Frente UFF - Projeto Faceshield - Protegendo a quem nos protege |

Frente UFF - Projeto Faceshield - Protegendo a quem nos protege

Produção de Faceshields para proteção dos profissionais da rede púbica de saúde a zero custo. Projeto liderado pelo prof. Marcio Cataldi da Escola de Eng.

Projeto por: Mariana Almeida Pinto
R$ 3.640,00
arrecadado
meta R$ 60.000,00

21 benfeitores
apoiaram essa campanha

Conseguimos \o/

Obrigado a todos os Benfeitores por mais um projeto bem sucedido. Agora, acompanhe as novidades e comentários do projeto.

POR

Mariana Almeida Pinto

Mariana Almeida Pinto
R$ 20
Apoiar essa campanha com R$ 20
2 benfeitores apoiando
R$ 50
Apoiar essa campanha com R$ 50
4 benfeitores apoiando
R$ 80
Apoiar essa campanha com R$ 80
Seja o primeiro a apoiar!
R$ 100
Apoiar essa campanha com R$ 100
1 benfeitor apoiando
R$ 200
Apoiar essa campanha com R$ 200
1 benfeitor apoiando
R$ 300
Apoiar essa campanha com R$ 300
1 benfeitor apoiando
R$ 500
Apoiar essa campanha com R$ 500
Seja o primeiro a apoiar!
R$ 1.000
Apoiar essa campanha com R$ 1000
Seja o primeiro a apoiar!
R$ 3.000
Apoiar essa campanha com R$ 3000
Seja o primeiro a apoiar!

JÁ IMAGINOU COMO SERIA MARAVILHOSO PODER RETRIBUIR AOS ESFORÇOS DOS PROFISSIONAIS QUE ESTÃO TRABALHANDO NA LINHA DE FRENTE PARA CUIDAR DOS CIDADÃOS BRASILEIROS CONTRA O COVID 19 ?

 

O FaceShield-UFF é um projeto de iniciativa de professores e alunos da Escola de Engenharia da Universidade Federal Fluminense (UFF), em conjunto com a Reitoria da Universidade. Seu objetivo é o de desenvolver produtos que unam Engenharia e as áreas da Saúde para a produção em larga escala de um EPI (máscara facial) de fundamental importância para as equipes médicas e auxiliares que estão diariamente envolvidas no combate à pandemia da COVID-19 em hospitais do país, e cuja demanda vem crescendo exponencialmente

 

O FaceShield-UFF é composto por1:

1.   Suporte Superior e Inferior (atualmente a UFF os está fabricando em produção unitária, por meio de impressão 3D em plástico ABS);

2.   Visor de PETG (ou acetato), com dimensões de 420mmx250mm, cobrindo com sobras os principais pontos de contaminação interpessoal

Atualmente, a UFF é capaz de produzir cerca de 250 a 300 máscaras por semana, tendo recebido demandas de milhares de máscaras, para diferentes hospitais de diferentes estados.

A solução mais viável para a ampliação massiva dessa produção é a aquisição de um molde para injeção plástica para injetá-las utilizando as máquinas de padrão industrial da FIRJAN, já disponibilizadas para o projeto. Assim, a produção saltaria de centenas por semana para milhares ao dia.

Todo o processo se desenvolverá sob a coordenação do Prof. Dr. Marcio Cataldi (UFF).

 

 

 

ATUALMENTE O GRUPO DA UFF ESTÁ TRABALHANDO COM UMA PRODUÇÃO DE 250 A 300 FACESHIELDS POR SEMANA, MAS COM O DESENVOLVIMENTO DO MOLDE DE INJEÇÃO O GRUPO PODERÁ ALCANÇAR A PRODUÇÃO DE ATÉ 10.000 FACESHIELDS POR MÊS.

 

PODENDO ASSIM ATENDER E PROTEGER MUITO MAIS AS PESSOAS QUE HOJE TRABALHAM PARA NOS PROTEGER.

 

 

Mariana Almeida Pinto ainda não publicou nenhuma notícia.

JÁ IMAGINOU COMO SERIA MARAVILHOSO PODER RETRIBUIR AOS ESFORÇOS DOS PROFISSIONAIS QUE ESTÃO TRABALHANDO NA LINHA DE FRENTE PARA CUIDAR DOS CIDADÃOS BRASILEIROS CONTRA O COVID 19 ?

 

O FaceShield-UFF é um projeto de iniciativa de professores e alunos da Escola de Engenharia da Universidade Federal Fluminense (UFF), em conjunto com a Reitoria da Universidade. Seu objetivo é o de desenvolver produtos que unam Engenharia e as áreas da Saúde para a produção em larga escala de um EPI (máscara facial) de fundamental importância para as equipes médicas e auxiliares que estão diariamente envolvidas no combate à pandemia da COVID-19 em hospitais do país, e cuja demanda vem crescendo exponencialmente

 

O FaceShield-UFF é composto por1:

1.   Suporte Superior e Inferior (atualmente a UFF os está fabricando em produção unitária, por meio de impressão 3D em plástico ABS);

2.   Visor de PETG (ou acetato), com dimensões de 420mmx250mm, cobrindo com sobras os principais pontos de contaminação interpessoal

Atualmente, a UFF é capaz de produzir cerca de 250 a 300 máscaras por semana, tendo recebido demandas de milhares de máscaras, para diferentes hospitais de diferentes estados.

A solução mais viável para a ampliação massiva dessa produção é a aquisição de um molde para injeção plástica para injetá-las utilizando as máquinas de padrão industrial da FIRJAN, já disponibilizadas para o projeto. Assim, a produção saltaria de centenas por semana para milhares ao dia.

Todo o processo se desenvolverá sob a coordenação do Prof. Dr. Marcio Cataldi (UFF).

 

 

 

ATUALMENTE O GRUPO DA UFF ESTÁ TRABALHANDO COM UMA PRODUÇÃO DE 250 A 300 FACESHIELDS POR SEMANA, MAS COM O DESENVOLVIMENTO DO MOLDE DE INJEÇÃO O GRUPO PODERÁ ALCANÇAR A PRODUÇÃO DE ATÉ 10.000 FACESHIELDS POR MÊS.

 

PODENDO ASSIM ATENDER E PROTEGER MUITO MAIS AS PESSOAS QUE HOJE TRABALHAM PARA NOS PROTEGER.

 

 

Mariana Almeida Pinto ainda não publicou nenhuma notícia.