VREye em Brasília! |

VREye em Brasília!

VREye: universalizando gratuitamente o acesso à educação inclusiva de alunos com baixa visão no Ceará por meio de app de realidade aumentada.

Projeto por: Marcelo Martins da Silva
R$ 1.630,00
arrecadado
meta R$ 4.000,00

20
benfeitores

40%
arrecadado

3
dias restantes

É tudo ou nada! Precisamos bater a meta até 21/10/2019 - 23:59

POR

Marcelo Martins da Silva

Marcelo Martins da Silva

R$ 10
vale-transporte
5 benfeitores apoiando
email de agradecimento dos participantes do projeto
R$ 25
marmita
3 benfeitores apoiando
email especial de agradecimento + post de agradecimento no instagram oficial @smartglasses.qx
R$ 50
hostel coletivo
2 benfeitores apoiando
email especial de agradecimento + post de agradecimento no instagram oficial @smartglasses.qx + post especial de agradecimento nas páginas oficiais do INOVE - núcleo de inovação e empreendedorismo da Universidade Federal do Ceará - campus Quixadá @inove_ufcquixada.
R$ 100
inscrição no evento
4 benfeitores apoiando
email especial de agradecimento + post de agradecimento no instagram oficial @smartglasses.qx + post especial de agradecimento nas páginas oficiais do INOVE - núcleo de inovação e empreendedorismo da Universidade Federal do Ceará - campus Quixadá @inove_ufcquixada + assinatura na bandeira do Ceará que levaremos para o evento
R$ 200
milhas aéreas
3 benfeitores apoiando
email especial de agradecimento + post de agradecimento no instagram oficial @smartglasses.qx + post especial de agradecimento nas páginas oficiais do INOVE - núcleo de inovação e empreendedorismo da Universidade Federal do Ceará - campus Quixadá @inove_ufcquixada + assinatura na bandeira do Ceará que levaremos para o evento + vídeo de agradecimento direto do Congresso Brasileiro de Informática na Educação + 1 adesivo do projeto.
R$ 300
passagens aéreas
1 benfeitor apoiando
email especial de agradecimento + post de agradecimento no instagram oficial @smartglasses.qx + post especial de agradecimento nas páginas oficiais do INOVE - núcleo de inovação e empreendedorismo da Universidade Federal do Ceará - campus Quixadá + assinatura na bandeira do Ceará que levaremos para o evento + vídeo de agradecimento direto do Congresso Brasileiro de Informática na Educação + vídeo de agradecimento institucional nas páginas oficiais da equipe e do inove @smartglasses.qx e @inove_ufcquixada + 1 adesivo do projeto + 1 botton do projeto.

Não encontrou o que queria?

Apoie com qualquer valor

O VREye é um projeto social que busca universalizar o acesso à educação inclusiva, por meio de um aplicativo de realidade aumentada para alunos com baixa visão, o aplicativo que será distribuido de forma GRATUITA foi desenvolvido por um grupo de alunos VOLUNTÁRIOS do INOVE (Núcleo de Inovação e Empreendedorismo da Universidade Federal do Ceará - Campus Quixadá),com o objetivo de auxilar o seu colega de turma que perdeu grande parte da visão no período de férias da Faculdade, devida à aquisição de uma bactéria . Com isso, percebemos que a solução desenvolvida pode ajudar não somente o aluno do campus mas expandir para quaisquer outros alunos do ensino básico ao superior GRATUITAMENTE.

 

Então pessoal,

 

Somos alunos da UFC QUIXADÁ e PRE-CI-SA-MOS de sua ajuda para concluir o desenvolvimento de uma tecnologia para ALUNOS COM BAIXA VISÃO

É UMA CAUSA NOBRE que você pode ajudar a tornar realidade!

A tecnologia está em fase de prototipagem e foi selecionada para concorrer em uma competição nacional e a nossa CONTRAPARTIDA será disponibilizá-la GRATUITAMENTE na Playstore! Só precisamos apresentá-la antes!

VR EYE: Aplicativo de Realidade Aumentada para auxiliar alunos com baixa visão em ambientes escolares capaz de  ampliar o campo de visão por comandos de voz facilitando atividades educacionais como ler, visualizar gráficos e  textos e atividades escolares a ser apresentado no Apps.EDU dentro do CBIE- Congresso Brasileiro de Informática na Educação em novembro.

 

O CUSTO TOTAL para 2 pessoas no evento é de aproximadamente R$ 4.000,00  incluindo inscrições, passagens aérea promocionais, hospedagem baratinha, tickets de ônibus e marmita simples pra almoçar. Ajuda a gente! :)

Se você se interessou e quer saber mais como funciona a solução e ficar convencido de que nos ajudar é a melhor coisa que você poderia fazer hoje, dá uma olhadinha no nosso vídeo explicativo! É rápido!

 

Sua CONTRIBUIÇÃO é FUNDAMENTAL para a causa dos DEFICIENTES VISUAIS!

Muito obrigado a todos que chegaram até aqui, que puderem contribuir, compartilhar ou torcer pra dar certo! Vamos mostrar ao mundo a força da tecnologia desenvolvida no Sertão Central cearense e da universidade pública!

 

Abraço,

 

Marcelo Martins, Jeimison Moreno e Roberta Dutra!

 

 

 

Veja mais sobre o VREye em :

 

http://blogs.diariodonordeste.com.br/narede/ciencia/estudantes-do-campus-da-ufc-em-quixada-desenvolvem-aplicativo-de-realidade-aumentada/11965

 

https://www.opovo.com.br/noticias/ceara/quixada/2019/07/26/estudantes-do-sertao-cearenses-usam-realidade-aumentada-para-auxiliar-pessoas-com-baixa-visao.html

 

http://www.ufc.br/noticias/13271-estudantes-do-campus-da-ufc-em-quixada-desenvolvem-aplicativo-de-realidade-aumentada

 

O VREye é um projeto social que busca universalizar o acesso à educação inclusiva, por meio de um aplicativo de realidade aumentada para alunos com baixa visão, o aplicativo que será distribuido de forma GRATUITA foi desenvolvido por um grupo de alunos VOLUNTÁRIOS do INOVE (Núcleo de Inovação e Empreendedorismo da Universidade Federal do Ceará - Campus Quixadá),com o objetivo de auxilar o seu colega de turma que perdeu grande parte da visão no período de férias da Faculdade, devida à aquisição de uma bactéria . Com isso, percebemos que a solução desenvolvida pode ajudar não somente o aluno do campus mas expandir para quaisquer outros alunos do ensino básico ao superior GRATUITAMENTE.

 

Então pessoal,

 

Somos alunos da UFC QUIXADÁ e PRE-CI-SA-MOS de sua ajuda para concluir o desenvolvimento de uma tecnologia para ALUNOS COM BAIXA VISÃO

É UMA CAUSA NOBRE que você pode ajudar a tornar realidade!

A tecnologia está em fase de prototipagem e foi selecionada para concorrer em uma competição nacional e a nossa CONTRAPARTIDA será disponibilizá-la GRATUITAMENTE na Playstore! Só precisamos apresentá-la antes!

VR EYE: Aplicativo de Realidade Aumentada para auxiliar alunos com baixa visão em ambientes escolares capaz de  ampliar o campo de visão por comandos de voz facilitando atividades educacionais como ler, visualizar gráficos e  textos e atividades escolares a ser apresentado no Apps.EDU dentro do CBIE- Congresso Brasileiro de Informática na Educação em novembro.

 

O CUSTO TOTAL para 2 pessoas no evento é de aproximadamente R$ 4.000,00  incluindo inscrições, passagens aérea promocionais, hospedagem baratinha, tickets de ônibus e marmita simples pra almoçar. Ajuda a gente! :)

Se você se interessou e quer saber mais como funciona a solução e ficar convencido de que nos ajudar é a melhor coisa que você poderia fazer hoje, dá uma olhadinha no nosso vídeo explicativo! É rápido!

 

Sua CONTRIBUIÇÃO é FUNDAMENTAL para a causa dos DEFICIENTES VISUAIS!

Muito obrigado a todos que chegaram até aqui, que puderem contribuir, compartilhar ou torcer pra dar certo! Vamos mostrar ao mundo a força da tecnologia desenvolvida no Sertão Central cearense e da universidade pública!

 

Abraço,

 

Marcelo Martins, Jeimison Moreno e Roberta Dutra!

 

 

 

Veja mais sobre o VREye em :

 

http://blogs.diariodonordeste.com.br/narede/ciencia/estudantes-do-campus-da-ufc-em-quixada-desenvolvem-aplicativo-de-realidade-aumentada/11965

 

https://www.opovo.com.br/noticias/ceara/quixada/2019/07/26/estudantes-do-sertao-cearenses-usam-realidade-aumentada-para-auxiliar-pessoas-com-baixa-visao.html

 

http://www.ufc.br/noticias/13271-estudantes-do-campus-da-ufc-em-quixada-desenvolvem-aplicativo-de-realidade-aumentada

 

Marcelo Martins da Silva ainda não publicou nenhuma notícia.