Periferia Sem Covid - Vidas Negras Importam |

Periferia Sem Covid - Vidas Negras Importam

Contribuir para a redução das desigualdades raciais causadas pela pandemia da Covid-19

Projeto por: Centro de Estudos das Relações de Trabalho e Desigualdades
R$ 550,00
arrecadado
meta R$ 50.000,00

3 benfeitores
apoiaram essa campanha

Conseguimos \o/

Obrigado a todos os Benfeitores por mais um projeto bem sucedido. Agora, acompanhe as novidades e comentários do projeto.

POR

Centro de Estudos das Relações de Trabalho e Desigualdades

Centro de Estudos das Relações de Trabalho e Desigualdades
R$ 20
Apoiar essa campanha com R$ 20
Seja o primeiro a apoiar!
R$ 50
Apoiar essa campanha com R$ 50
Seja o primeiro a apoiar!
R$ 80
Apoiar essa campanha com R$ 80
Seja o primeiro a apoiar!
R$ 100
Apoiar essa campanha com R$ 100
Seja o primeiro a apoiar!
R$ 200
Apoiar essa campanha com R$ 200
Seja o primeiro a apoiar!
R$ 300
Apoiar essa campanha com R$ 300
Seja o primeiro a apoiar!
R$ 500
Apoiar essa campanha com R$ 500
Seja o primeiro a apoiar!
R$ 1.000
Apoiar essa campanha com R$ 1000
Seja o primeiro a apoiar!
R$ 3.000
Apoiar essa campanha com R$ 3000
Seja o primeiro a apoiar!

Com o objetivo de reduzir as desigualdades raciais causadas pela pandemia da Covid-19, o Centro de Estudos das Relações de Trabalho e Desigualdades (CEERT) lança a campanha Periferia sem covid: vidas negras importam!

Inicialmente, iremos impactar 500 famílias durante 3 meses, com um vale-alimentação no valor de R$200,00. Contudo, queremos ampliar o número de pessoas que serão impactadas e para isso contamos com sua ajuda.

Realizaremos doações para as comunidades de terreiros de matriz africana localizadas na Brasilândia, um dos bairros mais afetados pela pandemia, bem como outros bairros periféricos em seu entorno.

Para a realização desse trabalho, contamos com o apoio da Associação Cultural Beneficente Abassa Inhançã e Oxossi (Casa Verde e Botujuru), Templo Espiritual de Umbanda e Candomblé Cabocla Jurema da Mata Virgem, Associação Social e Habitacional Mãos Unidas, Tenda Espiritual de Umbanda Mamãe Oxum e Caboclo Flexa Branca, Inzo Kizola D´Mutalambo (Imirim), Afoxé Amo Dada (Mãe Wanda), Intecab, Ile Afefe Orun Axe Ipopo Aye (Mãe Kathia), Idafro, ANTRA, Instituto Nice, Bazar ONG Freguesia, ACTI, Casa Feliz e Irmandade Rosário.

A ação busca, ainda, ampliar o debate sobre os impactos do coronavírus e o aumento das desigualdades raciais. O racismo institucional no acesso à saúde provoca um maior número de mortes de pessoas negras vítimas da covid-19.

Em São Paulo, dados do boletim epidemiológico da Prefeitura apontam que o risco de morte de negros por covid-19 é 62% maior em relação aos brancos.

Com o apoio de uma rede de doadores poderemos aumentar o número de famílias atendidas e o tempo de auxílio. O nosso desejo é reduzir os impactos negativos da epidemia sobre a população negra e periférica.

Apoie essa causa e doe para combater os impactos do racismo estrutural na nossa sociedade!

Conheça mais os trabalhos desenvolvidos pelo CEERT acessando https://ceert.org.br/

 

Abraço grande,

Equipe CEERT

 

Centro de Estudos das Relações de Trabalho e Desigualdades ainda não publicou nenhuma notícia.

Com o objetivo de reduzir as desigualdades raciais causadas pela pandemia da Covid-19, o Centro de Estudos das Relações de Trabalho e Desigualdades (CEERT) lança a campanha Periferia sem covid: vidas negras importam!

Inicialmente, iremos impactar 500 famílias durante 3 meses, com um vale-alimentação no valor de R$200,00. Contudo, queremos ampliar o número de pessoas que serão impactadas e para isso contamos com sua ajuda.

Realizaremos doações para as comunidades de terreiros de matriz africana localizadas na Brasilândia, um dos bairros mais afetados pela pandemia, bem como outros bairros periféricos em seu entorno.

Para a realização desse trabalho, contamos com o apoio da Associação Cultural Beneficente Abassa Inhançã e Oxossi (Casa Verde e Botujuru), Templo Espiritual de Umbanda e Candomblé Cabocla Jurema da Mata Virgem, Associação Social e Habitacional Mãos Unidas, Tenda Espiritual de Umbanda Mamãe Oxum e Caboclo Flexa Branca, Inzo Kizola D´Mutalambo (Imirim), Afoxé Amo Dada (Mãe Wanda), Intecab, Ile Afefe Orun Axe Ipopo Aye (Mãe Kathia), Idafro, ANTRA, Instituto Nice, Bazar ONG Freguesia, ACTI, Casa Feliz e Irmandade Rosário.

A ação busca, ainda, ampliar o debate sobre os impactos do coronavírus e o aumento das desigualdades raciais. O racismo institucional no acesso à saúde provoca um maior número de mortes de pessoas negras vítimas da covid-19.

Em São Paulo, dados do boletim epidemiológico da Prefeitura apontam que o risco de morte de negros por covid-19 é 62% maior em relação aos brancos.

Com o apoio de uma rede de doadores poderemos aumentar o número de famílias atendidas e o tempo de auxílio. O nosso desejo é reduzir os impactos negativos da epidemia sobre a população negra e periférica.

Apoie essa causa e doe para combater os impactos do racismo estrutural na nossa sociedade!

Conheça mais os trabalhos desenvolvidos pelo CEERT acessando https://ceert.org.br/

 

Abraço grande,

Equipe CEERT

 

Centro de Estudos das Relações de Trabalho e Desigualdades ainda não publicou nenhuma notícia.