[AM] Toque de Mulher |

[AM] Toque de Mulher

Ajude a Toque de Mulher a continuar apoiando o coletivo de mulheres artesãs.

Projeto por: CLEMILSA ALVES DA SILVA
R$ 15.080,00
arrecadado
meta R$ 15.000,00

5 benfeitores
apoiaram essa campanha

Conseguimos \o/

Obrigado a todos os Benfeitores por mais um projeto bem sucedido. Agora, acompanhe as novidades e comentários do projeto.


POR

CLEMILSA ALVES DA SILVA

CLEMILSA ALVES DA SILVA
R$ 10
Um toque de gratidão.
Seja o primeiro a apoiar!
Com esse valor recebemos com muito carinho e devolvemos um toque de gratidão! Você é muito importante para a gente!
R$ 30
Um toque de luz, câmeras, ação.
Seja o primeiro a apoiar!
Com sua contribuição além do nosso eterno agradecimento enviaremos um vídeo com as nossas artesãs mostrando nosso trabalho e agradecendo a ajuda.
R$ 50
Um toque de natureza.
1 benfeitor apoiando
Com sua contribuição ficamos muito agradecidas e queremos te enviar um Kit contendo colar e pulseira produzidas por nossas artesãs usando uma técnica dos índios locais, feitos com sementes e cipós da Amazônia. *Envio por conta do colaborador a ser combinado após o fim da campanha.

9 disponíveis.
R$ 100
Um toque de consciência ambiental.
Seja o primeiro a apoiar!
Ficamos muito felizes com sua contribuição e queremos te enviar 01 Ecobag + Kit contendo colar e pulseira produzidas por nossas artesãs usando uma técnica dos índios locais, feitos com sementes e cipós da Amazônia. *Envio por conta do colaborador a ser combinado após o fim da campanha.

10 disponíveis.
R$ 200
Um toque de cheiro da floresta.
Seja o primeiro a apoiar!
Ficamos muito contentes com sua contribuição e queremos te enviar um kit de perfumes e sabonetes da Amazônia produzidos por nossas artesãs, todos com um cheirinho delicioso, entre eles: Cupuaçu, açaí, mutamba e araçá. *Envio por conta do colaborador a ser combinado após o fim da campanha.

10 disponíveis.
R$ 500
Um toque de maravilha.
2 benfeitores apoiando
Ficamos muito felizes com sua contribuição maravilhosa e queremos te enviar produtos feitos com muito carinho por nossas artesãs: Uma Bolsa de crochê, um sapato de seringa (látex), Kit de colar e bracelete indígena e Kit de sabonete (aroeira, mutamba, açaí e araçá). *Envio por conta do colaborador a ser combinado após o fim da campanha.

3 disponíveis.

O Toque de Mulher é um coletivo de mulheres que, nascido em 2015, trabalha com artesanato em costura, colagens, crochê, esculturas e cosméticos naturais, e que resiste ao tempo e às adversidades que todo o trabalho empreendedor enfrenta.

Esse negócio mudou a minha vida no sentido da independência. Vivi muitos anos casada, desde os meus 14 anos de idade, logo engravidei e vivi dependente do meu marido, em um regime igual ao da minha mãe, avó, em que o homem era o provedor e a mulher submissa que sofria violência doméstica, aceitava ser traída e humilhada e não tinha própria renda. Quando resolvi a aprender a costurar, fazer artesanato, foi um grito de sobrevivência, de resistência e de empoderamento. Vivi mais de 15 anos em um relacionamento abusivo e com meus sonhos esquecidos. Quando comecei a vender os meus produtos era contra a vontade dele, mas era uma forma de me libertar daquela prisão. Com muita luta consegui reunir mulheres com o mesmo problema que eu, cheias de dilemas e cicatrizes que muito tem a dizer da nossa história e do machismo nas bandas do norte e da Amazônia. Hoje trabalhamos com envios pelos correios, vendas por redes sociais, entre outras, mas nosso faturamento caiu consideravelmente. Quero ter a oportunidade de continuar trabalhando com minhas guerreiras, mulheres batalhadoras que conseguem fazer da dor lindas flores de artesanato. Lutamos por mais essa oportunidade em nossas vidas!

A pandemia fez com que o nosso negócio a praticamente fechar, para evitar aglomerações – e muitas das nossas artesãs é da área de risco também – fazendo com que dívidas fossem cumuladas e dificultando nos mantermos trabalhando e garantir o sustento de nossos filhos.

Nos ajude a continuar tecendo sonhos com a Toque de Mulher.

Com o valor arrecadado pretendemos acertar as dívidas que surgiram no período de pandemia, como aluguel do espaço e de fornecedores, além de complementar a renda das mulheres artesãs do negócio.

O objetivo é continuar funcionando mesmo após essa pandemia, fortalecendo o negócio, pagando dívidas, comprando insumos novos, gerando renda aos fornecedores e as mulheres envolvidas no Coletivo Toque de Mulher.

Nosso negócio precisou se adaptar para esse período de pandemia, estamos produzindo em casa, algumas ainda no espaço, e temos a internet a nosso favor que precisamos explorar melhor. O valor arrecadado com a campanha vai nos ajudar a explorar mais a venda online e fazer com que o negócio se torne mais lucrativo e sustentável.

Match-funding é como uma vaquinha turbinada: uma nova modalidade de fomento, que mistura o financiamento coletivo (ou crowd-funding) com aporte de parceiros, que multiplicam a arrecadação. Para cada R$ 1 arrecadado pelos projetos selecionados por intermédio da plataforma da Benfeitoria, o Fundo Colaborativo Enfrente contribui com mais R$ 2, até que o valor de R$15.000 seja alcançado.

O Fundo Colaborativo Enfrente, composto pela Fundação Tide Setubal e demais parceiros (vide aba “Parceiros” em benfeitoria.com/enfrente) poderá aportar o total de mais R$ 1.500.000,00 ( um milhão e 500 mil reais) para triplicar a arrecadação de campanhas de financiamento coletivo para recuperação de micro e pequenos negócios das periferias afetados pela pandemia. O Fundo Colaborativo segue aberto para novos parceiros que desejam destinar recursos para as periferias urbanas brasileiras.

CLEMILSA ALVES DA SILVA ainda não publicou nenhuma notícia.

O Toque de Mulher é um coletivo de mulheres que, nascido em 2015, trabalha com artesanato em costura, colagens, crochê, esculturas e cosméticos naturais, e que resiste ao tempo e às adversidades que todo o trabalho empreendedor enfrenta.

Esse negócio mudou a minha vida no sentido da independência. Vivi muitos anos casada, desde os meus 14 anos de idade, logo engravidei e vivi dependente do meu marido, em um regime igual ao da minha mãe, avó, em que o homem era o provedor e a mulher submissa que sofria violência doméstica, aceitava ser traída e humilhada e não tinha própria renda. Quando resolvi a aprender a costurar, fazer artesanato, foi um grito de sobrevivência, de resistência e de empoderamento. Vivi mais de 15 anos em um relacionamento abusivo e com meus sonhos esquecidos. Quando comecei a vender os meus produtos era contra a vontade dele, mas era uma forma de me libertar daquela prisão. Com muita luta consegui reunir mulheres com o mesmo problema que eu, cheias de dilemas e cicatrizes que muito tem a dizer da nossa história e do machismo nas bandas do norte e da Amazônia. Hoje trabalhamos com envios pelos correios, vendas por redes sociais, entre outras, mas nosso faturamento caiu consideravelmente. Quero ter a oportunidade de continuar trabalhando com minhas guerreiras, mulheres batalhadoras que conseguem fazer da dor lindas flores de artesanato. Lutamos por mais essa oportunidade em nossas vidas!

A pandemia fez com que o nosso negócio a praticamente fechar, para evitar aglomerações – e muitas das nossas artesãs é da área de risco também – fazendo com que dívidas fossem cumuladas e dificultando nos mantermos trabalhando e garantir o sustento de nossos filhos.

Nos ajude a continuar tecendo sonhos com a Toque de Mulher.

Com o valor arrecadado pretendemos acertar as dívidas que surgiram no período de pandemia, como aluguel do espaço e de fornecedores, além de complementar a renda das mulheres artesãs do negócio.

O objetivo é continuar funcionando mesmo após essa pandemia, fortalecendo o negócio, pagando dívidas, comprando insumos novos, gerando renda aos fornecedores e as mulheres envolvidas no Coletivo Toque de Mulher.

Nosso negócio precisou se adaptar para esse período de pandemia, estamos produzindo em casa, algumas ainda no espaço, e temos a internet a nosso favor que precisamos explorar melhor. O valor arrecadado com a campanha vai nos ajudar a explorar mais a venda online e fazer com que o negócio se torne mais lucrativo e sustentável.

Match-funding é como uma vaquinha turbinada: uma nova modalidade de fomento, que mistura o financiamento coletivo (ou crowd-funding) com aporte de parceiros, que multiplicam a arrecadação. Para cada R$ 1 arrecadado pelos projetos selecionados por intermédio da plataforma da Benfeitoria, o Fundo Colaborativo Enfrente contribui com mais R$ 2, até que o valor de R$15.000 seja alcançado.

O Fundo Colaborativo Enfrente, composto pela Fundação Tide Setubal e demais parceiros (vide aba “Parceiros” em benfeitoria.com/enfrente) poderá aportar o total de mais R$ 1.500.000,00 ( um milhão e 500 mil reais) para triplicar a arrecadação de campanhas de financiamento coletivo para recuperação de micro e pequenos negócios das periferias afetados pela pandemia. O Fundo Colaborativo segue aberto para novos parceiros que desejam destinar recursos para as periferias urbanas brasileiras.

CLEMILSA ALVES DA SILVA ainda não publicou nenhuma notícia.