[CE] Verde Vida Solidário |

[CE] Verde Vida Solidário

Contribua com a doação de 500 cestas básicas para famílias do distrito de Ponta da Serra, zona rural de Crato-CE. Ajude centenas de crianças e adolescentes

Projeto por: Projeto Verde Vida
R$ 3.750,00
arrecadado
meta R$ 28.050,00

3
benfeitores

13%
arrecadado

10
dias restantes

PARCELE SEU PAGAMENTO EM ATÉ 6 VEZES

Ajude-nos a bater nossa meta até 12/07/2020 - 23:59


POR

Projeto Verde Vida

Projeto Verde Vida
R$ 20
Apoiar essa campanha com R$ 20
Seja o primeiro a apoiar!
R$ 45
Camisa do Verde Vida
Seja o primeiro a apoiar!
Camisa em malha verde com a arte do Projeto Verde Vida Previsão de entrega: 45 dias

20 disponíveis.
R$ 80
Apoiar essa campanha com R$ 80
Seja o primeiro a apoiar!
R$ 100
Apoiar essa campanha com R$ 100
Seja o primeiro a apoiar!
R$ 200
Apoiar essa campanha com R$ 200
1 benfeitor apoiando
R$ 300
Apoiar essa campanha com R$ 300
Seja o primeiro a apoiar!
R$ 500
Apoiar essa campanha com R$ 500
Seja o primeiro a apoiar!
R$ 1.000
Apoiar essa campanha com R$ 1000
Seja o primeiro a apoiar!
R$ 3.000
Apoiar essa campanha com R$ 3000
Seja o primeiro a apoiar!

Não encontrou o que queria?

Outro valor

Todo o montante arrecadado será destinado a aquisição de 500 cestas básicas e itens de higiene pessoal que serão distribuídos junto a 250 famílias do distrito de Ponta da Serra, zona rural de Crato-CE. As famílias indicadas são atendidas pelo Projeto Verde Vida em suas atividades sistemáticas, já possuem cadastro contendo endereço e demais informações de contato. Com a aquisição dos produtos no comércio local organizamos cronograma de entrega e distribuição junto aos sítios e comunidades atendidas. Divulgamos o cronograma na comunidade, nos grupos e redes sociais, e no dia e horário determinado é realizada a entrega dos donativos. Ressaltamos que em todas as ações de distribuição de donativos seguimos as orientações de distanciamento, uso de máscaras e álcool 70 para higienização e manuseio de produtos.

Criado em 1993 e legalmente constituído em 08/10/1998, em 2011 foi o Vencedor Nacional do Prêmio Itaú/UNICEF intitulado “Experiências que Transformam”, o Verde Vida é uma organização não governamental legalmente constituída em 1998. Nasceu da iniciativa do artista plástico Marcos Xenofonte de Almeida, que por 10 anos desenvolveu trabalhado de garantia e defesa de direitos de crianças e adolescentes em situação de rua na cidade de Recife/PE. Em 1993, de volta à zona rural, ao Sítio Catingueira no Crato/CE, iniciou atividades com foco na valorização da cultura local junto a crianças e adolescentes do meio rural. A ideia surgiu da constatação de que as crianças da localidade abandonavam a escola para trabalharem com os pais na “roça”, e as que permaneciam tinham baixo rendimento escolar. Marcos Xenofonte enxergou naquela região castigada pela aridez e seca outras cores e possibilidades. Levando novas experiências, trocas e aprendizagens no campo da arte e cultura, da educação integral e por meio do resgate e valorização da identidade regional, o caminho para a construção de outras narrativas e sonhos pessoais e coletivos. De forma orgânica Marcos Xenofonte e o Verde Vida estão presentes e atuantes no compromisso coletivo de contribuir com a vivencia de direitos e com isso de uma vida melhor para a população do campo.

Recebem as doações das cestas básicas e itens de higiene, 250 famílias cadastradas nas ações do Verde Vida oriundas de sete sítios e comunidades parceiras localizadas no entorno do distrito de Ponta da Serra, a saber: Sítio Rodeador, Vila Vitório, Vila Porfírio, Palmeirinha dos Brito, Palmeirinha dos Vilar, Juá e o distrito Ponta da Serra. Essas famílias em sua grande maioria dependem de programas governamentais, trabalham na agricultura de subsistência ou em olarias e fabricas de cerâmica da região. As condições já precárias de sobrevivência agora agravadas pelas ações emergências de enfrentamento ao Coronavírus, como o isolamento e confinamento social, têm recaído na falta de renda e com isso na violação da garantia alimentar e nutricional, são centenas as famílias que estão passando privação de alimentos básicos. No meio rural essa situação é preocupante uma vez que associada a falta de informações está a carência alimentar que possibilite, inclusive, o fortalecimento da defesa imunológica.

As ações de enfrentamento que estamos realizando frente a epidemia do COVID-19 em nosso Distrito de Ponta de Serra contam com a articulação junto a amigos, parceiros e órgãos de Conselhos municipais. Estamos preocupados com a situação vulnerável da população mais carente e ainda com a população migrante venezuelana que chegou em nosso município. Solidariedade é o instrumento que usamos nesse momento de extrema dificuldade que todos passamos. As medidas que estamos tomando buscam satisfazer as necessidades de informação, atenção e proteção de todos às famílias dos nossos atendidos, especialmente os mais vulneráveis ​​devido à idade, condições físicas e econômicas.

Match-funding é como uma vaquinha turbinada: uma nova modalidade de fomento, que mistura o financiamento coletivo (ou crowd-funding) com aporte de parceiros, que multiplicam a arrecadação. Para cada R$ 1 arrecadado pelos projetos selecionados por intermédio da plataforma da Benfeitoria, o Fundo Colaborativo Enfrente contribui com mais R$ 2, até que o valor de R$30.000 seja alcançado.

O Fundo Colaborativo Enfrente, composto pela Fundação Tide Setubal e demais parceiros (vide aba “Parceiros” em benfeitoria.com/enfrente) poderá aportar o total de mais R$ 4.000.000,00 (quatro milhões de reais) para triplicar a arrecadação de campanhas de financiamento coletivo de iniciativas que enfrentem os efeitos do Coronavírus nas periferias urbanas brasileiras. Por se tratar de um Fundo Colaborativo e aberto a novos parceiros, o montante destinado a triplicação dos projetos pode ainda aumentar, possibilitando um número maior de iniciativas contempladas.

 

Projeto Verde Vida ainda não publicou nenhuma notícia.

Todo o montante arrecadado será destinado a aquisição de 500 cestas básicas e itens de higiene pessoal que serão distribuídos junto a 250 famílias do distrito de Ponta da Serra, zona rural de Crato-CE. As famílias indicadas são atendidas pelo Projeto Verde Vida em suas atividades sistemáticas, já possuem cadastro contendo endereço e demais informações de contato. Com a aquisição dos produtos no comércio local organizamos cronograma de entrega e distribuição junto aos sítios e comunidades atendidas. Divulgamos o cronograma na comunidade, nos grupos e redes sociais, e no dia e horário determinado é realizada a entrega dos donativos. Ressaltamos que em todas as ações de distribuição de donativos seguimos as orientações de distanciamento, uso de máscaras e álcool 70 para higienização e manuseio de produtos.

Criado em 1993 e legalmente constituído em 08/10/1998, em 2011 foi o Vencedor Nacional do Prêmio Itaú/UNICEF intitulado “Experiências que Transformam”, o Verde Vida é uma organização não governamental legalmente constituída em 1998. Nasceu da iniciativa do artista plástico Marcos Xenofonte de Almeida, que por 10 anos desenvolveu trabalhado de garantia e defesa de direitos de crianças e adolescentes em situação de rua na cidade de Recife/PE. Em 1993, de volta à zona rural, ao Sítio Catingueira no Crato/CE, iniciou atividades com foco na valorização da cultura local junto a crianças e adolescentes do meio rural. A ideia surgiu da constatação de que as crianças da localidade abandonavam a escola para trabalharem com os pais na “roça”, e as que permaneciam tinham baixo rendimento escolar. Marcos Xenofonte enxergou naquela região castigada pela aridez e seca outras cores e possibilidades. Levando novas experiências, trocas e aprendizagens no campo da arte e cultura, da educação integral e por meio do resgate e valorização da identidade regional, o caminho para a construção de outras narrativas e sonhos pessoais e coletivos. De forma orgânica Marcos Xenofonte e o Verde Vida estão presentes e atuantes no compromisso coletivo de contribuir com a vivencia de direitos e com isso de uma vida melhor para a população do campo.

Recebem as doações das cestas básicas e itens de higiene, 250 famílias cadastradas nas ações do Verde Vida oriundas de sete sítios e comunidades parceiras localizadas no entorno do distrito de Ponta da Serra, a saber: Sítio Rodeador, Vila Vitório, Vila Porfírio, Palmeirinha dos Brito, Palmeirinha dos Vilar, Juá e o distrito Ponta da Serra. Essas famílias em sua grande maioria dependem de programas governamentais, trabalham na agricultura de subsistência ou em olarias e fabricas de cerâmica da região. As condições já precárias de sobrevivência agora agravadas pelas ações emergências de enfrentamento ao Coronavírus, como o isolamento e confinamento social, têm recaído na falta de renda e com isso na violação da garantia alimentar e nutricional, são centenas as famílias que estão passando privação de alimentos básicos. No meio rural essa situação é preocupante uma vez que associada a falta de informações está a carência alimentar que possibilite, inclusive, o fortalecimento da defesa imunológica.

As ações de enfrentamento que estamos realizando frente a epidemia do COVID-19 em nosso Distrito de Ponta de Serra contam com a articulação junto a amigos, parceiros e órgãos de Conselhos municipais. Estamos preocupados com a situação vulnerável da população mais carente e ainda com a população migrante venezuelana que chegou em nosso município. Solidariedade é o instrumento que usamos nesse momento de extrema dificuldade que todos passamos. As medidas que estamos tomando buscam satisfazer as necessidades de informação, atenção e proteção de todos às famílias dos nossos atendidos, especialmente os mais vulneráveis ​​devido à idade, condições físicas e econômicas.

Match-funding é como uma vaquinha turbinada: uma nova modalidade de fomento, que mistura o financiamento coletivo (ou crowd-funding) com aporte de parceiros, que multiplicam a arrecadação. Para cada R$ 1 arrecadado pelos projetos selecionados por intermédio da plataforma da Benfeitoria, o Fundo Colaborativo Enfrente contribui com mais R$ 2, até que o valor de R$30.000 seja alcançado.

O Fundo Colaborativo Enfrente, composto pela Fundação Tide Setubal e demais parceiros (vide aba “Parceiros” em benfeitoria.com/enfrente) poderá aportar o total de mais R$ 4.000.000,00 (quatro milhões de reais) para triplicar a arrecadação de campanhas de financiamento coletivo de iniciativas que enfrentem os efeitos do Coronavírus nas periferias urbanas brasileiras. Por se tratar de um Fundo Colaborativo e aberto a novos parceiros, o montante destinado a triplicação dos projetos pode ainda aumentar, possibilitando um número maior de iniciativas contempladas.

 

Projeto Verde Vida ainda não publicou nenhuma notícia.