Educação Financeira contra o Racismo |

Educação Financeira contra o Racismo

Colabore para disseminar educação financeira na periferia a partir do rap!

Projeto por: Gabriela Mendes Chaves
R$ 21.915,00
arrecadado
meta R$ 90.000,00

87
benfeitores

24%
arrecadado

22
dias restantes

PARCELE SEU PAGAMENTO EM ATÉ 6 VEZES

É tudo ou nada! Precisamos bater a meta até 16/12/2020 - 23:59


POR

Gabriela Mendes Chaves

Gabriela Mendes Chaves
R$ 50
É Nois
29 benfeitores apoiando
Planilha personalizada para organização das finanças pessoais
R$ 80
Firmeza
19 benfeitores apoiando
Planner financeiro personalizado pela NoFront (design exclusivo)
R$ 150
Na régua
12 benfeitores apoiando
Boné inédito personalizado pela NoFront

36 disponíveis.
R$ 300
Dahora
3 benfeitores apoiando
Caneca dourada inédita e exclusiva da NoFront

12 disponíveis.
R$ 500
Zica
2 benfeitores apoiando
Vaga integral para a próxima turma do Curso de Educação Financeira da NoFront, com possibilidade de reserva para o retorno presencial.

16 disponíveis.
R$ 1.500
Consultoria financeira personalizada
Seja o primeiro a apoiar!
Dois encontros para mentoria de gestão financeira pessoal com a economista Gabriela Chaves.

9 disponíveis.
R$ 5.000
Palestra exclusiva
Seja o primeiro a apoiar!
Palestra de 1h com a economista Gabriela Chaves. Tema a ser definido junto ao contribuinte.

2 disponíveis.

Não encontrou o que queria?

Apoie com qualquer valor

A NoFront surgiu em 2018 com a missão de aproximar a periferia dos conhecimentos em economia. Buscando o empoderamento econômico da população negra e periférica, utilizamos músicas de rap para disseminar educação financeira. Nos propomos a combater problemas econômicos estruturais como o endividamento, o consumo compulsivo e o aumento expressivo do desemprego. 

Precisamos da sua ajuda para alcançar mais pessoas em situação de vulnerabilidade que precisam de empoderamento formativo e financeiro e não possuem condições de arcar com o custo de um curso. O projeto EDUCAÇÃO FINANCEIRA CONTRA O RACISMO tem o propósito de capacitar gratuitamente grupos vulneráveis mais afetados pela crise econômica e social que assola o Brasil. 


NoFront was founded in 2018 with the mission of approximating economics knowledge with people living in social disadvantage. Aspiring to provide economic empowerment to black and poor people, our method consists in using hip hop music to teach financial education. We battle structural economics issues as liability, compulsive consumption and the increase of unemployment rates. 

We need your help to reach more people in vulnerable situations who need education and financial empowerment but can not afford to pay any course or studying fees. The FINANCIAL EDUCATION AGAINST RACISM project aims to instruct, for free, groups who were mostly affected by the social and economic crisis that has been happening in Brazil.

A NoFront precisa da colaboração de toda a comunidade para alcançar aqueles que foram mais impactados com a crise do Covid-19 - autônomes, informais, pequenes empreendedores, desempregades, aposentades, mães e pais solo, estudantes, imigrantes -  e expandir o trabalho educativo para zonas de maior vulnerabilidade no Brasil e na diáspora africana. As formações oferecidas serão gratuitas e envolvem reflexões em torno de temas como racismo, consumo, endividamento, ostentação, oferece ferramentas de planejamento financeiro, gestão de finanças pessoais e introdução aos investimentos.

O projeto traz a possibilidade de manutenção e estruturação do projeto guarda-chuva da No Front, com cursos, podcasts, bate-papos, conteúdos formativos e outros, todos voltados para o empoderamento formativo e financeiro de pessoas negras e periféricas. Esse é só o começo de uma jornada de 3 anos, que inclui a formação direta de 500 pessoas em situação de vulnerabilidade e a capacitação de lideranças periféricas como multiplicadores locais. 


What are we going to do?
NoFront needs collaboration from the whole community to reach those who were mostly affected by the Covid- 19 epidemy- self-employed professionals, small entrepreneurs, single parents, students, immigrants- and to broaden the educational work in high vulnerable areas in Brazil and African diaspora. The training will be provided for free and approaches topics such as racism, consume, liability, swaggering and also provides guides about financial planning, self financial management and teaches introduction to investments.

The project brings up the possibility of maintaining and structuring NoFront’s project with courses, podcasts, talks and training content: everything focused on the education and financial empowerment of black and poor people. This is just the beginning of a 3 years journey that will train over 500 people in vulnerable situations and entitle community leaders to enhance financial knowledge in the suburbs.
 

Seja antirracista na prática: doe para nossa campanha, compartilhe com sua rede e apoie o trabalho da NoFront!

A disseminação da educação financeira na periferia propulsiona mudanças estruturais em todo ecossistema, nos ajude a melhorar as condições de vida das 300 mil pessoas a serem impactadas pelo projeto. Para tornar isso possível, precisamos alcançar a meta de 90 mil reais para viabilizar o primeiro ano do nosso projeto no programa Matchfunding Enfrente. A cada 1 real arrecadado pela nossa, o Fundo Colaborativo Enfrente vai colocar mais 2 reais, triplicando a arrecadaçãoo!

 

A campanha é tudo ou nada, portanto precisamos muito da sua doação e do seu compartilhamento para concretizar este sonho. 

Colaborando com qualquer valor a partir de R$20,00 você ajuda nossa iniciativa e recebe recompensas personalizadas, em sinal de agradecimento coletivo. A NoFront também é uma plataforma idealizada por pessoas negras que nesses 2 anos vem promovendo transformações positivas na forma como a nossa comunidade lida com o dinheiro, através das formações e da produção de conteúdo.


How can you help?

Be antiracist in action: donate for our campaign, spread the message and support NoFront’s work!

Raising awareness of financial education in the suburbs changes the whole society exponentially. Help us to improve the life conditions of 300 thousand people who can benefit from this project. In order to make it possible, we need to reach the goal of $ 16.500 to endorse our project’s first year within the match funding program “Enfrente”. For every dollar collected, Enfrent funding will donate 2 more, thus tripling the money! 

The campaign is all-or-nothing, that means we really need your donation and assistance sharing and promoting it so we can accomplish this dream. Donating any value from 4 dollars, you help the project and also get special rewards, as an expression of gratitude. NoFront is a platform created by black people, for the last two years we have been promoting positive transformation in how our community deals with money, through courses, training and online content.
 

Somos referência! Nosso trabalho já é reconhecido por parceiros protagonistas no combate ao racismo em diversas regiões do Brasil. Para alcançar as mais de 3.000 pessoas já formadas pela NoFront, desenvolvemos nossas atividades ao lado de movimentos sociais negros e iniciativas de base de diversas regiões do país, como a CONAQ (Coordenação Nacional de Articulação das Comunidades Negras Rurais Quilombolas), a Coalizão Negra por Direitos, o Núcleo de Estudos e Pesquisas da Afro-América (NEPAFRO) a Marcha das Mulheres Negras (SP), Feira Vegana Salvador (BA), Coletivo Nóis por Nóis (SP), ONG Ação Educativa (SP), além de quilombos-urbanos como Terça Afro (SP), Aparelha Luzia (SP), Quilombo da Parada (SP), Casa do Boneco (BA) e empreendimentos negros e periféricos como Agência Solano Trindade (SP), Vale do Dendê (BA) e Yoni das Pretas (RJ).

Também rompemos barreiras geográficas ao disponibilizarmos todo nosso conteúdo em uma plataforma online! Pretemos alcançar territórios de todo o Brasil, com foco no desenvolvimento econômico e financeiro das periferias.


NoFront’s work

NoFront’s antiracist work is recognized for important figures throughout Brazil and has trained over 3.000 people. In order to succeed in this mission we teamed up with black power political organizations and social institutions from many different areas in Brazil, as CONAQ (Coordenação Nacional de Articulação das Comunidades Negras Rurais Quilombolas), the “Coalizão Negra por Direitos”, the “Núcleo de Estudos e Pesquisas da Afro-América” (NEPAFRO) the “Marcha das Mulheres Negras” (SP), Salvador vegan market  (BA), “Coletivo Nóis por Nóis” (SP), “ONG Ação Educativa” (SP), and also urban quilombos such as “Terça Afro” (SP), “Aparelha Luzia” (SP), “Quilombo da Parada” (SP), “Casa do Boneco” (BA) and black owned business as “Agência Solano Trindade” (SP), “Vale do Dendê” (BA) and “Yoni das Pretas” (RJ).

Additionally, we overcome physical barriers by creating rich and informative online content! We aim to reach the whole country, focusing on the financial and economic development of the underdeveloped areas. 

 

Conheça melhor o nosso trabalho | Get to know more about us in 

Gabriela Mendes Chaves ainda não publicou nenhuma notícia.

A NoFront surgiu em 2018 com a missão de aproximar a periferia dos conhecimentos em economia. Buscando o empoderamento econômico da população negra e periférica, utilizamos músicas de rap para disseminar educação financeira. Nos propomos a combater problemas econômicos estruturais como o endividamento, o consumo compulsivo e o aumento expressivo do desemprego. 

Precisamos da sua ajuda para alcançar mais pessoas em situação de vulnerabilidade que precisam de empoderamento formativo e financeiro e não possuem condições de arcar com o custo de um curso. O projeto EDUCAÇÃO FINANCEIRA CONTRA O RACISMO tem o propósito de capacitar gratuitamente grupos vulneráveis mais afetados pela crise econômica e social que assola o Brasil. 


NoFront was founded in 2018 with the mission of approximating economics knowledge with people living in social disadvantage. Aspiring to provide economic empowerment to black and poor people, our method consists in using hip hop music to teach financial education. We battle structural economics issues as liability, compulsive consumption and the increase of unemployment rates. 

We need your help to reach more people in vulnerable situations who need education and financial empowerment but can not afford to pay any course or studying fees. The FINANCIAL EDUCATION AGAINST RACISM project aims to instruct, for free, groups who were mostly affected by the social and economic crisis that has been happening in Brazil.

A NoFront precisa da colaboração de toda a comunidade para alcançar aqueles que foram mais impactados com a crise do Covid-19 - autônomes, informais, pequenes empreendedores, desempregades, aposentades, mães e pais solo, estudantes, imigrantes -  e expandir o trabalho educativo para zonas de maior vulnerabilidade no Brasil e na diáspora africana. As formações oferecidas serão gratuitas e envolvem reflexões em torno de temas como racismo, consumo, endividamento, ostentação, oferece ferramentas de planejamento financeiro, gestão de finanças pessoais e introdução aos investimentos.

O projeto traz a possibilidade de manutenção e estruturação do projeto guarda-chuva da No Front, com cursos, podcasts, bate-papos, conteúdos formativos e outros, todos voltados para o empoderamento formativo e financeiro de pessoas negras e periféricas. Esse é só o começo de uma jornada de 3 anos, que inclui a formação direta de 500 pessoas em situação de vulnerabilidade e a capacitação de lideranças periféricas como multiplicadores locais. 


What are we going to do?
NoFront needs collaboration from the whole community to reach those who were mostly affected by the Covid- 19 epidemy- self-employed professionals, small entrepreneurs, single parents, students, immigrants- and to broaden the educational work in high vulnerable areas in Brazil and African diaspora. The training will be provided for free and approaches topics such as racism, consume, liability, swaggering and also provides guides about financial planning, self financial management and teaches introduction to investments.

The project brings up the possibility of maintaining and structuring NoFront’s project with courses, podcasts, talks and training content: everything focused on the education and financial empowerment of black and poor people. This is just the beginning of a 3 years journey that will train over 500 people in vulnerable situations and entitle community leaders to enhance financial knowledge in the suburbs.
 

Seja antirracista na prática: doe para nossa campanha, compartilhe com sua rede e apoie o trabalho da NoFront!

A disseminação da educação financeira na periferia propulsiona mudanças estruturais em todo ecossistema, nos ajude a melhorar as condições de vida das 300 mil pessoas a serem impactadas pelo projeto. Para tornar isso possível, precisamos alcançar a meta de 90 mil reais para viabilizar o primeiro ano do nosso projeto no programa Matchfunding Enfrente. A cada 1 real arrecadado pela nossa, o Fundo Colaborativo Enfrente vai colocar mais 2 reais, triplicando a arrecadaçãoo!

 

A campanha é tudo ou nada, portanto precisamos muito da sua doação e do seu compartilhamento para concretizar este sonho. 

Colaborando com qualquer valor a partir de R$20,00 você ajuda nossa iniciativa e recebe recompensas personalizadas, em sinal de agradecimento coletivo. A NoFront também é uma plataforma idealizada por pessoas negras que nesses 2 anos vem promovendo transformações positivas na forma como a nossa comunidade lida com o dinheiro, através das formações e da produção de conteúdo.


How can you help?

Be antiracist in action: donate for our campaign, spread the message and support NoFront’s work!

Raising awareness of financial education in the suburbs changes the whole society exponentially. Help us to improve the life conditions of 300 thousand people who can benefit from this project. In order to make it possible, we need to reach the goal of $ 16.500 to endorse our project’s first year within the match funding program “Enfrente”. For every dollar collected, Enfrent funding will donate 2 more, thus tripling the money! 

The campaign is all-or-nothing, that means we really need your donation and assistance sharing and promoting it so we can accomplish this dream. Donating any value from 4 dollars, you help the project and also get special rewards, as an expression of gratitude. NoFront is a platform created by black people, for the last two years we have been promoting positive transformation in how our community deals with money, through courses, training and online content.
 

Somos referência! Nosso trabalho já é reconhecido por parceiros protagonistas no combate ao racismo em diversas regiões do Brasil. Para alcançar as mais de 3.000 pessoas já formadas pela NoFront, desenvolvemos nossas atividades ao lado de movimentos sociais negros e iniciativas de base de diversas regiões do país, como a CONAQ (Coordenação Nacional de Articulação das Comunidades Negras Rurais Quilombolas), a Coalizão Negra por Direitos, o Núcleo de Estudos e Pesquisas da Afro-América (NEPAFRO) a Marcha das Mulheres Negras (SP), Feira Vegana Salvador (BA), Coletivo Nóis por Nóis (SP), ONG Ação Educativa (SP), além de quilombos-urbanos como Terça Afro (SP), Aparelha Luzia (SP), Quilombo da Parada (SP), Casa do Boneco (BA) e empreendimentos negros e periféricos como Agência Solano Trindade (SP), Vale do Dendê (BA) e Yoni das Pretas (RJ).

Também rompemos barreiras geográficas ao disponibilizarmos todo nosso conteúdo em uma plataforma online! Pretemos alcançar territórios de todo o Brasil, com foco no desenvolvimento econômico e financeiro das periferias.


NoFront’s work

NoFront’s antiracist work is recognized for important figures throughout Brazil and has trained over 3.000 people. In order to succeed in this mission we teamed up with black power political organizations and social institutions from many different areas in Brazil, as CONAQ (Coordenação Nacional de Articulação das Comunidades Negras Rurais Quilombolas), the “Coalizão Negra por Direitos”, the “Núcleo de Estudos e Pesquisas da Afro-América” (NEPAFRO) the “Marcha das Mulheres Negras” (SP), Salvador vegan market  (BA), “Coletivo Nóis por Nóis” (SP), “ONG Ação Educativa” (SP), and also urban quilombos such as “Terça Afro” (SP), “Aparelha Luzia” (SP), “Quilombo da Parada” (SP), “Casa do Boneco” (BA) and black owned business as “Agência Solano Trindade” (SP), “Vale do Dendê” (BA) and “Yoni das Pretas” (RJ).

Additionally, we overcome physical barriers by creating rich and informative online content! We aim to reach the whole country, focusing on the financial and economic development of the underdeveloped areas. 

 

Conheça melhor o nosso trabalho | Get to know more about us in 

Gabriela Mendes Chaves ainda não publicou nenhuma notícia.