Luiz Fernando Gomes em Florida Institute of Technology |

Luiz Fernando Gomes em Florida Institute of Technology

#GoastroNANDO, eu acredito! - Apoio ao Nando, futuro engenheiro aeroespacial brasileiro na NASA

Projeto por: Estudar Fora
R$ 30.136,00
arrecadado
meta R$ 29.945,00

49 benfeitores
apoiaram essa campanha

Conseguimos \o/

Obrigado a todos os Benfeitores por mais um projeto bem sucedido. Agora, acompanhe as novidades e comentários do projeto.

POR

Estudar Fora

Estudar Fora
R$ 10
Contribuindo com qualquer valor
63 benfeitores apoiando
Você não recebe recompensa, mas ajuda o projeto a ganhar vida!
R$ 15
Apoiando com R$ 15,00 ou mais
Seja o primeiro a apoiar!
Mensagem de agradecimento geral no email.
R$ 30
Apoiando com R$ 30,00 ou mais
Seja o primeiro a apoiar!
Agradecimento especial com seu nome em vídeo no facebook.
R$ 50
Apoiando com R$ 50,00 ou mais
Seja o primeiro a apoiar!
Mensagem de agradecimento geral no email + Adesivo “#Go astroNANDO, Eu apoiei!”
R$ 100
Apoiando com R$ 100,00 ou mais
Seja o primeiro a apoiar!
Mensagem de agradecimento geral no email + Adesivo “#Go astroNANDO, Eu apoiei!” + Agradecimento especial à “light painting”.
R$ 250
Apoiando com R$ 250,00 ou mais
Seja o primeiro a apoiar!
Agradecimento especial com seu nome em vídeo no facebook + Agradecimento especial à “light painting” + Certificado de colaborador #Go astroNANDO, eu apoiei! em pdf .
R$ 500
Apoiando com R$ 500,00 ou mais
Seja o primeiro a apoiar!
Agradecimento especial com seu nome em vídeo no facebook + Certificado de colaborador #Go astroNANDO, eu apoiei! em pdf + Camisa artística “#Go astroNANDO, eu apoiei!”
R$ 1.000
Apoiando com R$ 1.000,00 ou mais
Seja o primeiro a apoiar!
Agradecimento exclusivo com seu nome em vídeo no facebook + Certificado de colaborador #Go astroNANDO, eu apoiei! em pdf + Caneca ‘special designed’ (Florida Tech + #Go astroNANDO, eu apoiei!”)
R$ 5.000
Apoiando com R$ 5.000,00 ou mais
Seja o primeiro a apoiar!
Agradecimento exclusivo com seu nome em vídeo no facebook + Certificado de colaborador #Go astroNANDO, eu apoiei! em pdf + Caneta cromada NASA limited edition

Esta campanha promove mais do que uma bolsa de estudos – ela é uma oportunidade de mudar uma vida!

3 Perguntas de Ouro que faço a mim mesmo:

1) Missão de vida:

Olhando para cima desde pequeno, percebia que minha vida estava de alguma forma entrelaçada aos céus. Hoje em dia, eu percebo que tal desejo de criança está sendo trilhado e espero que no futuro ainda continue, dando-me forças, assim, para construir as próximas espaçonaves que levarão os seres humanos cada vez mais longe pelas órbitas siderais.

2) Contribuição para a sociedade:

Quero ter a oportunidade de trabalhar no desenvolvimento de novas tecnologias espaciais, principalmente se esta for viável para o uso coletivo. No futuro, espero voltar pro Brasil e aplicar todo o conhecimento adquirido neste setor estratégico para o progresso nacional.

3) Meu papel no mundo:

Lidar com barreiras já faz parte da minha trajetória de vida. Acredito que no futuro, após conquistar todas as oportunidades possíveis, assim como o pai da aviação Santos Dumont e o Astronauta Marcos Pontes, gostaria que os jovens se inspirassem a perseguir caminhos ainda maiores que eu alcançarei no setor aeroespacial.

Motivo do projeto

Aprovado na Florida Institute of Technology,pro curso de engenharia aeroespacial, um dos melhores institutos tecnológicos dos EUA, que recebe investimentos diretos da NASA e outras empresas do ramo aeroespacial, pretendo concluir meus estudos para assim estar mais perto de conquistar os céus.

O custo total da universidade é de U$ 49.569,00 anuais, sendo, deste valor, U$37.240,00 para pagar a Tuition (custo dos estudos) e os restantes U$12.329,00 para custos de alimentação, moradia e saúde.

Felizmente, a comissão de bolsas da Florida Tech me concedeu uma bolsa de U$ 19.000,00 anuais. Contudo, meus familiares só podem arcar com os restantes U$4.566,21 para pagar a faculdade, fora os U$12.329,00 para ter o que comer e onde morar.

Minha história

Assim como o nosso calendário, minha vida é divida em um Antes e um Depois. Antes e Depois de um ideal. Antes e Depois de um sonho.

Tudo começou quando eu tinha 13 anos e meu tio me levou ao Red Bull Air Race, um espetáculo de manobras aéreas realizado na Praia de Botafogo, aqui no Rio. No mar, com água até os joelhos, assistindo os aviões em manobras alucinantes sobre minha cabeça, e os caças cortando os céus em velocidade supersônica, vi o futuro diante meus olhos. Quando uma ideia, altamente contagiosa, apodera-se de nossa mente, é quase impossível de erradicá-la.

Naquele momento, decidi que queria ser piloto.

Eu estava tão determinado a seguir este caminho que eu larguei todas as atividades, inclusive o ensino médio normal, para me preparar pra prova da EPCAR, a Escola Preparatória de Cadetes Aeronáutica, que prepara os alunos de nível médio para se tornarem pilotos militares. Desde que a sua taxa de admissão é uma das mais baixas no Brasil, eu sabia que teria que ralar bastante, estudar de domingo a domingo pra passar no exame.

Dois meses antes da prova, quase um ano depois de intensos estudos como bolsista num cursinho perto de casa, fui diagnosticado com miopia. Eu tinha memorizado quase tudo requerido para ser piloto e tinha certeza de que pilotos não poderiam ser míopes. Naquele ponto, meu mundo caiu. [...] (*)

Porém, não mais abatido, passei em primeiro lugar pro curso técnico de Eletrônica do CEFET/RJ, uma das melhores escolas públicas do Brasil. Lá, tive contato com a pesquisa e olimpíadas científicas. De todas, a que mais me destaquei foi na de Astronomia. Realmente, poder estudar o céu reacendeu a antiga chama de estar nele e assim, ganhei três medalhas, uma de prata e duas de ouro, sendo o primeiro do CEFET, por duas vezes, a realizar tal feito.

Por tal façanha, fui selecionado pro I Space Camp e pra X Jornada Espacial. Nestes eventos, tive a oportunidade de participar de palestras do primeiro astronauta brasileiro Marcos Pontes. Aprendi com ele o quão gratificante poderia ser criar e trabalhar com naves que voariam rumo a distâncias no espaço sideral jamais alcançadas pelo homem. Assim, apesar de não poder estar pilotando nos céus, eu descobri uma maneira ainda melhor de colocar minhas ideias lá em cima, mas desta vez, além das nuvens.

Eu finalmente entendi o que meu grande amigo queria me transmitir. Naquele tempo, eu não estava preparado para aceitar que havia outros caminhos. Mas agora eu sei que a vida funciona de misteriosas maneiras. Se não fosse pelo meu primeiro sonho destruído, eu não estaria hoje almejando realizar voos ainda maiores, não só para mim, mas sim para a humanidade em geral. Quando disse ao meu amigo que suas palavras me ajudaram a crescer e a entender que, de fato, havia outro caminho para mim, ele respondeu: “É Luiz, você nunca perdeu seu sonho; Você só encontrou outra maneira de voar.”.

(*) Veja a história completa em: goastronando.com

Na mídia

Felizmente, sempre tive o apoio de boas pessoas. Agradeço de coração aos jornalistas que colaboraram ao levar minha causa ao mundo. Sem eles, eu ainda estaria nas sombras.

Aqui em baixo você confere um pouco do que já foi publicado pelos grandes jornais. Enjoy!

G1 Educação

UOL Educação

O Globo - Sociedades

O Globo - Zona Norte Carioca

BAND - Jornal do Rio

ESPBR

Diário do Pará

Apollo Digital

Clipping

O Girassol

Por trás dos bastidores

Almejando não só ser bom profissional no meio da multidão, sempre corri atrás de valores que compusessem um ser humano crítico, fora da caixinha, que pudesse pensar e criar o futuro, mas que também nunca deixasse de estar ligado com as artes, pois são estas que nos caracterizam, dão-nos a liberdade de nos conhecermos e expressarmos como humanos, como alguns que realizo abaixo:

* Praticante de 'Le Parkour' - Parkour aumenta minha autoconfiança e capacidade em pensamento crítico, permitindo-me a superar obstáculos diários tanto físicos quanto mentais, e buscar situações de liderança. 2013 - atualmente;

* Monitor de Matemática e Física - Ministrei aulas preparatórias de Matemática e Física (ENEM) tanto na Paróquia 'Nossa Senhora da Guia' como em casa de alunos particulares. Também fui 1º colocado como Monitor/Bolsista de Física no CEFET/RJ em 2012. 2011 - 2013;

* Colaborador do projeto "Reunião da Sabedoria" - Nosso projeto consiste em limpar, reconstruir e repintar uma casa abandonada há aproximadamente 30 anos para servir como um Espaço Cultural para utilidade pública e consciência ambiental no bairro da Abolição, Rio de Janeiro, RJ. Mais informações: https://www.facebook.com/reuniaodasabedoria . 2013 - atualmente;

Perguntas mais frequentes

1) Quando receberei minha recompensa?

Aqui na Benfeitoria, trabalhamos no sistema Tudo ou Nada. Isso quer dizer que se o projeto alcançar os 100% até dia 15 de Julho, todo o valor será disponibilizado para efetivar o pagamento ao Instituto Tecnológico da Flórida, e todas as recompensas serão, assim, enviadas aos colaboradores a partir da metade de Agosto. As recompensas que serão compradas no exterior talvez demorem um pouco mais para chegar, mas com certeza, valerá muito a pena. Já caso a meta não seja atingida, todas as colaborações serão estornadas aos contribuintes, sendo assim, não haverá como disponibilizar as recompensas.

2) Conseguindo chegar aos 100%, quando você embarcará?

Conseguindo a quantia necessária, efetivarei o pagamento dos estudos ainda em Julho e assim, arrumarei todas as documentações para estar embarcando na metade de Agosto.

Então, interessou-se e quer saber mais? Há muito mais coisa sobre minha vida que quero compartilhar com você! Acesse:

goastronando.com

Não se esqueça de dar “like” e deixar sua mensagem de apoio na nossa página!

Acesse: www.facebook.com/goastronando

Universidades em que foi aprovado

Florida Institute of Technology; Illinois Institute of Technology; Ilinois Wesleyan University

Principais conquistas pessoais e acadêmicas

*Medalha de Ouro, Prata e Ouro, XIV, XV, e XVI Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica, 2011, 2012, 2013;

* Medalha de Ouro (Fase Nacional), Olimpíada Brasileira de Física das Escolas Públicas, 2012;

* Medalha de Bronze, Olimpíada Brasileira de Robótica, 2013;

* Bolsa do Programa de Vocação Científica, Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas, 2013;

* Aprovado para o curso de Engenharia Aeroespacial, Illinois Institute of Technology e Florida Institute of Technology, 2014.

Como pretendo utilizar esses recursos?

Toda a primeira parte do recurso (R$29.945,60) será direcionado para o Finance Officer da Florida Institute of Technology para cobrir o primeiro ano de estudo do curso de engenharia Aeroespacial.

Já o restante arrecadado, cuja meta é R$27.000,51, será exclusivamente usado para pagar os custos de moradia, alimentação e plano de saúde que são obrigatórios para alunos do 1º ano da faculdade.

Estudar Fora ainda não publicou nenhuma notícia.

Esta campanha promove mais do que uma bolsa de estudos – ela é uma oportunidade de mudar uma vida!

3 Perguntas de Ouro que faço a mim mesmo:

1) Missão de vida:

Olhando para cima desde pequeno, percebia que minha vida estava de alguma forma entrelaçada aos céus. Hoje em dia, eu percebo que tal desejo de criança está sendo trilhado e espero que no futuro ainda continue, dando-me forças, assim, para construir as próximas espaçonaves que levarão os seres humanos cada vez mais longe pelas órbitas siderais.

2) Contribuição para a sociedade:

Quero ter a oportunidade de trabalhar no desenvolvimento de novas tecnologias espaciais, principalmente se esta for viável para o uso coletivo. No futuro, espero voltar pro Brasil e aplicar todo o conhecimento adquirido neste setor estratégico para o progresso nacional.

3) Meu papel no mundo:

Lidar com barreiras já faz parte da minha trajetória de vida. Acredito que no futuro, após conquistar todas as oportunidades possíveis, assim como o pai da aviação Santos Dumont e o Astronauta Marcos Pontes, gostaria que os jovens se inspirassem a perseguir caminhos ainda maiores que eu alcançarei no setor aeroespacial.

Motivo do projeto

Aprovado na Florida Institute of Technology,pro curso de engenharia aeroespacial, um dos melhores institutos tecnológicos dos EUA, que recebe investimentos diretos da NASA e outras empresas do ramo aeroespacial, pretendo concluir meus estudos para assim estar mais perto de conquistar os céus.

O custo total da universidade é de U$ 49.569,00 anuais, sendo, deste valor, U$37.240,00 para pagar a Tuition (custo dos estudos) e os restantes U$12.329,00 para custos de alimentação, moradia e saúde.

Felizmente, a comissão de bolsas da Florida Tech me concedeu uma bolsa de U$ 19.000,00 anuais. Contudo, meus familiares só podem arcar com os restantes U$4.566,21 para pagar a faculdade, fora os U$12.329,00 para ter o que comer e onde morar.

Minha história

Assim como o nosso calendário, minha vida é divida em um Antes e um Depois. Antes e Depois de um ideal. Antes e Depois de um sonho.

Tudo começou quando eu tinha 13 anos e meu tio me levou ao Red Bull Air Race, um espetáculo de manobras aéreas realizado na Praia de Botafogo, aqui no Rio. No mar, com água até os joelhos, assistindo os aviões em manobras alucinantes sobre minha cabeça, e os caças cortando os céus em velocidade supersônica, vi o futuro diante meus olhos. Quando uma ideia, altamente contagiosa, apodera-se de nossa mente, é quase impossível de erradicá-la.

Naquele momento, decidi que queria ser piloto.

Eu estava tão determinado a seguir este caminho que eu larguei todas as atividades, inclusive o ensino médio normal, para me preparar pra prova da EPCAR, a Escola Preparatória de Cadetes Aeronáutica, que prepara os alunos de nível médio para se tornarem pilotos militares. Desde que a sua taxa de admissão é uma das mais baixas no Brasil, eu sabia que teria que ralar bastante, estudar de domingo a domingo pra passar no exame.

Dois meses antes da prova, quase um ano depois de intensos estudos como bolsista num cursinho perto de casa, fui diagnosticado com miopia. Eu tinha memorizado quase tudo requerido para ser piloto e tinha certeza de que pilotos não poderiam ser míopes. Naquele ponto, meu mundo caiu. [...] (*)

Porém, não mais abatido, passei em primeiro lugar pro curso técnico de Eletrônica do CEFET/RJ, uma das melhores escolas públicas do Brasil. Lá, tive contato com a pesquisa e olimpíadas científicas. De todas, a que mais me destaquei foi na de Astronomia. Realmente, poder estudar o céu reacendeu a antiga chama de estar nele e assim, ganhei três medalhas, uma de prata e duas de ouro, sendo o primeiro do CEFET, por duas vezes, a realizar tal feito.

Por tal façanha, fui selecionado pro I Space Camp e pra X Jornada Espacial. Nestes eventos, tive a oportunidade de participar de palestras do primeiro astronauta brasileiro Marcos Pontes. Aprendi com ele o quão gratificante poderia ser criar e trabalhar com naves que voariam rumo a distâncias no espaço sideral jamais alcançadas pelo homem. Assim, apesar de não poder estar pilotando nos céus, eu descobri uma maneira ainda melhor de colocar minhas ideias lá em cima, mas desta vez, além das nuvens.

Eu finalmente entendi o que meu grande amigo queria me transmitir. Naquele tempo, eu não estava preparado para aceitar que havia outros caminhos. Mas agora eu sei que a vida funciona de misteriosas maneiras. Se não fosse pelo meu primeiro sonho destruído, eu não estaria hoje almejando realizar voos ainda maiores, não só para mim, mas sim para a humanidade em geral. Quando disse ao meu amigo que suas palavras me ajudaram a crescer e a entender que, de fato, havia outro caminho para mim, ele respondeu: “É Luiz, você nunca perdeu seu sonho; Você só encontrou outra maneira de voar.”.

(*) Veja a história completa em: goastronando.com

Na mídia

Felizmente, sempre tive o apoio de boas pessoas. Agradeço de coração aos jornalistas que colaboraram ao levar minha causa ao mundo. Sem eles, eu ainda estaria nas sombras.

Aqui em baixo você confere um pouco do que já foi publicado pelos grandes jornais. Enjoy!

G1 Educação

UOL Educação

O Globo - Sociedades

O Globo - Zona Norte Carioca

BAND - Jornal do Rio

ESPBR

Diário do Pará

Apollo Digital

Clipping

O Girassol

Por trás dos bastidores

Almejando não só ser bom profissional no meio da multidão, sempre corri atrás de valores que compusessem um ser humano crítico, fora da caixinha, que pudesse pensar e criar o futuro, mas que também nunca deixasse de estar ligado com as artes, pois são estas que nos caracterizam, dão-nos a liberdade de nos conhecermos e expressarmos como humanos, como alguns que realizo abaixo:

* Praticante de 'Le Parkour' - Parkour aumenta minha autoconfiança e capacidade em pensamento crítico, permitindo-me a superar obstáculos diários tanto físicos quanto mentais, e buscar situações de liderança. 2013 - atualmente;

* Monitor de Matemática e Física - Ministrei aulas preparatórias de Matemática e Física (ENEM) tanto na Paróquia 'Nossa Senhora da Guia' como em casa de alunos particulares. Também fui 1º colocado como Monitor/Bolsista de Física no CEFET/RJ em 2012. 2011 - 2013;

* Colaborador do projeto "Reunião da Sabedoria" - Nosso projeto consiste em limpar, reconstruir e repintar uma casa abandonada há aproximadamente 30 anos para servir como um Espaço Cultural para utilidade pública e consciência ambiental no bairro da Abolição, Rio de Janeiro, RJ. Mais informações: https://www.facebook.com/reuniaodasabedoria . 2013 - atualmente;

Perguntas mais frequentes

1) Quando receberei minha recompensa?

Aqui na Benfeitoria, trabalhamos no sistema Tudo ou Nada. Isso quer dizer que se o projeto alcançar os 100% até dia 15 de Julho, todo o valor será disponibilizado para efetivar o pagamento ao Instituto Tecnológico da Flórida, e todas as recompensas serão, assim, enviadas aos colaboradores a partir da metade de Agosto. As recompensas que serão compradas no exterior talvez demorem um pouco mais para chegar, mas com certeza, valerá muito a pena. Já caso a meta não seja atingida, todas as colaborações serão estornadas aos contribuintes, sendo assim, não haverá como disponibilizar as recompensas.

2) Conseguindo chegar aos 100%, quando você embarcará?

Conseguindo a quantia necessária, efetivarei o pagamento dos estudos ainda em Julho e assim, arrumarei todas as documentações para estar embarcando na metade de Agosto.

Então, interessou-se e quer saber mais? Há muito mais coisa sobre minha vida que quero compartilhar com você! Acesse:

goastronando.com

Não se esqueça de dar “like” e deixar sua mensagem de apoio na nossa página!

Acesse: www.facebook.com/goastronando

Universidades em que foi aprovado

Florida Institute of Technology; Illinois Institute of Technology; Ilinois Wesleyan University

Principais conquistas pessoais e acadêmicas

*Medalha de Ouro, Prata e Ouro, XIV, XV, e XVI Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica, 2011, 2012, 2013;

* Medalha de Ouro (Fase Nacional), Olimpíada Brasileira de Física das Escolas Públicas, 2012;

* Medalha de Bronze, Olimpíada Brasileira de Robótica, 2013;

* Bolsa do Programa de Vocação Científica, Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas, 2013;

* Aprovado para o curso de Engenharia Aeroespacial, Illinois Institute of Technology e Florida Institute of Technology, 2014.

Como pretendo utilizar esses recursos?

Toda a primeira parte do recurso (R$29.945,60) será direcionado para o Finance Officer da Florida Institute of Technology para cobrir o primeiro ano de estudo do curso de engenharia Aeroespacial.

Já o restante arrecadado, cuja meta é R$27.000,51, será exclusivamente usado para pagar os custos de moradia, alimentação e plano de saúde que são obrigatórios para alunos do 1º ano da faculdade.

Estudar Fora ainda não publicou nenhuma notícia.