado e um postal de agradecimento e poderemos agendar com você uma vivencia em jongo na Casa de Cultura Fazenda Roseira para até 50 pessoas durante o ano de 2020.

3 disponíveis.
R$ 4.000
Seja o primeiro a apoiar!
Vamos fazer um agradecimento especial em nosso site e redes sociais, colocaremos sua marca nos materiais de divulgação do projeto, enviaremos um estandarte personalizado e um postal de agradecimento e poderemos agendar com você uma oficina de cultura afro e patrimônio imaterial dialogando com a sua organização ou área de atuação.

3 disponíveis.

Não encontrou o que queria?

Apoie com qualquer valor

 

A Casa de Cultura Fazenda Roseira com seu  casarão histórico do século XIX construído de pau a pique é uma referência de patrimônio material e imaterial da cultura negra da cidade Campinas que hoje é cuidada pela Comunidade Jongo Dito Ribeiro. Conduzida por mulheres negras, a fazenda há mais de uma década realiza projetos para recuperação e preservação da memória e da cultura afro-brasileira, que tem marcas profundas na história da cidade.

Durante esses anos a comunidade vem desenvolvendo ações de turismo afro-cultural  sobre patrimônio imaterial do Jongo, educação étnico-racial e cosmovisão ambiental recebendo escolas da região, universidades, grupos culturais e turistas. A fazenda, no entanto, vem encontrando desafios permanentes em manter e preservar o espaço da casa, além de sofrer com furtos, incêndios na região e ser alvo da especulação imobiliária. Para superar esses desafios estamos ampliando o nosso programa de Turismo Cultural através desta campanha de financiamento coletivo.

 

 

O proposito desse projeto é fortalecer a iniciativa dos Roteiro Afro para gerar mais autonomia e sustentabilidade para a as ações de preservação realizadas pela Comunidade Jongo Dito Ribeiro e também melhor a acessibilidade de pessoas com deficinecia e mobilidade reduzida aos conteudos do Centro de Referencia do Jongo. 

As ações financiadas por essa campanha são:

- Melhorias na acessibilidade do espaço com instalação de totens em braile, rampa de acesso de acordo com as normas técnicas e sistema de sonorização para audiodescrição da exposição.

- Criação de um portal do programa de Turismo Afro-Cultural da Fazenda Roseira com conteudos digitais sobre as atividades e sistema para agendamentos. 

- Realização de 3 Roteiros Afro estratégicos para ampliar o nosso publico.

 

 

Nosso projeto esta dentro do edital de Matchfunding do BNDES, isso significa que para cada um real que conseguirmos captar com a nossa rede, o BNDES irá colocar mais dois reais no projeto, triplicando a arrecadação. Ou seja uma doação sua de R$ 100 é potencializada pelo BNDES e se torna R$ 300 para o projeto.

 

 


 

Como forma de agradecimento e de consolidação de nossas parcerias preparamos recompensas especiais para cada faixa de colaboração. Entre elas estão cartão postal, camiseta e ecobag com desing exclusivo da campanha, o CD da Comunidade Jongo Dito Ribeiro, convites para nossos eventos e muito mais. 

 

Associação Comunidade Jongo Dito Ribeiro ainda não publicou nenhuma notícia.

 

A Casa de Cultura Fazenda Roseira com seu  casarão histórico do século XIX construído de pau a pique é uma referência de patrimônio material e imaterial da cultura negra da cidade Campinas que hoje é cuidada pela Comunidade Jongo Dito Ribeiro. Conduzida por mulheres negras, a fazenda há mais de uma década realiza projetos para recuperação e preservação da memória e da cultura afro-brasileira, que tem marcas profundas na história da cidade.

Durante esses anos a comunidade vem desenvolvendo ações de turismo afro-cultural  sobre patrimônio imaterial do Jongo, educação étnico-racial e cosmovisão ambiental recebendo escolas da região, universidades, grupos culturais e turistas. A fazenda, no entanto, vem encontrando desafios permanentes em manter e preservar o espaço da casa, além de sofrer com furtos, incêndios na região e ser alvo da especulação imobiliária. Para superar esses desafios estamos ampliando o nosso programa de Turismo Cultural através desta campanha de financiamento coletivo.

 

 

O proposito desse projeto é fortalecer a iniciativa dos Roteiro Afro para gerar mais autonomia e sustentabilidade para a as ações de preservação realizadas pela Comunidade Jongo Dito Ribeiro e também melhor a acessibilidade de pessoas com deficinecia e mobilidade reduzida aos conteudos do Centro de Referencia do Jongo. 

As ações financiadas por essa campanha são:

- Melhorias na acessibilidade do espaço com instalação de totens em braile, rampa de acesso de acordo com as normas técnicas e sistema de sonorização para audiodescrição da exposição.

- Criação de um portal do programa de Turismo Afro-Cultural da Fazenda Roseira com conteudos digitais sobre as atividades e sistema para agendamentos. 

- Realização de 3 Roteiros Afro estratégicos para ampliar o nosso publico.

 

 

Nosso projeto esta dentro do edital de Matchfunding do BNDES, isso significa que para cada um real que conseguirmos captar com a nossa rede, o BNDES irá colocar mais dois reais no projeto, triplicando a arrecadação. Ou seja uma doação sua de R$ 100 é potencializada pelo BNDES e se torna R$ 300 para o projeto.

 

 


 

Como forma de agradecimento e de consolidação de nossas parcerias preparamos recompensas especiais para cada faixa de colaboração. Entre elas estão cartão postal, camiseta e ecobag com desing exclusivo da campanha, o CD da Comunidade Jongo Dito Ribeiro, convites para nossos eventos e muito mais. 

 

Associação Comunidade Jongo Dito Ribeiro ainda não publicou nenhuma notícia.