Espetáculo NINHO |

Espetáculo NINHO

NINHO é uma peça de teatro que fala sobre o lugar da mulher na família, esse espaço de amor e segurança que também é anulação e violência.

Projeto por: Coletivo Ninho
R$ 7.080,00
arrecadado
meta R$ 7.000,00

75 benfeitores
apoiaram essa campanha

Conseguimos \o/

Obrigado a todos os Benfeitores por mais um projeto bem sucedido. Agora, acompanhe as novidades e comentários do projeto.

POR

Coletivo Ninho

Coletivo Ninho

R$ 15
Gratiluz!
6 benfeitores apoiando
Você já entendeu que estará para sempre em nossos corações, né?
R$ 30
Agradecimento oficial!
18 benfeitores apoiando
Post de agradecimento no nosso instagram @espetaculoninho!
R$ 50
Começando a se dar bem!
21 benfeitores apoiando
A gente jura que o marca-páginas é bem bonitinho! =)
R$ 75
A gente vai te olhar diferente na rua!
2 benfeitores apoiando
Escreveremos uma dedicatória especial pra você! Juntos e shallow nooow
R$ 100
Agora sim, hein!
22 benfeitores apoiando
Obrigada! Seu nome será inscrito no programa e nos nossos corações E você ainda vai levar uma ECOBAG mara!
R$ 200
Sou uma pessoa maravilhosa!
4 benfeitores apoiando
Além da ECOBAG mara, a gente vai te dar um livro realmente importante pra gente!
R$ 500
Rycaaaaaaaaah!
2 benfeitores apoiando
Tudo que vai volta! Você terá uma vida muito próspera, obrigada!
R$ 1.000
DONX DA PORRA TODA!
1 benfeitor apoiando
Que vida abençoada! Vem passar um dia com a gente e passar um pouco dessa luz!

Esse projeto tem o objetivo de levantar fundos para a produção e temporada do espetáculo NINHO!

 

SINOPSE

TRÊS MULHERES ABREM AS PORTAS DE SUA CASA A CONVIDADOS DESCONHECIDOS E TRAZEM À TONA O QUE CORRE POR BAIXO DA FRÁGIL TECITURA DAS RELAÇÕES FAMILIARES. NINHO REVELA O QUE É SER MULHER DENTRO DOS LIMITES DA CASA, QUESTIONANDO AS BASES SOBRE AS QUAIS SE ERGUEM O LAR TRADICIONAL.


 

QUEM SOMOS

Nosso coletivo nasceu em 2017, formado pelas atrizes Fran Lipinski, Luiza Braga e Patrícia Creti. Queríamos falar sobre o que é ser mulher nesse tempo de quebra de paradigmas, em que ainda estamos entendendo o papel múltiplo que a mulher vem assumindo na sociedade, fora e dentro do lar. 

NINHO é nosso primeiro trabalho, para o qual convidamos a renomada atriz Fernanda Viacava para a direção.

Em dezembro de 2017, fizemos uma leitura dramática do texto da peça no espaço do coletivo de arte C A S A, e, desde então, estamos tentando viabilizar nosso espetáculo e enfrentando as mesmas dificuldades com que a grande maioria dos artistas no nosso país se depara. Agora, decidimos realizar a campanha de financiamento coletivo e finalmente levar nossa obra para os palcos!

Hoje, compartilhando a direção com a Fernanda, também contamos com a atriz e escritora Christiana Ubach. Bora apoiar esse time de artistas mulheres?


POR QUE FAZER ESTA PEÇA?

Vivemos um momento de profusão de informações e opiniões, em que questões de gênero, como o sexismo, o aborto e a violência doméstica, ganham cada vez mais espaço de debate na esfera pública, graças às redes sociais. Mesmo no cenário caótico e hostil da “terra de ninguém” que é o meio digital, e ainda que as muitas vozes que vêm ganhando força por vezes lancem mão de discursos contraditórios, está claro que a forma como uma mulher é vista pelos olhos de outrem está mudando, assim como os espaços que ela ocupa social e politicamente. 

Aos poucos, esse debate vem perpetrando também a instituição da família patriarcal, em que a mulher (a mãe, a avó, a filha) cumpre um papel fundamental de estruturação e na qual há larga reprodução de comportamentos “tradicionais” que minam o empoderamento feminino e vão desde a diferenciação na educação de filhos e filhas à (não-)divisão de tarefas domésticas, passando pela violência psicológica, física e sexual. 

O espetáculo NINHO questiona a relação territorial entre corpo e lar e retrata as vozes femininas dentro do círculo familiar ao procurar esmiuçar o que significa ser mulher nesse território da casa, esse ninho de proteção que, ao mesmo tempo em que remete imediatamente à nostalgia da infância e ao amor incondicional entre seus membros, é palco histórico de violência atravessado, como tudo, pelo machismo. Não se trata de um espetáculo feminista panfletário, buscamos colocar em cena memórias e histórias características da intimidade do lar, acionando no espectador as suas próprias lembranças e trazendo para a superfície o modo como as relações de poder são construídas nesse espaço, muitas vezes de uma forma extremamente sutil e ingênua. A ideia é que o espectador seja imerso num universo familiar, nos dois sentidos que a palavra pode assumir: o que é próprio da família; o que já se conhece ou presume conhecer.

Esperamos que nossa obra enriqueça o debate sobre gênero, instigando no público reflexões e questionamentos quanto à figura da mulher na família (e, por consequência, em toda a sociedade) e à própria estrutura familiar!

 

 

FICHA TÉCNICA

DIREÇÃO: Fernanda Viacava e Chris Ubach

ELENCO: Luiza Braga, Patrícia Cretti e Fran Lipinski

FIGURINO: Isabelle Krauze

TEXTO: Fran Lipinski




 

 

COMO SERÁ GASTO O DINHEIRO ARRECADADO?

A verba arrecadada será usada na produção e temporada do espetáculo NINHO, ou seja, cobrirá os custos relativos à criação e confecção de cenário, figurino, trilha sonora e material gráfico, além de despesas como transporte de materiais cenográficos, produtos de limpeza, reposição de objetos cênicos, etc.

A Oficina Cultural Oswald de Andrade já é nossa apoiadora e é onde faremos nossa temporada, em outubro e novembro deste ano! Em troca do espaço de apresentação e ensaios, faremos 18  apresentações gratuitas e, assim, não tendo acesso à nenhuma verba de bilheteria.

 

 

CENÁRIO -  17,2%

FIGURINO - 5,7%

MATERIAL GRÁFICO - 4,3%

DESPESAS DE PRODUÇÃO - 6,4%

RECOMPENSAS - 5%

DESIGN E OPERAÇÃO DE LUZ - 20%

DESIGN E OPERAÇÃO DE SOM - 20%

TRANSPORTE - 11,4%

TAXAS Crowdfunding - 10%







Esse projeto tem o objetivo de levantar fundos para a produção e temporada do espetáculo NINHO!

 

SINOPSE

TRÊS MULHERES ABREM AS PORTAS DE SUA CASA A CONVIDADOS DESCONHECIDOS E TRAZEM À TONA O QUE CORRE POR BAIXO DA FRÁGIL TECITURA DAS RELAÇÕES FAMILIARES. NINHO REVELA O QUE É SER MULHER DENTRO DOS LIMITES DA CASA, QUESTIONANDO AS BASES SOBRE AS QUAIS SE ERGUEM O LAR TRADICIONAL.


 

QUEM SOMOS

Nosso coletivo nasceu em 2017, formado pelas atrizes Fran Lipinski, Luiza Braga e Patrícia Creti. Queríamos falar sobre o que é ser mulher nesse tempo de quebra de paradigmas, em que ainda estamos entendendo o papel múltiplo que a mulher vem assumindo na sociedade, fora e dentro do lar. 

NINHO é nosso primeiro trabalho, para o qual convidamos a renomada atriz Fernanda Viacava para a direção.

Em dezembro de 2017, fizemos uma leitura dramática do texto da peça no espaço do coletivo de arte C A S A, e, desde então, estamos tentando viabilizar nosso espetáculo e enfrentando as mesmas dificuldades com que a grande maioria dos artistas no nosso país se depara. Agora, decidimos realizar a campanha de financiamento coletivo e finalmente levar nossa obra para os palcos!

Hoje, compartilhando a direção com a Fernanda, também contamos com a atriz e escritora Christiana Ubach. Bora apoiar esse time de artistas mulheres?


POR QUE FAZER ESTA PEÇA?

Vivemos um momento de profusão de informações e opiniões, em que questões de gênero, como o sexismo, o aborto e a violência doméstica, ganham cada vez mais espaço de debate na esfera pública, graças às redes sociais. Mesmo no cenário caótico e hostil da “terra de ninguém” que é o meio digital, e ainda que as muitas vozes que vêm ganhando força por vezes lancem mão de discursos contraditórios, está claro que a forma como uma mulher é vista pelos olhos de outrem está mudando, assim como os espaços que ela ocupa social e politicamente. 

Aos poucos, esse debate vem perpetrando também a instituição da família patriarcal, em que a mulher (a mãe, a avó, a filha) cumpre um papel fundamental de estruturação e na qual há larga reprodução de comportamentos “tradicionais” que minam o empoderamento feminino e vão desde a diferenciação na educação de filhos e filhas à (não-)divisão de tarefas domésticas, passando pela violência psicológica, física e sexual. 

O espetáculo NINHO questiona a relação territorial entre corpo e lar e retrata as vozes femininas dentro do círculo familiar ao procurar esmiuçar o que significa ser mulher nesse território da casa, esse ninho de proteção que, ao mesmo tempo em que remete imediatamente à nostalgia da infância e ao amor incondicional entre seus membros, é palco histórico de violência atravessado, como tudo, pelo machismo. Não se trata de um espetáculo feminista panfletário, buscamos colocar em cena memórias e histórias características da intimidade do lar, acionando no espectador as suas próprias lembranças e trazendo para a superfície o modo como as relações de poder são construídas nesse espaço, muitas vezes de uma forma extremamente sutil e ingênua. A ideia é que o espectador seja imerso num universo familiar, nos dois sentidos que a palavra pode assumir: o que é próprio da família; o que já se conhece ou presume conhecer.

Esperamos que nossa obra enriqueça o debate sobre gênero, instigando no público reflexões e questionamentos quanto à figura da mulher na família (e, por consequência, em toda a sociedade) e à própria estrutura familiar!

 

 

FICHA TÉCNICA

DIREÇÃO: Fernanda Viacava e Chris Ubach

ELENCO: Luiza Braga, Patrícia Cretti e Fran Lipinski

FIGURINO: Isabelle Krauze

TEXTO: Fran Lipinski




 

 

COMO SERÁ GASTO O DINHEIRO ARRECADADO?

A verba arrecadada será usada na produção e temporada do espetáculo NINHO, ou seja, cobrirá os custos relativos à criação e confecção de cenário, figurino, trilha sonora e material gráfico, além de despesas como transporte de materiais cenográficos, produtos de limpeza, reposição de objetos cênicos, etc.

A Oficina Cultural Oswald de Andrade já é nossa apoiadora e é onde faremos nossa temporada, em outubro e novembro deste ano! Em troca do espaço de apresentação e ensaios, faremos 18  apresentações gratuitas e, assim, não tendo acesso à nenhuma verba de bilheteria.

 

 

CENÁRIO -  17,2%

FIGURINO - 5,7%

MATERIAL GRÁFICO - 4,3%

DESPESAS DE PRODUÇÃO - 6,4%

RECOMPENSAS - 5%

DESIGN E OPERAÇÃO DE LUZ - 20%

DESIGN E OPERAÇÃO DE SOM - 20%

TRANSPORTE - 11,4%

TAXAS Crowdfunding - 10%







Coletivo Ninho ainda não publicou nenhuma notícia.