MicroTrio na Lavagem do Bonfim |

MicroTrio na Lavagem do Bonfim

Garantir a saída do MicroTrio de Ivan Huol no cortejo da Lavagem do Senhor do Bonfim, levando música a uma das mais importantes manifestações populares da Bahia

Projeto por: Huol Criações e Produções Artísticas Ltda
R$ 8.960,00
arrecadado
meta R$ 7.700,00

141 benfeitores
apoiaram essa campanha

Conseguimos \o/

Obrigado a todos os Benfeitores por mais um projeto bem sucedido. Agora, acompanhe as novidades e comentários do projeto.

POR

Huol Criações e Produções Artísticas Ltda

Huol Criações e Produções Artísticas Ltda

Empresa de produção cultural criada em 1998 por Ivan Huol e Cacilda Povoas para produzir a jam session no Museu de Arte Moderna da Bahia, hoje conhecida como JAM no MAM, que teve início em 1993, e o MicroTrio, trio elétrico de pequeno porte criado por Ivan Huol em 1996.

R$ 15
Kit Abraço musical
35 benfeitores apoiando
Citação do nome do contribuinte durante o percurso do MicroTrio no Bonfim
R$ 40
Kit Sombra
56 benfeitores apoiando
Citação do nome do contribuinte durante o percurso do MicroTrio no Bonfim + 1 chapéu de palha
R$ 100
Kit Vou de branco
19 benfeitores apoiando
Citação do nome do contribuinte durante o percurso do MicroTrio no Bonfim + 1 chapéu de palha + 1 bandana branca
R$ 250
Kit O amor está no ar
11 benfeitores apoiando
Citação do nome do contribuinte durante o percurso do MicroTrio no Bonfim + 1 chapéu de palha + 1 bandana branca + Direito de escolher uma música do repertório e dedicá-la a alguém
R$ 2.000
Kit Fui no Bonfim e ganhei um jingle
Seja o primeiro a apoiar!
Citação do nome do contribuinte durante o percurso do MicroTrio no Bonfim + Um jingle feito por Ivan Huol para sua empresa

Quem tem fé vai a pé e quem tem MicroTrio de Ivan Huol vai de axé! E vai também de picardias sociais, MPB, samba e o que mais for necessário para adicionar alegria e experimentações musicais no cortejo da Lavagem do Bonfim de 2018. Queremos sua parceria para custear e colocar nosso bloco na rua, com Cinho Damatta (voz, violão), Ivan Bastos (baixo, vocal), Ivan Huol (bateria, voz) e Sérgio Albuquerque (guitarra baiana) tocando para nossa turba animada e saculejante até perto da Sagrada Colina.

MicroTrio na Lavagem do Bonfim

#Meta 1

Só teremos uma meta nessa campanha. Conseguir R$ 7.700,00 necessários para garantir nossa saída no dia 11 de janeiro de 2018.

É Tudo ou Nada! Só recebemos se atingirmos a meta. Se não rolar, o dinheiro será devolvido aos doadores.

Nosso objetivo é contar com nosso grupo de fiéis amigos, e amigos dos fiéis amigos, e até os novos amigos para conseguir pagar o mínimo necessário capaz de levar mais uma vez nossa pequena multidão dançante e cantante pela Cidade Baixa.

  • Se não conseguirmos esse valor até o dia 09/01, o dinheiro será devolvido para todos que contribuíram e não teremos cortejo do MicroTrio esse ano na Lavagem do Bonfim;
  • Se conseguirmos, no mínimo, os R$ 7.700,00 necessários, ótimo! Encontraremo-nos no dia 11 de janeiro de 2018 em frente à Igreja da Conceição da Praia, logo depois da saída do cortejo das Baianas (por volta das 9h) para iniciar nossa caminhada musical;
  • E se conquistarmos mais do que o valor pedido, melhor ainda! Assim conseguiremos pagar o valor que todos merecem – já que o orçamento feito inclui concessões de todos os envolvidos na produção do MicroTrio.

Músicos do MicroTrio de Ivan Huol. Foto Lígia Rizério.

Para os quatro músicos que tocam dentro do diminuto carro, o cortejo da Lavagem do Bonfim funciona como um “ensaio geral” para o Carnaval, já que o MitroTrio de Ivan Huol é sempre uma das atrações mais divertidas e inusitadas nas ruas soteropolitanas. Em 2018, inclusive, sairemos com o tema “Censura Livre”!

Então, essa é uma grande oportunidade de chegar mais perto e colaborar para uma caminhada musical cheia de rostos, pernas e corações cúmplices no objetivo de valorizar a arte e a liberdade nas ruas soteropolitanas!

Ah! Você pode contribuir assim:

Recompensa #1: Kit Abraço Musical - Citação do nome do contribuinte durante o percurso do MicroTrio no Bonfim, para doações de R$15,00

Recompensa #2: Kit Sombra - Citação do nome do contribuinte durante o percurso do MicroTrio no Bonfim + 1 chapéu de palha, para doações de R$ 40,00

Recompensa #3: Kit Vou de branco - Citação do nome do contribuinte durante o percurso do MicroTrio no Bonfim + 1 chapéu de palha + 1 bandana branca, para doações de R$ 100,00

Recompensa #4: Kit O amor está no ar - Citação do nome do contribuinte durante o percurso do MicroTrio no Bonfim + 1 chapéu de palha + 1 bandana branca + Direito de escolher uma música do repertório e dedicá-la a alguém, para doações de R$ 250,00

Recompensa #5: Kit Fui no Bonfim e ganhei um jingle - Citação do nome do contribuinte durante o percurso do MicroTrio no Bonfim +  Um jingle feito por Ivan Huol para sua empresa,  para doações de R$ 2.000,00

O que pretendemos fazer com esse valor?

Todo o dinheiro arrecadado será utilizado pela equipe do MicroTrio para financiar os custos envolvidos nos preparativos técnicos no carro (revisão mecânica e consertos gerais), cachê dos músicos, aluguel de parte dos equipamentos de som, diárias de equipe técnica (produtores, motorista, segurança e comunicação) e despesas extras (combustível, transporte, alimentação, decoração, figurino etc.).

Você ainda não conhece o MicroTrio de Ivan Huol? Saca só:

Com apenas quatro músicos, o MicroTrio de Ivan Huol é o primeiro microtrio de Salvador. Desde 1996 ele vem abrindo espaço para um carnaval longe de rótulos, onde a música livre e a relação direta com o folião criam uma combinação poderosa, capaz de gerar uma experiência inusitada em meio à produção sempre superlativa do carnaval baiano. Nesse período, ele também tocou muitas vezes no cortejo da Lavagem do Bonfim.

Tudo isso porque optou por fazer o “caminho de volta”, reduzindo o tamanho da estrutura e voltando a usar um carro de passeio (os quatro músicos ficam dentro e fora de um Fiat Strada), como era a fobica de Dodô e Osmar. A ideia, hoje, gerou até uma nova categoria no carnaval baiano, a dos “microtrios”, que, por sua vez, inspira projetos de artistas que também procuraram o “caminho de volta” para um carnaval sem segregações e, principalmente, mais focado na relação próxima com o folião.

 
 
JMLW9Eg.png

 

Quem tem fé vai a pé e quem tem MicroTrio de Ivan Huol vai de axé! E vai também de picardias sociais, MPB, samba e o que mais for necessário para adicionar alegria e experimentações musicais no cortejo da Lavagem do Bonfim de 2018. Queremos sua parceria para custear e colocar nosso bloco na rua, com Cinho Damatta (voz, violão), Ivan Bastos (baixo, vocal), Ivan Huol (bateria, voz) e Sérgio Albuquerque (guitarra baiana) tocando para nossa turba animada e saculejante até perto da Sagrada Colina.

MicroTrio na Lavagem do Bonfim

#Meta 1

Só teremos uma meta nessa campanha. Conseguir R$ 7.700,00 necessários para garantir nossa saída no dia 11 de janeiro de 2018.

É Tudo ou Nada! Só recebemos se atingirmos a meta. Se não rolar, o dinheiro será devolvido aos doadores.

Nosso objetivo é contar com nosso grupo de fiéis amigos, e amigos dos fiéis amigos, e até os novos amigos para conseguir pagar o mínimo necessário capaz de levar mais uma vez nossa pequena multidão dançante e cantante pela Cidade Baixa.

  • Se não conseguirmos esse valor até o dia 09/01, o dinheiro será devolvido para todos que contribuíram e não teremos cortejo do MicroTrio esse ano na Lavagem do Bonfim;
  • Se conseguirmos, no mínimo, os R$ 7.700,00 necessários, ótimo! Encontraremo-nos no dia 11 de janeiro de 2018 em frente à Igreja da Conceição da Praia, logo depois da saída do cortejo das Baianas (por volta das 9h) para iniciar nossa caminhada musical;
  • E se conquistarmos mais do que o valor pedido, melhor ainda! Assim conseguiremos pagar o valor que todos merecem – já que o orçamento feito inclui concessões de todos os envolvidos na produção do MicroTrio.

Músicos do MicroTrio de Ivan Huol. Foto Lígia Rizério.

Para os quatro músicos que tocam dentro do diminuto carro, o cortejo da Lavagem do Bonfim funciona como um “ensaio geral” para o Carnaval, já que o MitroTrio de Ivan Huol é sempre uma das atrações mais divertidas e inusitadas nas ruas soteropolitanas. Em 2018, inclusive, sairemos com o tema “Censura Livre”!

Então, essa é uma grande oportunidade de chegar mais perto e colaborar para uma caminhada musical cheia de rostos, pernas e corações cúmplices no objetivo de valorizar a arte e a liberdade nas ruas soteropolitanas!

Ah! Você pode contribuir assim:

Recompensa #1: Kit Abraço Musical - Citação do nome do contribuinte durante o percurso do MicroTrio no Bonfim, para doações de R$15,00

Recompensa #2: Kit Sombra - Citação do nome do contribuinte durante o percurso do MicroTrio no Bonfim + 1 chapéu de palha, para doações de R$ 40,00

Recompensa #3: Kit Vou de branco - Citação do nome do contribuinte durante o percurso do MicroTrio no Bonfim + 1 chapéu de palha + 1 bandana branca, para doações de R$ 100,00

Recompensa #4: Kit O amor está no ar - Citação do nome do contribuinte durante o percurso do MicroTrio no Bonfim + 1 chapéu de palha + 1 bandana branca + Direito de escolher uma música do repertório e dedicá-la a alguém, para doações de R$ 250,00

Recompensa #5: Kit Fui no Bonfim e ganhei um jingle - Citação do nome do contribuinte durante o percurso do MicroTrio no Bonfim +  Um jingle feito por Ivan Huol para sua empresa,  para doações de R$ 2.000,00

O que pretendemos fazer com esse valor?

Todo o dinheiro arrecadado será utilizado pela equipe do MicroTrio para financiar os custos envolvidos nos preparativos técnicos no carro (revisão mecânica e consertos gerais), cachê dos músicos, aluguel de parte dos equipamentos de som, diárias de equipe técnica (produtores, motorista, segurança e comunicação) e despesas extras (combustível, transporte, alimentação, decoração, figurino etc.).

Você ainda não conhece o MicroTrio de Ivan Huol? Saca só:

Com apenas quatro músicos, o MicroTrio de Ivan Huol é o primeiro microtrio de Salvador. Desde 1996 ele vem abrindo espaço para um carnaval longe de rótulos, onde a música livre e a relação direta com o folião criam uma combinação poderosa, capaz de gerar uma experiência inusitada em meio à produção sempre superlativa do carnaval baiano. Nesse período, ele também tocou muitas vezes no cortejo da Lavagem do Bonfim.

Tudo isso porque optou por fazer o “caminho de volta”, reduzindo o tamanho da estrutura e voltando a usar um carro de passeio (os quatro músicos ficam dentro e fora de um Fiat Strada), como era a fobica de Dodô e Osmar. A ideia, hoje, gerou até uma nova categoria no carnaval baiano, a dos “microtrios”, que, por sua vez, inspira projetos de artistas que também procuraram o “caminho de volta” para um carnaval sem segregações e, principalmente, mais focado na relação próxima com o folião.

 
 
JMLW9Eg.png

 

Huol Criações e Produções Artísticas Ltda ainda não publicou nenhuma notícia.