Monumentos em Movimentos |

Monumentos em Movimentos

O projeto Monumentos em Movimentos objetiva a realização de 20 programas sobre importantes monumentos em Goiás, ressaltando a riqueza da cultura goiana.

Projeto por: ASSOCIACAO GOIANA DE ARTES VISUAIS - AGAV
R$ 76.235,00
arrecadado
meta R$ 75.000,00

97 benfeitores
apoiaram essa campanha

Conseguimos \o/

Obrigado a todos os Benfeitores por mais um projeto bem sucedido. Agora, acompanhe as novidades e comentários do projeto.


POR

ASSOCIACAO GOIANA DE ARTES VISUAIS - AGAV

ASSOCIACAO GOIANA DE ARTES VISUAIS - AGAV
R$ 50
Recompensa #1
18 benfeitores apoiando
1) Uma caixa com 20 postais dos monumentos 2) Nome nos créditos da série
R$ 100
Recompensa #2
12 benfeitores apoiando
1) Uma caneca personalizada com foto de um monumento (a escolha) 2) Uma caixa com 20 cartões postais dos monumentos 3) Nome nos créditos da série
R$ 150
Recompensa #3
7 benfeitores apoiando
1) Uma camiseta estampada com foto de um monumento (a escolha) 2) Uma caixa contendo 20 cartões postais dos monumentos 3) Nome nos créditos da série
R$ 200
Recompensa #4
7 benfeitores apoiando
1) Uma camiseta estampada com foto de um monumento (a escolha) 2) Uma caneca personalizada com foto de um monumento (a escolha) 3) Nome nos créditos da série
R$ 250
Recompensa #5
4 benfeitores apoiando
1) Um quadro 30x40 com foto de um monumento (a escolha) 2) Uma caneca personalizada com foto de um monumento (a escolha) 3) Nome nos créditos da série
R$ 300
Recompensa #6
8 benfeitores apoiando
1) Um quadro 30x40 com a foto de um monumento (a escolha) 2) Uma camiseta estampada com a foto de um monumento (a escolha) 3) Um box de DVD do projeto Museu Vivo, realizado por Angelo Lima, com 12 programas sobre museus goianos 4) Nome nos créditos da série
R$ 500
Recompensa #6
6 benfeitores apoiando
1) Um quadro 30x40 com a foto de um monumento (a escolha) 2) Uma camiseta estampada com a foto de um monumento (a escolha) 3) Um box de DVD do projeto Museu Vivo, realizado por Angelo Lima, com 12 programas sobre museus goianos 4) Uma caixa com 20 cartões postais dos monumentos 5) Nome nos créditos da série
R$ 1.000
Recompensa #7
1 benfeitor apoiando
1) Um quadro 30x40 com a foto de um monumento (a escolha) 2) Uma camiseta estampada com a foto de um monumento (a escolha) 3) Um box de DVD do projeto Museu Vivo, realizado por Angelo Lima, com 12 programas sobre museus goianos 4) Uma caixa com 20 cartões postais dos monumentos 5) Uma caneca personalizada com foto de um monumento 6) Nome nos créditos da série


O estado de Goiás está no Centro do Brasil. Por aqui passa boi e passa boiada, como diz o ditado popular. O tratado de Tordesilhas nos corta. Ao longo do tempo, desenvolvemos uma cultura diversificada, com pessoas chegando de todos os lugares do país, trazendo suas próprias bagagens pessoais e culturais - às vezes ficando, às vezes passando, mas sempre deixando suas marcas. Somos um Estado lindo e rico de cultura e natureza, mas pouco conhecido e falado pelo Brasil afora. Temos tradições de belezas extraordinárias e precisamos mostrar para o mundo.

Com isso em mente, criamos o projeto Monumentos em Movimento, idealizado pelo cineasta Angelo Lima em parceria com a AGAV - Associação Goiana de Artes Visuais. A ideia consiste em produzir 20 programas, em formato de pílulas de 3 minutos, sobre importantes monumentos do estado de Goiás, trazendo toda a riqueza, complexidade e beleza presentes nessas construções. O tempo dos episódios foi pensado para serem dinâmicos, rápidos e didáticos, com o intuito de atrair maior atenção aos monumentos retratados através da utilização de uma linguagem rápida e contemporânea. Os monumentos escolhidos para compor o programa são, em Goiânia: Ateneu Dom Bosco, Relógio da Avenida Goiás, Monumento das Três Raças, Estação Ferroviária da Praça do Trabalhador, Museu Zoroastro Artiaga, Coreto da Praça Civica, Trampolim e Mureta Art Deco no Lago das Rosas, Obelisco da Praça Cívica, Teatro Goiânia, Relógio da Avenida Goiás; na cidade de Goiás: Chafariz de Calda, Museu de Arte Sacra, Igreja do Rosário, Palácio Conde dos Arcos, Igreja da Boa Morte, Casa de Cora Coralina; em Pirenópolis: Casa de Câmara e Cadeia, Teatro de Pirenópolis, Igreja do Rosário; e, por fim, em Catalão: Igreja do Rosário.

 

O diretor e roteirista do projeto, Angelo Lima, possui uma longa trajetória no cinema. Iniciou sua carreira nos anos 1970, em Recife, produzindo curtas-metragens em super8. Ao se mudar para Goiânia, consolidou sua imagem no teatro e no circo, retomando a produção audiovisual nos anos 1990. Sua carreira como cineasta é marcada sobretudo por documentários, geralmente de cunho político e ambiental. Já venceu e exibiu seus filmes (que somam mais de quarenta curtas-metragens e cinco longas-metragens) em diversos festivais ao redor do Brasil e do mundo, consolidando seu nome como um dos grandes cineastas goianos e brasileiros. Já a AGAV - Associação Goiana de Artes Visuais é uma instituição respeitável em Goiás com 12 anos de história, contando com mais de 90 artistas filiados - entre eles, cineastas, artistas plásticos, fotógrafos. A AGAV vem contribuindo com a arte goiana há mais de uma década, organizando exposições artísticas, eventos culturais, arte nos parques e nas escolas, palestras e oficinas. A parceria entre o cineasta Angelo Lima e a AGAV, portanto, é marcada principalmente por um desejo de contribuir com a cultura goiana através da produção artística.

Fomos um dos dez selecionados para a segunda etapa do Matchfunding BNDES+ edição lab. Esta modalidade de Financiamento coletivo funciona da seguinte maneira: você colabora com a nossa campanha e o BNDES+ turbina o seu apoio, triplicando o valor. Isso mesmo! Para cada real arrecadado, o BNDES colocará mais 2 reais até alcançarmos a nossa meta de R$ 75.000. Por isso contamos muito com o seu apoio!

Ao contribuir com nossa campanha, você poderá receber várias recompensas de acordo com as faixas de valor. Entre nossas recompensas, inclui: uma caneca personalizada com foto de um monumento, uma camiseta personalizada com foto de um monumento, cartões postais dos monumentos, um box de DVD do projeto Museu Vivo com programas sobre museus goianos.


Entre os gastos para produzir os 20 programas, estão o pagamento dos profissionais (mais de dez), aluguel de equipamentos para filmagem, divulgação, hospedagem, transporte e alimentação da equipe, além de gastos gerais de produção, a taxa do Benfeitoria e as recompensas produzidas. Sendo assim, nossos gastos, por etapa, são:


Vamos celebrar a cultura goiana: nosso povo, nossos patrimônios materiais e imateriais, nossos monumentos, enfim, nossa História (com h maiúsculo). Precisamos valorizar nossa cultura e levá-la ao mundo. Através de programas de 3 minutos, rápidos e suscintos, vamos mostrar as riquezas do nosso Estado, fazendo um passeio por monumentos históricos goianos. Apoie o audiovisual e a cultura local: vamos fazer os Monumentos entrarem em Movimento.

ASSOCIACAO GOIANA DE ARTES VISUAIS - AGAV ainda não publicou nenhuma notícia.


O estado de Goiás está no Centro do Brasil. Por aqui passa boi e passa boiada, como diz o ditado popular. O tratado de Tordesilhas nos corta. Ao longo do tempo, desenvolvemos uma cultura diversificada, com pessoas chegando de todos os lugares do país, trazendo suas próprias bagagens pessoais e culturais - às vezes ficando, às vezes passando, mas sempre deixando suas marcas. Somos um Estado lindo e rico de cultura e natureza, mas pouco conhecido e falado pelo Brasil afora. Temos tradições de belezas extraordinárias e precisamos mostrar para o mundo.

Com isso em mente, criamos o projeto Monumentos em Movimento, idealizado pelo cineasta Angelo Lima em parceria com a AGAV - Associação Goiana de Artes Visuais. A ideia consiste em produzir 20 programas, em formato de pílulas de 3 minutos, sobre importantes monumentos do estado de Goiás, trazendo toda a riqueza, complexidade e beleza presentes nessas construções. O tempo dos episódios foi pensado para serem dinâmicos, rápidos e didáticos, com o intuito de atrair maior atenção aos monumentos retratados através da utilização de uma linguagem rápida e contemporânea. Os monumentos escolhidos para compor o programa são, em Goiânia: Ateneu Dom Bosco, Relógio da Avenida Goiás, Monumento das Três Raças, Estação Ferroviária da Praça do Trabalhador, Museu Zoroastro Artiaga, Coreto da Praça Civica, Trampolim e Mureta Art Deco no Lago das Rosas, Obelisco da Praça Cívica, Teatro Goiânia, Relógio da Avenida Goiás; na cidade de Goiás: Chafariz de Calda, Museu de Arte Sacra, Igreja do Rosário, Palácio Conde dos Arcos, Igreja da Boa Morte, Casa de Cora Coralina; em Pirenópolis: Casa de Câmara e Cadeia, Teatro de Pirenópolis, Igreja do Rosário; e, por fim, em Catalão: Igreja do Rosário.

 

O diretor e roteirista do projeto, Angelo Lima, possui uma longa trajetória no cinema. Iniciou sua carreira nos anos 1970, em Recife, produzindo curtas-metragens em super8. Ao se mudar para Goiânia, consolidou sua imagem no teatro e no circo, retomando a produção audiovisual nos anos 1990. Sua carreira como cineasta é marcada sobretudo por documentários, geralmente de cunho político e ambiental. Já venceu e exibiu seus filmes (que somam mais de quarenta curtas-metragens e cinco longas-metragens) em diversos festivais ao redor do Brasil e do mundo, consolidando seu nome como um dos grandes cineastas goianos e brasileiros. Já a AGAV - Associação Goiana de Artes Visuais é uma instituição respeitável em Goiás com 12 anos de história, contando com mais de 90 artistas filiados - entre eles, cineastas, artistas plásticos, fotógrafos. A AGAV vem contribuindo com a arte goiana há mais de uma década, organizando exposições artísticas, eventos culturais, arte nos parques e nas escolas, palestras e oficinas. A parceria entre o cineasta Angelo Lima e a AGAV, portanto, é marcada principalmente por um desejo de contribuir com a cultura goiana através da produção artística.

Fomos um dos dez selecionados para a segunda etapa do Matchfunding BNDES+ edição lab. Esta modalidade de Financiamento coletivo funciona da seguinte maneira: você colabora com a nossa campanha e o BNDES+ turbina o seu apoio, triplicando o valor. Isso mesmo! Para cada real arrecadado, o BNDES colocará mais 2 reais até alcançarmos a nossa meta de R$ 75.000. Por isso contamos muito com o seu apoio!

Ao contribuir com nossa campanha, você poderá receber várias recompensas de acordo com as faixas de valor. Entre nossas recompensas, inclui: uma caneca personalizada com foto de um monumento, uma camiseta personalizada com foto de um monumento, cartões postais dos monumentos, um box de DVD do projeto Museu Vivo com programas sobre museus goianos.


Entre os gastos para produzir os 20 programas, estão o pagamento dos profissionais (mais de dez), aluguel de equipamentos para filmagem, divulgação, hospedagem, transporte e alimentação da equipe, além de gastos gerais de produção, a taxa do Benfeitoria e as recompensas produzidas. Sendo assim, nossos gastos, por etapa, são:


Vamos celebrar a cultura goiana: nosso povo, nossos patrimônios materiais e imateriais, nossos monumentos, enfim, nossa História (com h maiúsculo). Precisamos valorizar nossa cultura e levá-la ao mundo. Através de programas de 3 minutos, rápidos e suscintos, vamos mostrar as riquezas do nosso Estado, fazendo um passeio por monumentos históricos goianos. Apoie o audiovisual e a cultura local: vamos fazer os Monumentos entrarem em Movimento.

ASSOCIACAO GOIANA DE ARTES VISUAIS - AGAV ainda não publicou nenhuma notícia.